Shri Krishna Puja: Ascendendo Além do Vishuddhi, O Estado do Virata

Cabella Ligure, Campus (Itália)

Feedback
Share

Shri Krishna Puja Cabella, Itália, 16.08.1992

Hoje, nós decidimos fazer o Puja de Shri Krishna. Nós fizemos muitas vezes esse Puja… e compreendemos a essência do advento de Shri Krishna, que ocorreu há 6.000 anos. Agora, o que a Sua manifestação foi, o que Ele queria que fosse… realizado, tem de ser feito nesta Kali Yuga. Na realidade, esta Kali Yuga está entrando… em um novo reino da Satya Yuga. Mas, entre elas existe… a Krita Yuga, onde este Brahma Chaitanya ou, podemos dizer, o Poder Onipresente do Amor Divino irá atuar. Nesta época, o que irá acontecer com os poderes de Shri Krishna? Isso é o que temos de observar. Shri Krishna, como Eu lhes disse, era a encarnação também da diplomacia. Portanto, Ele brinca bastante e, no final, Ele expõe a inverdade e a falsidade. Mas fazendo isso, Ele julga as pessoas. Então, é muito importante que os poderes de Shri Krishna… de Sua diplomacia serem manifestados neste momento do Juízo Final.

Portanto, agora, seja o que for que tenhamos feito de errado antes, sejam quais forem os karmas que tenham sido feitos na ignorância talvez… ou talvez deliberadamente, todos eles serão pagos. Essas punyas que fizemos em vidas passadas, nesta vida.. serão também recompensadas. Tudo isso é feito através dos princípios de coletividade de Shri Krishna, onde Ele observa coletivamente a situação. Por exemplo, como Eu lhes contei da última vez também, Colombo felizmente veio para a América. Felizmente. Então fomos salvos, senão não estaríamos aqui. E depois esses espanhóis, toureiros, eles foram e começaram a lutar… contra as pessoas pobres e desarmadas, que eram apenas simples proprietários daquela terra. Mas eles foram e ocuparam aquelas terras e mataram cada um deles. Portanto na América, você não consegue encontrar ninguém, seem dúvida. Mas mesmo na América do Sul, você tem de ir para Colômbia ou Bolívia, para as grandes altitudes, para ver alguns aborígines lá, quanto ao resto, a maioria deles está exterminada.

Então, agora na Krita Yuga, todas essas doenças começaram a surgir. Mas a parte principal é o vício em drogas. Para sua informação, essas drogas são feitas na Bolívia e na Colômbia. Vocês os puxaram lá para baixo, então, agora, vocês têm as drogas… e muito gentilmente, vocês estão dando boas-vindas a elas. Pessoas foram à Nicarágua para ajudá-los… e trouxeram todas essas drogas horríveis para Washington, e em toda elite da sociedade, eles estão somente discutindo… qual é a melhor droga, onde é vendida e onde devem comprar as drogas. Então toda a América está agora preocupada com quanta droga… eles podem importar e matarem a si mesmos e se destruírem. Portanto, esta destruição começou de dentro. Então, além disso, quando Eu fui lá, pela primeira vez, Eu lhes disse… para não serem condescendentes com essas práticas freudianas, mas que mantivessem a moralidade, senão vocês terão problemas. Então, eles tiveram primeiro a AIDS, em segundo lugar, agora a doença dos yuppies… e eles têm todos os tipos de doenças sexualmente transmissíveis. A cada dez pessoas, há pelo menos uma pessoa que está sofrendo disso… e a cada vinte pessoas, haverá pelo menos uma pessoa… que deve estar sofrendo de esquizofrenia.

Porque eles tornaram todas as pessoas, todos os outros países nervosos, então agora, eles estão tendo esquizofrenia. Desse jeito, nós podemos ver na Inglaterra. Agora, da Inglaterra, eles vieram para a Índia… como comerciantes, comerciantes comuns, e nos saquearam completamente, sem dúvida, nos governaram por 300 anos, como Eu digo, com a “sua cordial hospitalidade” que eles tinham… e nos deixaram em três pedaços. E agora, em seu próprio país, há problemas, todos os tipos. Antes de tudo, ninguém quer ser chamado de inglês. Todos eles chamam a si mesmos de galeses ou de escoceses… ou em especial, de irlandeses. E há sempre um medo de bomba em Londres, a todo momento. No nosso primeiro programa, também houve medo de bomba. Então, vocês podem imaginar, esses ingleses que tentaram… nos dividir estão automaticamente divididos entre eles mesmos, e agora estão lutando uns com os outros. Mas há outros problemas também, como a AIDS, vida imoral e todas as coisas assim.

O mesmo com os franceses. Os franceses tentaram vender os seus vinhos por toda parte… e trazer o seu horrível hábito cultural de banho para todos os lugares. Agora, estão sofrendo por isso. Por exemplo, a maior parte do tempo eles estão bêbados… e perderam todas as amarras, eles não têm nenhum juízo nas suas cabeças. Por exemplo, uma dona de casa pode ser uma prostituta… com a permissão da lei. Todas essas coisas estão acontecendo. Agora eles estão pagando, e o pior que eles estão pagando, todos esses países que acham que não há limites para eles mesmos, é a recessão. Isso também é parte de Shri Krishna, porque Ele é Kubera. Ele é Aquele que é o poder da riqueza. Ele deu muitas riquezas a todos esses países… e agora, eles não sabem o que fazer com eles mesmos.

Nós podemos ver nestes 50 anos quantas coisas aconteceram, mas especialmente, estes 20 anos têm sido realmente notáveis. No mundo inteiro, vocês podem descobrir que tem acontecido um tipo de… mudança completa ou uma exposição. Mesmo na Itália, você vê que todo dia esse Vaticano aqui é exposto… ou alguma conexão mafiosa está lá… ou essas, que vocês chamam, pessoas do governo são expostas. Eu não estou fazendo nada, estou apenas sentada aqui. Mas isso está funcionando dessa forma. Desde que Eu estou aqui, Eu não sei quantas pessoas foram para a cadeia. Só Deus sabe. Eu não sei, ela não trouxe as Minhas pastilhas de garganta. Tomei um banho de manhã cedo, então está um pouco… Shri Krishna está tentando Me abastecer. Nós indianos também estamos sofrendo por causa de nossas ações passadas, por exemplo, nós temos o sistema de castas.

