Birthday Puja, Guarding Against Slothfulness

London (England)


Send Feedback
Share

 

O Aniversário de sua Mãe e todas essas celebrações… têm um significado muito profundo, porque em ocasiões assim, vibrações especiais fluem na atmosfera.

Quando todos os corpos celestiais, as Personalidades Eternas, Deuses e Deusas, cantam em louvor, e é desse modo que a atmosfera inteira é preenchida com… júbilo e felicidade. Os seres humanos também expressam sua gratidão. À expressão de gratidão e amor… é feita de diferentes formas em diferentes países, mas a essência permanece a mesma e as formas mudam. A essência é… como o oceano que flui… continuamente em direção às praias… e as ondas que tocam as praias… são novamente repelidas de volta, e um belo padrão é formado. É uma coisa tão espontânea e é tão bela, cria um padrão tão belo na atmosfera. Todas essas ondas, quando elas tecem juntas o padrão do amor, elas acalmam os seres humanos, elas encantam os seres humanos… e a coisa toda é muito extasiante. Em ocasiões assim, um tipo especial de sentimento se desenvolve, o qual não conseguimos expressar em palavras, então a expressão poderia ser em qualquer forma. Mas a coisa principal é a expressão. Deus se expressou através da Criação, criando esta Criação. Ao passo que a Criação tem de expressar sua gratidão glorificando-O.

E esse jogo deve continuar eternamente. É a mais bela peça teatral. Aqueles que se entregam a esse jogo levam uma vida eterna. Essa vida é sem fim, nunca se interrompe… e une o universo inteiro com sua bela música. Hoje, especialmente, Eu tenho de falar para as pessoas que se sentem fracas… para seguir a Sahaja Yoga, que são inconstantes, aquelas as quais lhes faltam força, aquelas que têm medo de assumir a Sahaja Yoga seriamente. Isso é muito importante… que a inconstância deva ser vista claramente: por que somos inconstantes? Na maioria das vezes pode ser o ego que está impedindo você… de fazer algo que é muito, muito importante. A inconstância surge em nós por meio de várias formas, como Eu disse, uma delas é o ego. Uma pessoa inconstante pode ficar amedrontada pelo seu próprio ego… e ela pode parar de praticar a Sahaja Yoga… após chegar até um ponto, porque o ego pode dizer: “Agora, daqui em diante, se você for,” “há um túnel no qual você não pode entrar.” “Você não deve ir mais adiante. É muito perigoso.” Isso poderia ser arruinado pela sua preguiça.

A preguiça é a maldição deste país, Eu acho. É a maldição da Sahaja Yoga também. Eu não sei se ela é a maldição do mundo ocidental, mas a preguiça é algo como um demônio… que pode mantê-lo muito grudado… às suas próprias posições e não o permitirá mudar. Por exemplo, de manhã você se levanta e pensa: “Oh tudo bem, qual é a necessidade de levantar de manhã cedo?” “Não há nenhuma necessidade de meditar.” “Eu meditarei amanhã.” Por outro lado, você começa a pensar: “A meditação pode ser feita depois de um mês, não importa.” “Mataji está aqui, tudo ficará bem.” Mas você deve saber que há muitas imperfeições dentro de você, e se você não meditar agora, seriamente, assumi-la como uma coisa muito séria, você ficará tão para trás que talvez você seja afastado. A meditação é muito importante depois da Sahaja Yoga. Você dormiu e dormiu toda sua vida. Dormir não é tão importante. Vocês têm hoje de Me prometer que a partir de amanhã, todos vocês vão se levantar de manhã e meditar. Eu estava sugerindo que se vocês tomassem seus banhos de manhã, seria melhor, desse modo você não ficará sonolento. A preguiça é uma coisa tão furtiva que você não a vê.