Então, o sistema de castas se tornou a maior dor de cabeça para nós na Índia. Esse é o maior câncer para nós. Desse modo, em todo o lugar, estes 20 ou 21 anos têm sido… Portanto, desse modo, em cada país vocês verão gradualmente, que cada país terá de encarar o que ele fez. Também, o estilo próprio de Shri Krishna era… que Ele nunca acreditou no sistema de castas. Ele próprio nasceu numa casta que é, o que vocês chamam, de vaqueiros… e depois Ele se tornou um rei, é claro. Mas, antes de tudo, Ele viveu como uma pessoa comum. Ele levava as vacas para fora, cuidava delas e as trazia para casa. Agora, se vocês observarem a vida Dele, perceberão que Ele era completamente muito humano, o modo como Ele brincava com Sua mãe, com as outras senhoras. Tudo isso é extremamente humano e infantil e extremamente doce. Mas, por trás disso, também havia um grande significado.

Por exemplo, Shri Radha, como sabem, Ela era Mahalakshmi, e como Mahalakshmi, Ela banhava os Seus Pés no rio Yamuna. As mulheres que pegavam água desse mesmo rio, carregavam nas suas cabeças os vasos. Agora, Shri Krishna queria levantar a Kundalini delas, então Ele atingia os vasos por trás, de forma que a água caia sobre… suas costas e essa água vibrada elevava as suas Kundalinis. Essa era a Sua brincadeira infantil, mas tinha um significado. Outro caso, é quando O vemos jogando Ras. Ra significa energia. Radha, “Ra” é energia e “dha” é aquela que sustenta. Portanto, Radhaji era quem tinha a energia. “Sa” significa “com”. Então, quando Eles jogavam Ras, estavam brincando com a energia.

E é desse modo que Ele queria ter o despertar coletivo das pessoas, dos gopas e gopis, e Ele o fez. Mas, depois, Ele teve de partir e lutar contra esse Kamsa. Durante a Sua vida, como uma criança ou adulto, Ele puniu todos os tipos de demônios… e mulheres demoníacas que eram como Putana e tudo mais. Ele fez isso e nesta Kali Yuga também, Ele está ativo. Vocês têm visto como, gradualmente, Ele tem liquidado tantos falsos gurus, um por um. Alguém que chamou a si mesmo de Shri Krishna, alguém que chamou a si mesmo de Deus e outras coisas mais. Ele liquidou a todos, os expôs e agora, nós temos muito poucas pessoas na arena que restaram para nós lutarmos. Eles mesmos estão tremendo e bastante amedrontados conosco, porque estamos nos sustentando na verdade. Portanto agora, é quando temos de pensar em Shri Krishna, que reside em nosso Vishuddhi Chakra. Muitas pessoas têm esse problema de Vishuddhi Esquerdo.

Isto é devido a sermos pessoas meio que muito sociais. Agora, na sociedade ocidental, o sistema social é tão rígido que… qualquer um pode ter um colapso com isso ou costumava ser assim. Agora está melhor, talvez, por causa das revoltas, da contracultura. Mas por outro lado, se você colocar uma colher daqui para lá, então você está acabado. Se você começar a comer com, digamos, não com a faca de peixe, mas com uma faca comum, então você está acabado, você é inútil. E esses franceses fizeram muito pior… ao usarem uma grande ciência a partir do álcool. Para esta bebida, este é o copo, para aquela bebida, este é o copo e tudo mais. Portanto, o coletivo todo foi construído muito rígido. É muito mais rígido do que na Índia. Eu achava que a coletivo indiano era muito rígido, por causa de certos condicionamentos que temos.

Mas depois de vir para o Ocidente, Eu fiquei surpresa ao ver que… é um tamanho condicionamento na cabeça das pessoas… que alguns dos condicionamentos você não consegue remover, digamos da Igreja Católica, você pode dizer, ou de onde quer que seja. Mas quando isso vem de alguém como Freud, que era sem dúvida um demônio, eles simplesmente abandonam… todos esses condicionamentos e adotam isso. Eu não posso entender qualquer país onde essa Igreja Católica… é tão predominante, eles estejam seguindo Freud. Então, essa rigidez coletiva existia, porque talvez Shri Rama era uma pessoa muito formal. Por causa Dele, talvez a rigidez coletiva tenha existido na Índia. Mas, no Ocidente, é tudo mental. É totalmente mental. Se você usa esse tipo de cabelo, então você está bem. Se você põe óleo, então você é totalmente louco. Todos os tipos estranhos de ideias eram dadas… e as pessoas começavam a agir assim.

Se você não puser óleo de forma alguma, você ficará careca. Se você ficar careca, então eles terão um mercado para suas perucas. Portanto, a coisa toda era orientada para o dinheiro… e tudo era feito tão fixo que você tinha de fazê-lo, de modo que eles pudessem vender suas coisas. Na Inglaterra, como vocês sabem, é o fraque. Você tem de usar um fraque se tiver de ver a rainha. Eu não entendo porque você tem de usar um fraque para ver a rainha, mas é obrigatório e se você não usar, então você não terá permissão. Então, eles têm de alugar estes fraques e tudo mais de alguma loja, que podem estar apertados ou folgados… e todo mundo fica parecido com Charlie Chaplin. Eles não conseguem andar direito. Portanto, esse tipo de rigidez estúpida que chegou ao Ocidente, realmente os tornou muito nervosos. As pessoas são tão nervosas aqui.

Se disserem para alguma mulher que Eu estou vindo… e que irei comer com vocês, ela irá desmaiar. Só Deus sabe o que ela pensa, quero dizer, é a preocupação com… a opinião pública ou o seu próprio condicionamento. Mas se a uma dona de casa indiana, se você lhe disser que você irá chegar, ela será a pessoa mais feliz. Ela ficará muito feliz por você vir à casa dela para jantar. Mas aqui, mesmo se você disser: “Eu gostaria de vir e vê-la à noite.” Elas dirão: “Tudo bem, venha para o bar.” Porque elas são tão nervosas, elas não estão seguras de si mesmas e isso surgiu, Eu acho, talvez a partir dessas normas que foram criadas no Ocidente. Na Índia, nós também temos muito desse ritualismo que… surgiu de forma muito séria. Como por exemplo, tínhamos pessoas, jainistas, que arrancavam seus cabelos com as mãos. Eles não deviam usar nenhuma faca ou tesoura ou ir ao barbeiro.

Então, eles deveriam arrancar os seus cabelos por conta própria, então a barba deles, eles arrancavam o tempo todo. Eles foram para um condicionamento tão terrível… que diziam que mesmo pela respiração… poderiam aspirar algum animal, então eles colocavam um tipo de tecido na frente da boca. E faziam todo o tipo de insensatez. Naquela época, Shri Krishna veio. O Seu próprio primo era um tirthankara, vocês ficarão surpresos, Neminath. Ele se tornou um tirthankara, e isso fez Shri Krishna pensar sobre isto, esse tipo de ritualismo estúpido que nós temos. Como por exemplo, pela manhã as mulheres acordam, irão, colocarão água para Tulsi, fazem isso, aquilo, jogam água aqui e ali. E também os páreas e os não páreas, e você não pode tomar água disso, não pode comer isso, não pode se mover dessa maneira. Todos os tipos de restrições, horários, tudo. Este momento não é bom, aquele momento não é bom, isso você não deveria fazer, aquilo você não deveria fazer, a uma tal dimensão que todo o movimento de nosso país… era em torno desse ritualismo.

Eu tinha sobrinhos que iam para Mumbai para trabalhar. Toda vez que iam para Lucknow, voltavam com as cabeças raspadas. Eu dizia: “Qual é o porblema? “, eles diziam: “Há muitas pessoas idosas na nossa família…” “e quando elas morrem, nós temos de raspar nossas cabeças.” Toda vez que iam lá alguém morria, então voltavam com suas cabeças raspadas. Rituais horríveis como esses existiram e mesmo agora no sul da Índia, há muitos rituais, rituais terríveis, e eles não podem se livrar disso, estão apavorados. Se livrarem-se deles, então podem ser pecadores ou irão para o inferno. Assim, o condicionamento indiano era no que se refere à rigidez religiosa, estar no canal direito de tal forma que… não deveríamos ser pegos sem fazer isso. Então de manhã cedo eles se levantam e fazem os rituais… sem nem mesmo pensar sobre o que eles estão fazendo. Mas no Ocidente, o estilo de vida é somente rigidez, todo o estilo de vida.

Não há liberdade em nenhum lugar. E tudo isso, houve uma revolta dos hippies e outras pessoas, todos eles lutaram contra isso e foi para outros extremos. Então, eles foram de um extremo ao outro. Agora, como o advento de Shri Krishna mudou isso? Quando Shri Krishna veio a esta Terra, Ele disse: “Isto tudo é uma Leela.” É apenas um jogo. Porque você está envolvido nisso, você não consegue ver o jogo. Mas, se você ascender, se você está na água, você está com medo da água. Mas, se você entra no barco, pode ver a água e se você sabe nadar, você pode até mesmo salvar as pessoas que estão na água. Então Ele disse que se você desenvolver um estado de testemunha, sakshi swarupata, se você desenvolver esse estado, então você vê tudo como uma peça teatral.

Nada o afeta, nada importa, você não se preocupa com nada, você vê o problema por cima. Você está e vê o problema e porque está fora dele, você pode resolvê-lo. Esse foi o Seu grande advento. Eu diria que Ele ensinou que o primeiro passo em direção à ascensão… é tornar-se um sakshi, você tem de se tornar a testemunha. Agora, vamos ver na Sahaja Yoga. Na Sahaja Yoga, há diferentes tipos de pessoas vindas de diferentes regiões, de diferentes culturas, porque a porta está aberta para todos. Agora, se um indiano entrar, ele ficará o tempo todo atento aos outros… e dirá: “Mãe, este homem…” “não está fazendo isto, este homem não está fazendo aquilo.” “Ele deveria ter feito footsoaking”. Ele encontrará falhas nos outros o tempo todo, dizendo que este homem não está fazendo dessa forma. Mas no Ocidente, eles começam a achar falhas neles mesmos.

E Eu recebo cartas, algumas vezes de dez, doze páginas, confessando quais erros eles cometeram. Quem está interessado em saber que erros cometeram? Quero dizer, se um lótus nasce, ninguém quer saber… quantas coisas sujas estão dentro do lago. Vocês são agora um lótus. Mas é tão comum, eles pensam: “Nós devemos confessar,” “precisamos dizer à Mãe que erros cometemos.” A todo momento, vocês estão mudando, então o que há para confessar? E a vida é tão formal, como Eu lhes disse, que as pessoas sofrem por se sentirem culpadas por qualquer coisa. À parte a influência dessa Igreja Católica, que tem condicionado tanto vocês, que mesmo se não forem católicos, forem protestantes, ainda assim se sentem culpados e com esssa culpa, vocês desenvolvem este Vishuddhi Esquerdo. Portanto, este Vishuddhi Esquerdo é Vishnumaya. Significa o quê?

Uma vez que tenham este Vishuddhi Esquerdo, vocês desenvolvem todos os problemas de Vishnumaya… e um deles é problema de coração. Porque Vishnumaya é algo ativo, Ela é como a eletricidade… e se vocês têm problemas de Vishnumaya, então vocês se tornam letárgicos. “Oh, eu sou tão culpado!” Vocês se tornam deprimidos. O princípio de Vishnumaya desaparece de vocês. Ela é Aquela que é veloz, rápida, Ela lhes dá a luz… e Ela anuncia ao mundo inteiro quem é Shri Krishna. Enquanto o que acontece com essas pessoas, os Sahaja Yogis que chegam, que sentem-se culpados, eles dizem: “Mãe, nós achamos que se fizermos isto, então o nosso ego vai crescer.” “Se fizermos qualquer trabalho externo,” “trabalhar em alguns campos ou vilarejos,” “então, o nosso ego crescerá. Portanto, não queremos fazê-lo.” Isso é um absurdo.

É como se você desse luz para outra luz e ela dissesse: “Eu não quero doar luz, porque talvez esta luz desenvolva um ego.” É um absurdo. Mas os Sahaja Yogis Me dizem essas coisas absurdas. Eles têm de entender que, para saírem deste Vishuddhi Esquerdo, é preciso que se tornem completamente dinâmicos na Sahaja Yoga. Façam o máximo pela Sahaja Yoga. Caso contrário, não poderão livrar-se do Vishuddhi Esquerdo. Vishuddhi Esquerdo é uma ação muito depressiva em todo o ser… e a pessoa que tem Vishuddhi Esquerdo é sempre muito lenta… para fazer qualquer coisa para a Sahaja Yoga. Vocês não receberam a luz para escondê-la. Cristo disse que você não coloca a luz sob a mesa. Então, foi lhes dada a luz para trabalharem, serem dinâmicos, para pensarem no que fazer, como providenciar, como organizar.

Mas se vocês se sentem culpados, então dirão o tempo todo: “Oh Mãe, é muito difícil, Você sabe disso…” Vocês sempre acharão o outro lado de toda a peça, apenas para evitar. Agora, um Sahaja Yogi deve testemunhar a si mesmo antes de tudo. Isso é introspecção. Você deve observar a si mesmo. “Onde eu estava e eu cheguei até aqui.” Não se entreguem em demasia ao passado, mas vejam a distância… que atravessaram em tão pouco tempo. Agora, vocês vieram para o Reino de Deus. Vocês têm todos os poderes. Eu não conto mentiras. Isso é um fato.