Ela explica tudo. Se você diz: “Oh, eu estou doente”, ela dirá: “Oh, você está tão doente, você deveria ir ao hospital.” Se você diz: “Estou cansado”, ela dirá: “Você está extremamente cansado.” Por que você deveria estar tão cansado? Isso não é nada além de sua preguiça que está lhe falando: “Você está extremamente cansado, é melhor não meditar agora,” “está extremamente cansado. É melhor descansar um pouco, é importante.” A preguiça é pior do que o superego e o ego. É um tipo de inércia que o puxa para baixo, e essa inércia você tem de realmente jogar fora e se livrar dela. Porque ela explica tudo, você gosta dela, porque ela lhe dá pouco de conforto, e você quer contar com sua preguiça. Mas Krishna disse no Gita: “A preguiça é a pior coisa que pode acontecer aos seres humanos.” “Se eles se acostumarem com a preguiça, se aceitarem a preguiça,” “eles terão todas as explicações para serem preguiçosos.” Ele a chama de “alasya”, é a pior doença, de acordo com Ele, para qualquer aspirante à vida espiritual. Talvez você pense: “Eu não estou bem agora”, ou qualquer coisa assim. A preguiça pode lhes dar qualquer ideia. Por Eu não ter isso, então Eu não sei quais ideias ela lhes dá, mas ela pode lhes dar qualquer tipo de ideia… que poderia ser muito, muito atraente para vocês, porque ela sabe como agradar seu ego.

A preguiça é uma coisa que satisfaz o ego, uma coisa que mima o ego, e ela o faz sentir que: “Oh, você está muito cansado.” Do que vocês estão cansados? Todos vocês são jovens, por que deveriam estar cansados? Vocês ficam cansados em pouco tempo, isso não é nada além do Sr. Preguiça lhe dizendo: “Você está cansado”. Vocês ficarão surpresos, depois de se sentir cansado, se correrem por três quilômetros, vocês conseguem correr. Agora, por que a preguiça atua na Sahaja Yoga tão adversamente? Por que a preguiça trabalha tanto contra a Sahaja Yoga? A razão é porque ainda não estamos identificados com nosso bem-estar. Nós não pensamos: “Nós temos de ficar melhores,” “nós temos de melhorar, temos de ir além,” “há uma grande lacuna, nós temos de fazer isso.” Nós não estamos identificados com nosso progresso. Vamos supor que Eu lhes fale, na Inglaterra: “Se você correr três quilômetros todo dia de manhã,” “você ganhará um prêmio de beleza”, 99,9% das pessoas, das mulheres deste país… estariam correndo de manhã cedo. Vamos supor que alguém diga aos homens: “Você se tornará o Mister Universo se você correr todo dia…” “sete quilômetros de manhã”, haverá, Eu não sei, 99,999% das pessoas talvez correndo assim, porque estamos identificados com esse tipo de competição… que é muito materialista, que não tem nenhum valor.

Mas quando você desiste até mesmo dessa competição, você cai em uma outra competição, que é todo mundo ficar competindo uns com os outros em preguiça. Eles acordarão de manhã, olharão em volta: “Agora, Cooly ainda está dormindo, tudo bem, me deixem dormir”. Então Cooly pensará: “Ele ainda está dormindo, me deixem dormir”. Assim, há uma grande competição acontecendo… em relação a quem vai acordar primeiro, quem vai fazer isso. E se alguém se levanta, então começam a achar falhas: “Ele se levantou, mas e daí?” “Ele estava apenas tomando chá” ou “ele ficou conversando”. E quanto a você? Você ainda estava na cama. Pelo menos ele se levantou, estava conversando, não importa. Mas estava ativo.

E quanto a você que ainda estava cochilando na cama? Isso é uma coisa tão infantil, é uma coisa tão infantil de se falar… com intelectuais como vocês, pessoas tão versadas e tão bem informadas. Não convém a Mim, uma Mãe de pessoas tão ilustres, falar desse jeito, mas às vezes Eu acho que Meus Sahaja Yogis são como… crianças de dois anos de idade e então Eu tenho de lhes falar: “Agora vocês são adultos”. Você consegue explicar isso, mas como você vai explicar para si mesmo? Porque se você tem de crescer, se você quer que sua árvore cresça, você deve mudar suas prioridades e suas identificações. Se você tem de ser um Sahaja Yogi de primeira classe, você tem de colocar sua atenção nisso. Eu não sei como consertar isso. Vamos supor que consertemos isso desse jeito, é muito infantil, mas Eu tenho de lhes dizer porque Eu tenho visto que esse é o problema: “O dia que eu não levantar, eu terei de pagar 10 centavos”, vamos manter isso assim. Se você está tendo mais para pagar, então coloque 10 libras. Mas, algo assim.

Ou você pode dizer: “Nesse dia, eu abrirei mão de um suéter meu”. Comece assim. É muito fácil. As pessoas dirão: “Não Mãe, quando medito, algo dá errado comigo”, significa que você está mal, há algo errado com você. Então é melhor você se sentar e meditar. Agora, Eu devo dizer, se você não medita, você é muito egoísta. Esse é o ponto principal. Porque quando você vem aqui, escorpiões saem de você para picar Meus pés. Há cobras saindo de você para picar Meus pés. Você quer fazer isso Comigo?

Ou aos outros também. Outro dia, alguém veio em Minha casa e Chaya… e todas aquelas pessoas estavam lá. Ele estava tão bloqueado que eles estavam tontos cambaleando, e todos estavam tentando tirar aquilo e resolver. Se vocês querem que a Sahaja Yoga dê certo neste país e no ocidente, nós temos de compreender nosso próprio valor, e devemos resolver isso. Se toda vez você está bloqueado, toda vez que você se encontra Comigo, você está bloqueado, então como você vai sentir a Kundalini? Você deve saber como a Kundalini se move dentro de você. Dizer onde Ela está, até onde Ela foi. Deveria haver pelo menos dez pessoas assim, no mínimo, porque Eu tenho trabalhado aqui muito arduamente. Vocês não sabem, Eu não trabalhei tantos anos na Índia… e haverá pelo menos 80% de pessoas que conseguem sentir… a Kundalini se movendo, “Ela está aqui, Ela está ali, Ela está ali”. E algumas pessoas também se sentem super satisfeitas com o progresso delas.

É como um grupo cheio de pessoas indo a algum lugar… para, digamos, fazer um cabo de guerra. Mesmo que uma pessoa dê dois passos adiante de onde ela está, todo o conjunto se move. Mas nós não notamos as pessoas que estão puxando isso na direção delas, o que sempre vemos é: “Como podemos competir com a pessoa que não está se movendo?” “Se ele está se movendo dois passos para trás,” nós podemos nos mover três passos.” Esse tipo de atitude não nos ajudará. Vocês sabem que a Sahaja Yoga é o único caminho, é o único método que a Graça Divina lhes deu, através do qual você irá transformar o mundo inteiro, e os lerdos estúpidos, como eles podem ajudar a Sahaja Yoga? Preguiça é a pior coisa hoje. Eu sei que hoje não é um dia para se dizer todas essas coisas, mas todos vocês têm de Me prometer que… vocês irão abandonar sua preguiça, Swaha. Isto é o que Eu tenho visto: sempre que Eu os encontro, vocês estão bloqueados. Uma outra coisa que vai contra a Sahaja Yoga é, Eu lhes disse centenas de vezes, Eu não sei quantas vezes, é falar mal de outros Sahaja Yogis. Todos nós somos partes integrantes de um único corpo, digamos que nós todos sejamos partes integrantes de uma mão. Agora, se este dedo começa a falar mal deste aqui, o que ele vai fazer?