Eu lhes darei um exemplo, se Wolfgang Me permitir contar. Wolfgang estava Comigo quando viajamos de Praga para Viena… e ele Me disse que o vôo era às 10:30, mas era às 9:30, foi um erro, podem ocorrer erros, é claro. Esse também é um estilo de Shri Krishna. Vocês podem sempre cometer erros, não importa. Todas essas coisas acontecem para criar um evento, um ghatna. Assim, ele estava muito chateado de ter Me dito o horário errado… e Eu cheguei lá atrasada uns quinze minutos. Havia uma recepcionista horrível da companhia aérea, ela começou a gritar… Comigo, dizendo: “Não é justo, Você não sabe”, isso e aquilo, e tudo mais. Eu simplesmente não Me importei, porque Eu sabia que era… devido ao erro que cometemos. Eles poderiam ter decolado o avião ao invés de gritar, mas retiveram o avião e gritaram Comigo. Porque ela queria gritar.

O avião estava cheio de pessoas e não podia sair, então Eu perguntei para os engenheiros e eles disseram: “O avião está assim há meia hora, estamos tentando corrigir isso.” “está deste jeito.” “Então, tudo bem.” Ele disse: “Vocês terão de esperar até que o corrijamos.” Mas porque ela gritou Comigo, Wolfgang estava cheio de lágrimas. Imaginem este alemão com tantas lágrimas nos olhos. Então, Algas estava falando com ele: “Tudo bem, não importa, isto não foi erro seu.” Ele estava se sentindo tão triste: “A Mãe foi insultada…” “dessa jeito por aquela mulher, por causa do meu erro.” Isso é amor. O poder do seu amor era tão grande que no mesmo momento, havia tantos Sahaja Yogis, por volta de 50 pessoas, em frente ao balcão, nos observando.

Nós sentimos e eles também sentiram, mas eles sentiram uma tremenda… brisa fresca, como se uma grande rajada de vento chegasse neles, e soprasse vibrações sobre eles, eles simplesmente ficaram encantados. e de repente, quando abriram os olhos, perceberam que o céu inteiro… estava cheio de nuvens. Não havia uma única nuvem. Em um segundo, em um segundo, de onde vieram as nuvens, só Deus sabe. Estava tudo completamente coberto de nuvens. Então eles pediram para sairmos porque não podiam fazer nada. Então quando voltamos começou a chover. Quando ele veio, ele foi atrás daquela mulher e disse: “Agora com quem nós vamos gritar? Nós não podemos pegar nosso avião.” Então eles anunciaram que todos os voos estavam cancelados.

Vejam o poder de seu amor por sua Mãe. O céu inteiro não pôde aguentar. Seus olhos tornaram-se o céu. Em um segundo. Eles disseram: “Mãe, nunca tínhamos visto um milagre assim.” “Não havia uma única nuvem e a coisa toda ficou coberta com isso.” Portanto vocês devem conhecer os seus poderes. Antes de tudo, testemunhem a si mesmos. Isso é introspecção. Vejam por si mesmos quantos poderes adquiriram.

Agora, com o seu Vishuddhi Esquerdo, irão sempre concluir: “Como posso ter quaisquer poderes, afinal, eu fiz isto, eu fiz aquilo.” Mesmo que você dê a alguém cem libras e lhe diga: “Vá ao mercado e compre alguma coisa.” Ele dirá: “Oh! De que adianta essas cem libras? “, isso, aquilo. Use-as. É simples assim. Mas então os Sahaja Yogis começam a dizer: “Não, não, não, a Mãe disse, mas como eu posso ter?” “Afinal, como posso ter esses poderes? Não é possível, eu sou inútil.”

Porque este Vishuddhi Esquerdo está o tempo todo dizendo que você é inútil. É como um buraco com vazamento no seu cérebro, que leva embora todo o bom senso. E você aceita isso. Portanto, a primeira coisa é fazer uma instrospecção… e ver por si mesmo quantos poderes você adquiriu. Como, no começo, nenhum Sahaja Yogi dava a realização na Índia. Ninguém sequer entraria em contato com alguém. Então aconteceu que o Meu carro estragou… e Eu estava atrasada duas horas, felizmente. Havia um grande encontro… e eles não sabiam o que fazer, então começaram a dar a Realização… às pessoas e se deram conta de que eles podiam dar a Realização. Caso contrário não tocariam em ninguém. Agora vocês sabem o que podem fazer.

Vocês também sabem que tudo que digam acontece. Tudo que quiserem vocês podem conseguir. Tentem, tentem, tentem. Mas se não fizerem isso, então vocês estarão o tempo todo… desenvolvidos pela metade. Experienciem os seus poderes, vejam como vocês são dinâmicos, não tenham formalidades, apenas usem isso completamente… e ficarão surpresos ao ver que vocês têm muitos poderes. Alguém Me disse: “Mãe, a Senhora deu um siddhi (poder) para Guido.” Eu dei siddhis a todos vocês, Eu nunca discrimino. Mas a única coisa é que ele é muito corajoso. Ele tem usado muito. Ele usa muito, se vocês não usam os seus siddhis, o que Eu posso fazer?

Eu lhes dei todos os siddhis, não há dúvida sobre isso. Portanto tentem. Como, no começo, Baba Mama Me disse: “Como eu posso escrever um poema? Tenho vontade de escrever,” “mas estou muito assustado porque não consegui escrever mesmo uma redação.” Eu costumava escrever redações para todos os Meus irmãos… quando estavam estudando. Eu era muito boa em línguas. Mas foi isso o que ele disse… e agora olhem para ele. Eu lhe disse: “Vá em frente e escreva,” “seja o que for, escreva.” Ele disse: “Eu talvez escreva algo errado.” “Não importa, escreva.”

Da mesma maneira, se alguém quer pintar algo, não deve pensar… em como irão criticá-lo. Apenas pinte. Se você quer cantar, apenas cante. Se você quer fazer qualquer coisa, qualquer manifestação, apenas faça-o ousadamente. Vá de forma grandiosa. Você ficará surpreso consigo mesmo, com a forma como alcançou isso e como o está fazendo. Isso tem funcionado com tantos artistas, vocês sabem disso. Aquele dia Debu contou-lhes sobre ele… e são muitos, eles podem contar-lhes que isso tem acontecido a eles. Portanto, a primeiro coisa é saber que vocês têm poderes. Agora, acreditem neles, tenham fé em si mesmos.

Se tiverem Vishuddhi Esquerdo, esta Visnhumaya não terá efeito. Mas sejam como Vishnumaya. Apenas desistam dessa culpa. “Não! Eu sou um Sahaja Yogi, não sou uma pessoa comum.” Às vezes as pessoas falam Comigo e Eu digo: “Você sabe o que você é?” “O que Mãe?” “Você é um Sahaja Yogi.” “Oh, eu esqueci.” Agora, vá e faça isso.

E um outro estilo deste Vishuddhi Esquerdo, que vocês precisam entender, é que ele tenta dar explicações. Como Eu lhes disse, muitas vezes, quando você pede para alguém… telefonar para uma pessoa, primeiro dirão: “Ele pode não estar lá, Mãe.” “Baba, telefona. Primeiro descubra se ele está lá ou não.” Mas, eles não o farão. Eles simplesmente se esquivarão e isto é outra coisa: Vishnumaya nunca se esquiva, vocês têm visto isso. Uma vez que Ela tenha que brilhar, Ela brilha. Onde quer que Ela esteja, o que quer que Ela seja. Então, da mesma maneira, nós temos de ser assim. nós temos de saber que somos pessoas especiais, somos escolhidos, somos anjos, entramos no Reino de Deus e tudo dará certo.

A Sahaja Yoga não se destina a pessoas inúteis. Como lhes contei em Marathi, Tukarama disse: “Edia Gabalyache Kaam Nave.” Não é destinada a loucos e pessoas vis. É destinada para alguém que tem Tyala Paije Zatisa. Vocês precisam de pessoas de caráter. Eu sei que pode não… haver muitas pessoas assim, mas não há lugar no Reino de Deus… para muitas pessoas, para todas essas pessoas inúteis. É somente para algo especial. Esses assentos estão reservados… e vocês obtiveram a sua Realização agora, de algum modo. Então, agora tentem entender que o Princípio de Vishnumaya tem… de ser expresso, tem de ser mostrado… e façam introspecção: “Eu fiz isto ou não?” Não tenham medo de que digam: “Baba, nosso ego irá crescer.”

Não importa. Você também verá o seu ego. Esta é a segunda parte do jogo de Shri Krishna que, nesta Krita Yuga, você vê o seu ego. Havia uma mulher que não era muito gentil… com algumas senhoras de Maharahstra. Então Eu lhe disse: “Você está muito canal direito.” Ela não acreditou. Ela veio Me ver em Roma e caiu, no lado direito, completamente. Então ela percebeu que seu canal direito não estava bem. Portanto, para saber se você tem bloqueio no canal direito ou esquerdo, existe um método muito bom que é o da meditação. Agora, a terceira situação é que você tem de aceitar… seja o que for que estiver errado com você.

Se você não aceita, então você não está sendo gentil consigo mesmo. Essa é a parte central disto, você tem de aceitar. “Sim, isto é algo errado comigo.” “Entrei nesta parte em que estou errado, do meu Vishuddhi,” “ou naquela parte, eu estou errado. Então agora, eu tenho de melhorar.” Agora, pessoas de Vishuddhi Direito sempre tentarão Me corrigir. Eu tenho visto isso. É muito simples para elas. Se Eu digo qualquer coisa, “Não”, primeiras palavras. Existem diferentes tipos de “não”.

Algumas vezes é “Não!” Outras vezes é “não, não, não, não, não, não.” Eles irão Me contradizer ou tentarão impor a sua própria idéia… e depois eles descobrem que aquilo era errado, que não deveriam ter dito aquilo. Digamos, por exemplo, se Eu disser: “Eu vi estas coisas aqui.” Eles dizem: “Não!” Eu digo: “Eu vi com os Meus próprios olhos,” “e uma vez que Eu vejo algo, vocês sabem, está registrado, está lá.” “Não!” Eu digo: “Tudo bem, apenas tentem descobrir.” “Está lá!” “Como é que nós não o vimos!”

Eu digo: “Porque o ‘não’ estava escrito nos seus olhos,” “vocês não podiam ver nada.” Então, eles puxam as suas orelhas. Isso é o melhor. Mas, se você observar: “Este é um hábito que tenho de dizer ‘não’ ás coisas.” Portanto, antes de tudo, Eu também testo vocês. Supondo que Eu diga que agora são 9:00hs da noite, apenas digam “Sim”. Vamos ver o que acontece. Tentem ver. Eu os testo muitas vezes dessa maneira… e então Eu observo que, para algumas pessoas, se Eu digo que é assim: “Tudo bem, se é assim. Se a Mãe disse, é assim.”

E então, isso começa a construir sua fé muito bem. Eu posso ver que eles estão, claramente, como eles estão entrando no reino da verdadeira fé, e lá, quando Eu digo algo absurdo, eles apenas sorrirão. Eles sabem: “A Mãe está apenas nos testando”. Então eles apenas sorriem, eles não farão nada, mas apenas sorrirão. E então, se for assim e eles não souberem, eles dirão: “Sim, deve ser, a Mãe deve ter feito isso ou dito.” Então, o seu período de teste está lá. Você tem de testar a si mesmo. Como Profeta Maomé disse: “Suas mãos falarão e darão testemunho contra vocês.” Então, em suas mãos vocês saberão. Agora, essas mãos são as bênçãos de Shri Krishna.

Elas vêm do mesmo Vishuddhi e, como sabem, dos nervos pélvicos. E existem dois chakras, um é o Lalita Chakra e o outro, Shri Chakra, todos em ambos lados. Eles também fazem o jogo de Shri Krishna. Com estas mãos, nós podemos sentir as vibrações. Agora, se seu Vishuddhi Direito é muito forte, você pode não sentir. Se o seu Vishuddhi Esquerdo é muito forte, você pode não sentir. Mas isso não significa que você não tenha obtido a Realização. Você a obteve, apenas trabalhe suas mãos. Agora, para trabalharem suas mãos, vocês têm de se certificar… de que não devem usá-las para coisas inúteis. Isso é muito importante, porque vocês têm mãos especiais.

Essas mãos são aquelas com as quais vocês expandem a coletividade. Agora, por exemplo, na Itália. Aqui as pessoas quando falam, elas vão… Você não entende nada do que eles estão dizendo. Eles só entendem os seus próprios gestos… e somente eles conseguem retratar. Para uma pessoa que não entende, eles vão fazendo assim, assim, o tempo todo. Então isso deve ser reduzido. Não há necessidade de usar suas mãos em demasia o tempo todo, deste jeito, daquele jeito, mas apenas um pouco. Mas enquanto usam as mãos, isso também deve ser decente, deve ser ajustado, deve ser muito claro e útil. Apenas exibir suas mãos não é bom. É um tipo de teoria, que Me contaram, na qual você deve gesticular com as mãos e falar.

Tudo bem para pessoas como Hitler, mas não para nós. Nós devemos ser decentes. Toda vez que tivermos de dizer, agora, por exemplo, mostrar algo para alguém, não devemos dizer: “Faça isto!” Este é o dedo de Shri Krishna. Você não pode usá-lo desse jeito. Diga: “Por favor, faça”, pretendendo apoiar alguém. Isso parece melhor. Estas mãos devem ser usadas para a coletividade. Nós dizemos “namaste”, quando nos encontramos com os outros. Para milhares de pessoas, podemos dizer “namaste”.