Falar mal uns dos outros é uma coisa muito errada. Assim, hoje, também decidam: “Nós nunca falaremos mal de uma outra pessoa,” “mas nos observaremos: qual é a nossa posição?” Eu tenho visto pessoas fazendo comentários sobre outras pessoas, quando elas próprias estão bloqueadas muito seriamente, e não estão preocupadas consigo mesmas. Agora, através disso, como você vai melhorar? Se você não presta atenção em si mesmo e presta atenção nos outros, você não pode melhorar. Assim, uma outra promessa deveria ser: “Nós não falaremos mal de outros Sahaja Yogis.” Mas nenhum Sahaja Yogi deveria aceitar nada como garantido. Nós temos de realmente trabalhar muito arduamente. Assim, em segundo lugar, o hábito de falar mal de outros Sahaja Yogis… deveria ser Swaha, e nem sequer pensar sobre isso, você está, sem dúvida, cortando os fios da Sahaja Yoga, os quais Eu tenho tecido muito docemente. Agora, vocês seriam generosos Comigo, Eu sei. Vocês podem ser muito generosos, vocês Me deram um quadro muito belo, Sou muito grata a vocês. Mas tentem fazer isso aos outros também, generosidade.

Vocês deveriam realmente estar unidos… e vocês podem ver então o que podemos produzir. Vocês viram como belamente fizemos a exposição. Todo mundo ficou encantado. Todo mundo estava muito feliz, pois vocês fizeram isso tão bem. Foi uma coisa tão cheia de alegria e todo mundo estava parabenizando, eles telefonaram para Mim. Eles disseram: “Como eles estão juntos!” “Não houve nenhuma discussão, nenhuma briga, nada, fizeram isso tão bem.” Assim, diga a sua mente: “Como ousa pensar contra qualquer Sahaja Yogi?” Vocês sabem que todos vocês são santos do mais alto calibre? E esse tipo de coisa desprezível, insensata, de tão baixo nível, como você pode fazer? Eu talvez fale mal de outros, Eu talvez diga: “Ele é mau”, apenas para testar você. Muitas vezes Eu faço isso… para ver como você se sente em relação a alguém. Se Eu digo que alguém é mau, apenas fique calado.

Isso terá dois propósitos. Um será: se você está se solidarizando com alguém, então Eu fico dizendo: “Não se solidarize”, porque você está se solidarizando com a pessoa errada. Ou talvez Eu esteja apenas testando você. Então mantenha isso anotado em sua mente, se Eu digo que alguém é inútil, mantenha isto em sua mente: “Estou me solidarizando com essa pessoa?” Essa afinidade negativa é muito comum. Assim, a terceria promessa deveria ser: “Nós não nos solidarizaremos.” Se você se solidarizar, “sym-pathize” significa… “você compartilha o pathos (o sofrimento) dos outros”. Você só tem de compartilhar a alegria de uma outra pessoa. Então nós não compartilharemos o sofrimento dos outros, de ninguém, mas nós compartilharemos a alegria da pessoa. A parte que é a alegria da outra pessoa, nós iremos compartilhar e estar atentos à alegria. Tente ver os pontos bons. Algumas pessoas simplesmente não conseguem ver.

É desse modo que vocês dominam uns aos outros. Essa é uma coisa errada. Em um crescimento de vital importância, é importante saber quais são as partes vitais. Se você tentar pressionar uma parte vital, você não pode crescer também, porque todos vocês estão apoiados juntos. Portanto a terceira coisa é: você tem de prometer que… você nunca mais vai compartilhar o sofrimento de mais ninguém. Nenhum de vocês pode amar tanto quanto Eu posso amar. E então você deve saber que se você tem afinidades, não há nenhuma necessidade disso, de forma alguma. Mas você deve ter sentimentos por todo mundo. Agora, cada ser humano tem um caráter e um temperamento. Afora o Si dele, é o Espírito dele, que é puro, em sua própria forma, ele simplesmente lhe dá vibrações, lhe fala o tempo todo e tudo mais.

Mas todo mundo tem um caráter, isso é importante, porque a chama que está queimando na vela… pode ser de estilo diferente, um outro estilo diferente, parece bela, a variedade parece bela, ela lhes dá beleza. Assim, você deve conhecer seu caráter. Respeite seu caráter e desfrute o caráter da outra pessoa. Eu realmente desfruto o caráter de vocês… e como docemente vocês se comportam em relação ao seu próprio caráter. Mas o temperamento não é seu Si. Temperamentos devem ser abandonados. Temperamentos são coisas horríveis. Abandonem seus temperamentos, mas mantenham-se fieis ao seu caráter. Um caráter é algo tão grandioso, algo tão doce, e Eu vejo esse caráter numa pessoa, e Eu sinto: como é que eles não estão identificados com o caráter deles, mas sim com o temperamento? Vamos supor… que alguém tenha um temperamento de dizer algo tolo, é um temperamento.

Então você apenas diz: “O que está acontecendo?” “Por que estou dizendo coisas tolas? É melhor eu me livrar disso.” Alguém tem um temperamento de ficar “esquentado” muito rápido, então você vê que esse temperamento não é o seu caráter. Mas algumas pessoas são de nível tão baixo que mesmo no caráter delas… você pode perceber algo acontecendo sem parar, é que o temperamento delas se tornou unificado com o caráter delas. Então tente separar. Antes de tudo, separe seu Si… do seu temperamento, do seu caráter, e nesse caráter, você acende sua luz. Vejam quão belos vocês serão, vocês desfrutarão uns aos outros muito mais. Agora, quando você estão Comigo, Eu sei tudo sobre vocês, sem dúvida, tudo. O que está acontecendo em sua mente, Eu leio mentes, Eu leio tudo, mas o que Eu vejo é sua luz. Então o que Eu vejo é o seu caráter. Eu não Me incomodo com seu temperamento, mas chega uma hora em que esse temperamento… se torna uma coisa mais dominante.

Você se torna… tão identificado com ele: “Eu sou assim, eu sou assim.” “O que fazer? Eu sou assim. Isso acontece comigo, eu,eu,eu,eu.” Então a quarta resolução deve ser: chega de “eu”. Não vamos falar “eu”, “eu acho”, “eu acredito”. Quem é você? “Eu acredito”, agora, quem é você? Você é Jesus Cristo? Suas crenças e sua fé são tão grandiosas assim? Então nós devemos dizer: “Nós acreditamos”, “Nós somos assim”. Agora, nós temos de nos mover em um único corpo, com todos os nossos diferentes caráteres, nós temos de dizer: “Nós”, “Nós que somos partes integrantes de uma única personalidade.” Portanto sempre diga “Nós”, e é desse modo que devemos saber que esses temperamentos… são as coisas que nos afastam de todos.

Os temperamentos podem ser: alguém é um “bebê chorão”. Então essa pessoa permanecerá como “bebê chorão”… por um tempo tão longo até Eu quebrar Minha cabeça. Se alguém é um sujeito medroso, ele sempre ficará com medo deste jeito. Você diz qualquer coisa, fica com medo. É inútil. Por que ser assim? Seja normal. Se você tem esse tipo de temperamento, seja normal, aquilo não é bom. Alguém é um sujeito agressivo ou “esquentado”, ele ficará perdendo a calma o tempo todo. Isso é novamente um temperamento, esse não é o caráter dele.

O caráter se mostra em pequeninas coisas. Vou lhes mostrar um caráter. Agora, um sujeito tem um caráter em que ele é muito generoso. Ele dirá algo que será muito generoso. Uma pessoa que tem um caráter amoroso, ela fará algo que mostrará que ela é muito amorosa. Portanto, primeiro descubra qual é o seu caráter. Vamos supor que você seja uma pessoa amorosa, então por que não amar um ao outro? Por que não falar de amor? Por que não ser gentil? Nós reprimimos isso e assumimos nosso temperamento como nosso.