Mas Eu não gosto desse negócio de aperto de mãos, porque não é bom. Apertar as mãos não cria nenhuma coletividade. Ao contrário, você pode pegar todos os tipos de formigamentos… e todos os tipos de problemas dos outros. Mas, quando falam com as pessoas, também, apenas com estas mãos, vocês podem senti-las. Apenas com estas mãos, vocês podem cuidar de seus filhos. Apenas com estas mãos, vocês podem mostrar sua suavidade, sua doçura e também com a boca, a qual, é claro, é uma parte do Vishuddhi, isso é diferente, mas as mãos, especialmente as mãos. Seus gestos e tudo mais devem mostrar muitos sentimentos do coração… e somente então, esses gestos têm algum significado. Agora, na Sahaja Yoga, como sabem, vocês dão as mãos uns aos outros… e as vibrações começam a fluir entre vocês. E também podem ouvir tabla em suas pulsações. Então, isso mostra que elas são a comunicação.

Portanto, essas mãos são realmente o começo da coletividade. A mais importante, Eu diria, a coisa mais importante são as mãos que… agem para a sua coletividade. No que lhes diz respeito, existem muitos outros anjos… e outros ganas que ficam atrás de vocês. Eles também lhes estendem a ajuda deles para vocês… sempre que vocês precisam comunicar algo. Eles também executam o trabalho de vocês muito bem. Portanto, tudo que for expresso pelas suas mãos ou através delas, eles imediatamente assimilam. Como sabem, o Vishuddhi tem 16 pétalas… e os ouvidos, nariz, garganta, olhos, todos são guiados por ele. Também o subplexo do Vishuddhi que é este aqui, é o Hamsa Chakra. Então, nós temos estes olhos para ver, olhos para comunicar. Olhos puros comunicam o puro amor, a pureza.

Com os olhos puros, você pode limpar as pessoas. Com os olhos puros, você pode ajudar os outros, você pode trazer paz. A purificação dos olhos acontece através do seu Vishuddhi… e do Agnya. Aqui, ambas as coisas têm de trabalhar. O nariz é muito importante. O nariz tem de ser puro, no sentido de que você deve ser… capaz de descartar tudo que estiver cheirando mal… e você deve ser capaz de aceitar tudo que for perfumado. É muito importante, porque o nariz é a especialidade de Shri Krishna, Eu diria, no sentido de que Ele é Kubera e Kubera deu o nariz à Deusa. Algumas pessoas têm o mau hábito de mover seu nariz apenas… para mostrar desaprovação ou algo desse tipo, elas seguem fazendo isso. Isso é muito errado, porque você está insultando a si mesmo, está insultando o seu poder de Kubera. Então, você tem de manter seu nariz de um modo digno.

Deveria ser um nariz digno. Não deveria ser usado para fazer coisas indignas… ou que expressem desprezo. Então seus dentes são muito importantes. Vocês têm 32 dentes, 16 poderes de Shri Krishna divididos, vocês podem dizer, em 32. Estes são os seus dentes em ambos os lados. O lado direito está em cima e o lado esquerdo está embaixo. Isso é algo que negligenciamos muito no Ocidente, Eu devo dizer. Na Índia não é. Isso é muito negligenciado e é algo que temos de cuidar. A razão de negligenciarmos, Eu diria, é a preguiça, deve ser a preguiça. Mas devemos escovar os dentes, pelo menos, duas ou três vezes.

É importante, isso Eu não preciso dizer, mas o mais importante é trocar a escova. Vocês também devem usar manteiga ou sal e óleo… para esfregar as suas gengivas. Se esfregarem as suas gengivas apropriadamente, nunca terão problemas com seus dentes e suas gengivas. Além disso, toda vez ao anoitecer, vocês devem novamente escovar seus dentes. Eu tenho visto muitas pessoas que vêm a Mim, ao anoitecer, nos programas com um cheiro horrível saindo de suas bocas. Não é que isso seja uma doença, mas a única coisa é que… eles não têm limpado os seus dentes. Também há pessoas que nem mesmo escovam seus dentes, e começam a tomar o café da manhã. Eu não sei. Eu acho que foi outra teoria que começou, que podem fazer suas refeições sem escovar os dentes. Os dentes são muito importantes e devem cuidar deles.

Todas as qualidades do seu Vishuddhi dependem dos seus dentes. Então, deve-se cuidar dos dentes de uma maneira apropriada, e nunca devem cerrá-los e mostrar raiva com os dentes. Esse é um hábito muito ruim. Também há um gesto, Eu tenho visto que… se eles não gostam de algo, simplesmente ficam fazendo assim. É algo muito errado. Deve-se evitar esse tipo de gesto. E é muito perigoso para os seus dentes. Assim a palestra de hoje é uma espécie de palestra médica, Eu devo dizer. Uma pessoa que é dotada espiritualmente… tem uma expressão que nunca pode ser agressiva. Ele pode não ter boa aparência, não precisa ser um tipo de personalidade atraente, mas a expressão em sua face é, sem dúvida, de um santo.

Isso também são as bênçãos de Shri Krishna. Eu tenho visto pessoas após um ano da Realização… e Eu fiquei surpresa ao ver como as suas faces estavam mudadas, Eu não poderia reconhecer quem elas eram. Toda a face se torna absolutamente compassiva, suave, pacífica e muito alegre. Todas as qualidades de Shri Krishna podem ser expressas em sua face. Às vezes, você pode ser travesso para quem o olha. Há muitas expressões que vêm à face… e dão a você um sentimento muito doce. Mas algumas pessoas têm o hábito de olhar no espelho… o tempo todo, o que é muito errado, porque isso lhes dá um tipo estranho de ego. É melhor olhar para a fotografia de Shri Krishna… do que olhar para as suas próprias faces, de forma que sua face se tornará como a de Shri Krishna. Ao invés de você começar a se olhar no espelho o tempo todo, o que acontecerá com você, só Deus sabe, porque se você for para o passado, só Deus sabe o que você se tornará. Então, Eu também sou grata aos psiquiatras… pois eles não gostam de narcisismo.

Mas é muito perigoso olhar o tempo todo a sua face no espelho, é muito perigoso. Isso cria uma personalidade muito estranha, você começa a dizer a si mesmo: “Oh! Eu sou Napoleão!” Então você se torna Napoleão e começa a se comportar como Napoleão. No dia seguinte, você encontra um Napoleão saindo do banheiro. Então, deve-se ter cuidado para não colocar muita atenção… e importância em si próprio, mas sim no seu Si que é interior, que é o seu Espírito e se você cuidar desse lado, então todas essas coisas irão acontecer de uma maneira muito bela. O cabelo também é cuidado por Shri Krishna. Vocês sabem que Ele gosta muito de qualquer coisa… que seja semelhante à manteiga, portanto vocês têm de… por ou manteiga ou óleo ou algo assim em seus cabelos. Se você não colocar, ficará careca, isso é afinal de contas o karma phala. Se você não colocar óleo, ficará careca.