E uma vez que você assuma seu temperamento como seu, haverá problemas e mais problemas. Eles são exatamente como bolhas. Esses temperamentos não têm nenhum valor, nenhuma substância, são inúteis. E eles são os maiores “matadores de alegria”. Se vocês têm uma pessoa que é temperalmental – vocês tiveram isso, todos vocês saberão que essa pessoa tem esse temperamento, elas sairão correndo. As pessoas têm seus próprios métodos… de fazer as coisas, a pessoa tem de se unir, tem de se entregar ao Todo. Devemos aprender a entregar nossas próprias pequeninas coisas ao Todo, e então vocês ficarão surpresos ao ver que… nos tornaremos tão harmoniosos, tão integrados, apesar de nossos diferentes caráteres. Você tem de manter o seu caráter diferente, diferente estilo de falar, diferente estilo de andar, diferente estilo de expressão. Mas o caráter, se ele não for apresentado, a coisa toda fica tão feia, tão horrível. Como as folhas podres, fedorentas de hoje em dia.

Mas se você remove as folhas, essas folhas velhas, essas folhas inúteis, então você descobre a bela grama embaixo. Portanto, ninguém deve se identificar com seu temperamento. Isso é muito importante para a Sahaja Yoga. Vocês devem saber que as pessoas virão para a Sahaja Yoga… por causa de vocês, não por Minha causa. Eles não conseguem Me compreender. Eu estou além deles. Eu digo algo do sétimo andar, eles simplesmente não compreendem. Eles compreenderão vocês, não a Mim. Isso é muito importante, talvez vocês não percebam. Vocês não estão, vamos supor, levando a Sahaja Yoga seriamente, vocês não estão fazendo nada em relação a isso.

Vocês ainda estão muito apegados às coisas. Vocês não estão querendo fazer isso, não estão querendo fazer aquilo. não querem abrir mão disso ou daquilo. Então as pessoas dirão: “Oh, ele é um Sahaja Yoga, tal pessoa. Como ele pode ser?” “O que ele alcançou?” Você pode dizer: “Eu obtive essa bênção,” “a Mãe me deu essa bênção”, eles dirão: “Não, nós não conseguimos ver isso em sua face”. Vocês ainda estão criticando uns aos outros. Você ainda acha que não há limites para você mesmo, você ainda está se bloqueando aqui e ali. Portanto é você, você é o reflexo da Sahaja Yoga, não Eu. Eles saberão, eles verão: “Tudo bem, Ela está ótima.” Eu tenho observado as pessoas que são Meus parentes, eles dirão: “Oh, Você está além. Ninguém pode alcançá-La e então não tentaremos.” Mas se eles virem que há algumas pessoas que chegaram a algum lugar, eles virão, não é?

Vocês são iguais as pessoas, por exemplo, Eu estou situada no sétimo andar… e vocês estão situados no primeiro andar, todos vocês. Então vocês vão para o terceiro andar, as pessoas começam a ver. As pessoas do primeiro andar não conseguem ver o sétimo andar, mas se vocês estão pelo menos no terceiro andar, eles dirão: “Oh, há algumas pessoas no terceiro andar, vamos em frente.” É desse jeito, porque as pessoas veem o que elas conseguem ver, elas não conseguem ver o que elas não podem ver. Então quando elas veem a transformação em vocês, elas veem essa beleza em vocês, elas sabem que existe a Sahaja Yoga. Assim, para o bem da Sahaja Yoga, nós temos de sacrificar certas coisas, e Eu já lhes falei que nós temos de sacrificar… todos os hábitos estranhos ou temperamentos que nós temos, hoje você tem de decidir: “Eu abrirei mão disto”, e hoje, como Eu lhes disse, há bênçãos especiais, isso dará certo. Vocês têm de se tornar realmente bons Sahaja Yogis. Agora, comparando uns aos outros, vocês não conseguem se tornar. Falando uns dos outros, vocês não conseguem. Isso é pessoal, é você que tem de se certificar: “Eu estou bem?” “Eu sou um bom Sahaja Yogi? Eu realmente estou progredindo?” Você deve progredir, se você não progride, então você não está crescendo.