Então você tem de colocar óleo e óleo sempre era colocado… antes no Ocidente. Eu vejo todos estes filmes antigos… e tudo mais, todos eles estão com óleo no cabelo. Mas agora, é claro, se você não quer colocar óleo durante o dia, você pode lavá-lo, mas pelo menos uma vez por semana, você deve colocar óleo na sua cabeça. A estrela de Shri Krishna é Saturno, Shani. Dizem que se Ele persegue alguém, então ninguém pode ser salvo. Se Shri Krishna persegue alguém, então ninguém pode ser salvo. Da mesma maneira, se Saturno persegue alguém, então essa pessoa está acabada. Então, digamos, algumas vezes Ele os persegue por sete anos, algumas vezes por dois anos e meio, atrás de você. Então, este Saturno de Shri Krishna é uma qualidade dentro de nós. Supondo que alguém nos perturbe… ou faça alguma coisa, nós não temos de fazer nada.

Agora, essa tática de Shri Krishna, essa, podemos dizer, natureza de Shri Krishna trabalhará isso. Ela irá informar a este Poder Onipresente e através Dele, esse homem ou essa mulher ou esse grupo… ou essa organização que está tentando nos perturbar, será perseguida, enquanto estaremos apenas sentados, sem fazer nada. Então eles simplesmente serão perseguidos até que eles pulem no mar. Automaticamente isso acontecerá. Mas vocês têm de saber que vocês têm os poderes de Shri Krishna, pelos quais, se Ele persegue alguém, então ninguém pode ser salvo. Ele é o último a brincar, mas Ele não perdoa. Ele não acredita no perdão. Ele diz: “Agora você teve o suficiente disto”. Ele dá uma corda bem grande para você se enforcar, mas Ele nunca perdoa. Uma coisa definitiva, Ele nunca perdoa.

Como vocês devem ter visto no Mahabarata, em Seu próprio julgamento das coisas, Ele não perdoa. Ele diz: “Você tem de pagar, você tem de pagar por isso”. Exceto quando você transcende. Se você se torna um Sahaja Yogi, se você transcendeu o Vishuddhi, então Ele não pode fazer nada assim com você, mas se você não transcendeu, se não há nenhuma ascensão, você não pode ser salvo, você não pode ser salvo Dele. Dizem que, uma vez, Mohammad Ghazni veio saquear nosso país. Quero dizer, é uma história sobre o povo dos vilarejos. E lá ele saqueou Somnath, um grande templo nosso, no qual havia muito ouro, jóias, tudo nele. Então esses brâmanes estavam pegando dinheiro de… todas essas pessoas, saqueando-as, colocando-os no… templo e usando-os e o resto das pessoas era muito pobre. Então, foi uma espécie de reação neles a história é contada dessa maneira. Então esse Mohammad Ghazni saqueou Somnath, que é o templo de Mahadeva.

Agora, Mahadeva nunca precisou de quaisquer joias… ou qualquer coisa, mas eles tinham colocado isso lá. Então Hanumana viu que Mahadeva tinha saído do templo e estava correndo, então Hanumana correu atrás Dele. Em seguida, num certo ponto, Mahadeva sentou-se… e Hanumana chegou e disse: “Você é o Deus dos Deuses. “Por que Você está correndo?’ Do que Você tem medo?” Ele disse: “Você não conhece esse Mohammad Gazni?” Ele disse: “Não, Eu não conheço”. “Tudo bem, esconda-se atrás da árvore”. Eles se esconderam atrás da árvore. Então esse Mohammad Ghazni chegou… e sentou-se – isto é o folclore, é o povo contando – sentou-se debaixo da árvore e transformou-se em Shri Krishna.

Ele disse: “Essa coisa horrível, se Ele perseguir alguém,” “quem poderá ser salvo? Embaixo do meu nariz esses brâmanes estavam…” “ganhando dinheiro e tudo mais, colocando-o no templo de Somnath,” “o que não deveria ser feito. Eu não podia fazer nada, então Ele veio…” “e com esse Sujeito Me perseguindo,” “Eu também não posso ser salvo. Então, Eu estou fugindo do templo”. Portanto, essa é a história contada pelos aldeões, que mostra que se Shri Krishna estiver perseguindo alguém, então ninguém poderá salvar essa pessoa. Mahadeva teve de fugir, porque Shri Krishna tem tantos truques e… tantos estilos que você não pode escapar disso. Ele usará o Seu cérebro de tantas maneiras que Ele corrigirá… essa pessoa que está tentando incomodar vocês. Então, vocês têm de ter fé total nos poderes de Shri Krishna, que estão dentro de vocês mesmos, que estão sendo disponibilizados. E também, se você ascendeu plenamente a partir deste, então Ele não perturbará. Mas, se você tem Vishuddhi Esquerdo, Ele o perturbará, definitivamente.

Se você tiver Vishuddhi Esquerdo, Shri Krishna, definitivamente, o perturbará e tenha cuidado. Portanto, livre-se do seu Vishuddhi Esquerdo agora. Isso é muito importante, porque depois Shri Krishna lhe aplicará… um teste e o fará tão infeliz, que você não saberá porque. “Mãe, eu fiz isto, fiz este Puja, fiz isto, ainda assim esta é a situação…” “de minha família, foi isto que aconteceu”. “Tudo bem, você é católico?” “Sim.” “Sente-se culpado?” “Sim” “Então, aguente isto.” O que Eu posso fazer? Shri Krishna não pode ser controlado por ninguém.

Ele faz o que Ele acha apropriado e Ele se dispõe, realmente, a punir muito mais do que a Mãe, posso lhes dizer. Eles dizem que Ela é Ati Raudra Ati Saumya. Ela é Aquela que é… muito dura e, também, muito suave. Mas até certo ponto. Shri Krishna não é. Nada pode persuadi-Lo. Uma vez que você fique sob o Seu controle, então Ele se certificará de que você seja corrigido – esquerdo, direito – de qualquer maneira, Ele o tornará correto. Portanto, uma coisa está lá: vocês têm de ter certeza… que devem ter os seus Vishuddhis bem, antes de tudo, e também ter Shri Krishna se manisfestando nos outros. Vocês não têm de fazer nada. Ele cuidará de vocês, de tudo e resolverá isso. Mas o Vishuddhi Esquerdo é uma doença do Ocidente.

Eu também sinto tanto isso de todos vocês que às vezes, sinto vontade de fugir para Índia, porque na Índia ninguém se sente culpado. Eles não acreditam em sentir culpa. “O que há?” “Não matamos ninguém, porque deveríamos nos sentir culpados?” Aqui, isso é uma doença em todo mundo. “Eu sinto culpa.” Eu não sei quem introduziu essa ideia. Talvez essaa Igreja Católica, mas foi muito longe. Então, em seguida, chegamos ao ponto do Virata. É aqui.

Antes disso, temos de atravessar o Hamsa. Sem isso, você não pode alcançar o ponto do Virata. Então o Hamsa é, como vocês sabem muito bem, é o discernimento. O discernimento Divino, que deve estar dentro de vocês. Uma vez que desenvolva isso, então você não comete erros. Você nunca comete erros. Erros no sentido de que você não faz… coisas que novamente o empurram para trás… ou pelas quais você tem de pagar. É apenas uma vida muito honesta. É assim? É assim.

Com esse discernimento, sem dúvida, você tem uma compreensão total do que deve ser feito, do que não deve ser feito. E se isso está estabilizado, se o discernimento está estabilizado, em muitos Sahaja Yogis, Eu devo dizer, o discernimento… surgiu mesmo com seus Vishuddhis Esquerdos. Mesmo se tiverem Vishuddhi Esquerdo, eles têm esse discernimento. Eles sabem o que é certo e o que é errado. Com esse discernimento divino, a primeira coisa que acontece é… que as pessoas ficam impressionadas com você. É a verdadeira coletividade. Isso impressiona a coletividade. Uma pessoa que tem o discernimento Divino, as pessoas imediatamente veem a sabedoria dela e pensam: “Vejam este homem, como ele poder ser assim? Ele é tão jovem!” “Como ele pode ser assim?

É uma criança, como ele pode ser assim?” Então esse discernimento Divino, que está aqui, a especialidade do Hamsa Chakra, quando começa a se manifestar, então automaticamente vocês impressionam, automaticamente vocês impressionam a coletividade. Esse é um ponto muito importante que vocês têm de saber. Enquanto vocês mesmos fazem uma introspecção, apenas observem… se desenvolveram essa qualidade do discernimento Divino ou não. Por exemplo, há muitos, Eu tenho visto, quando eles vêm ao programa, eles veem e Me dizem: “Mãe, um Sahaja Yogi me disse que eu tenho um bhoot.” “Eu tenho um bhoot?” Eu disse: “De forma alguma,” “como pode haver algum bhoot em você?” Ele talvez tenha. Mas o discernimento Divino não é lhe contar agora, mas sim removê-lo. Assim, o discernimento Divino lhes dá a total compreensão: qual é a maneira de lidar com outra personalidade, qual é a maneira de lidar com o coletivo, como falar com os outros, como incutir neles as coisas corretas.

É uma manifestação muito, muito vasta em tantas direções. Se você não tem nenhum discernimento Divino, você começa a falar o que não deveria falar. Você começará a falar em um momento que não deveria falar. Você não terá nenhum senso de direção. Portanto, ter o discernimento Divino é muito importante. Para isso, como sabem, o Hamsa Chakra fisicamene como mentalmente… e também espiritualmente deve ser mantido bem. Em Meus Pujas do Hamsa, houve um onde Eu falei sobre isso. O último é o Virata. Este é o estado que você tem de alcançar. O Virata está aqui na fronte, como sabem, e Eu fiquei surpresa quando fui ao Nepal.

Há um templo de Shiva lá. Apesar deles estarem venerando Shiva, eles estavam colocando todo o kum-kum aqui. Então Eu achei que eles não sabiam por que o estavam colocando, porque mesmo se você venerar Shiva, você deve também venerar, aqui, o Virata. Eles não o colocavam aqui, mas aqui, porque eram totalmente 100% veneradores de Shiva. Então por que eles deveriam colocá-lo aqui? Porque alguém que sabe, que era gnóstico tinha lhes falado… que este é o lugar do Virata. Uma vez que você entre no Virata, então todas as suas ideias de separação… ou diferenciação vão embora. Não restará mais, em você, qualquer ideia de raça, de nacionalidade, de sua cidade, de seu vilarejo ou qualquer coisa. Nesse estágio, você não pertence a nenhum lugar. Você pertence a todos os lugares e não pertence a todos os lugares.

Uma situação assim entra em ação, quando você não anseia por… nenhuma determinada comida. Você não gosta apenas de algum tipo específico de pessoa. Você pode se ajustar a quaisquer circunstâncias, a quaisquer famílias, a qualquer tipo de pessoa. Você pode viver com bêbados. Quero dizer, Eu vivi com bêbados, vivi no sentido de que, no mínimo, apertei as mãos de tantos deles. Você pode estar com qualquer tipo de pessoa. Nada o incomoda, porque você está no estado de Virata. Porque tudo é absorvido pelo Virata e você não sente nada. Seja qual for o tipo de pessoa, você não sente isso. O Virata tem de sofrer, não você; E esse é o melhor estado que Eu quero que todos vocês alcancem… e tornem-se completamente livres.

Nada pode impressioná-lo, nada pode influenciá-lo, nada pode dissuadi-lo, mas você se baseia na sua autoestima… e na compreensão de si mesmo, de que você é um Sahaja Yogi, que você está conectado com este poder… e você é um cidadão do Reino de Deus. No estado de Virata, não resta nenhuma dúvida, nenhuma dúvida. Porque você se torna parte integrante do todo, completamente, e você pode influenciar em qualquer lugar. Se este dedo está machucado, então este dedo pode senti-lo. Da mesma maneira, tal pessoa é percebida em todo lugar… e não apenas isso, mas essa pessoa pode ser eficaz em qualquer lugar. Para alcançar este estado do Virata, deve-se tentar lentamente, gradualmente, Yan Neti Neti Vachanet Nigamo Avachus. Você tem de continuar dizendo: “Esta não é minha irmã,” “este não é meu irmão, todos eles são meus irmãos,” “todas elas são minhas irmãs. Eu os amo como meus irmãos e irmãs.” “Essa não é minha família, toda a Sahaja Yoga é minha família.” Toda a atenção deveria mover-se assim: “Isto não é somente meu,” “é de todo mundo, pertence a todos, todo mundo tem direito.”

Esse tipo coisa quando começa a crescer a partir do individual, é o que chamamos de Vyashti para Samashti. Em Sânscrito, eles dizem: Vyashti para Samashti. Do individual para o coletivo. E tal personalidade então… é a mais efetiva para qualquer tipo de trabalho coletivo. Eu acho que por hoje, isso é suficiente… para vocês saberem sobre o Vishuddhi Chakra, Eu falei sobre isso milhares e milhares de vezes, e agora, esse é um dos aspectos que Eu quis abordar, porque acho que ainda existem pessoas que não entendem… que eles devem elevar-se acima do Vishuddhi. Do contrário, se eles não se elevarem acima do Vishuddhi, nunca poderão ser Sahaja Yogis adequados. Eles sempre estarão desenvolvidos pela metade. Portanto, devemos tentar nos elevar acima do Vishuddhi, a parte do discernimento, então neste ponto, nunca poderemos duvidar da Sahaja Yoga. Nunca duvidaremos. E desse modo, a consciência sem dúvida pode surgir em nós.

Que Deus os abençoe.