Todos vocês têm de crescer cada vez mais. Então o último será o dia em que estaremos muito felizes. Agora, esta é a primeira vez que Meu aniversário é celebrado em Londres, a primeira vez no estrangeiro, e todos os Sahaja Yogis indianos devem estar com saudades de Mim, Eu tenho certeza, por toda parte, eles devem estar sentindo muita saudades de Mim, então nós temos de pensar neles também. Pensar em outros Sahaja Yogis, sobre o que eles devem estar fazendo. Pensem neles, vocês se sentirão muito felizes. Sentem-se e pensem nos outros… e vocês se sentirão muito felizes pensando nessas pessoas… porque eles também são seus irmãos e irmãs. E é tão bom sentir que você tem muitos irmãos e irmãs… que falam a mesma língua. Nós temos de transcender essa limitação de que estamos na Inglaterra, não, nós estamos em todo lugar, e vocês podem em sua meditação, pensar em todas essas pessoas que estão lá. Estabeleçam seus relacionamentos com eles. Estabeleçam sua compreensão com eles.

Escrevam para eles. Assim como temos amigos de correspondência, nós podemos ter amizade de correspondência, e vocês podem começar a escrever para as pessoas. Será uma ótima ideia se vocês começarem algo assim. Mas escrever cartas é uma outra coisa que a preguiça não permite, completamente. Eu escrevo mais cartas do que qualquer um… Como uma pessoa que tem dinheiro limitado, ela se senta para fazer um orçamento. Da mesma maneira, faça o orçamento de seu tempo. Você está sempre ocupado, fazendo o quê? Portanto, vamos achar esse tempo, esse tempo com o qual você tem de permitir crescer, esse tempo que é necessário para sua atenção pessoal, que é necessário para sua evolução, que você deve dar. Essa é a dívida que vocês têm de pagar… porque vocês são almas realizadas agora… e é sua própria responsabilidade. Nisso, a melhor coisa é adotar a sabedoria.

Sente-se uma vez e adote a sabedoria e pense nisto: “Mataji nos deu a Realização, tudo bem.” “A germinação começou, tudo bem. Onde nós estamos?” “Até onde nós vamos? Nós alcançamos nossas raízes ou não?” “Nós temos nossos galhos saindo ou não? Onde nós estamos?” Apenas descubra por você mesmo. Eu sei que Mataji está puxando todos vocês… e todos vocês são arrastados para dentro disso. Vocês têm de estar dispostos, se movendo para algum lugar, mas se vocês derem sua força motivadora, todos vocês. Mas nem mesmo uma única pessoa deve puxar para trás, porque o peso dele vai nos puxar de volta, não é? Portanto, é por isso que digo que isso é egoísmo. Se alguém fica para trás, nós temos de puxar esse peso novamente. Então o que acontece é como a história de um sujeito… que anda três passos para frente e cinco para trás.

Quando ele chegará? Ele nunca chegará. Quando ele chegará? Uma questão assim é como eles perguntam na matemática, “Quando ele chegará?” Pessoas assim se movem mais rápido para trás do que para frente. Então todo mundo deve decidir: “Eu estou me movendo para trás, eu devo me mover para frente.” Através disso, você está ajudando o todo crescer, e será a coisa ideal para a Sahaja Yoga. Assim, seu crescimento individual deve estar bem… e o seu crescimento coletivo deve estar bem. Isso não exige muito. Você tem de meditar, você tem de se sentar em Nirvichara. Você tem de abandonar seu pensamento, tente ficar em Nirvichara, tente ficar em Nirvichara e você ficará surpreso ao ver… como a coisa irá florescer. No próximo ano, Eu quero ver muito mais pessoas vindo.

Além disso, Eu também quero ver todo mundo progredindo. Mesmo se vocês conseguirem milhares de pessoas de nenhuma qualidade, de que adianta? O que vamos fazer com elas? Temos de ter pessoas de qualidade, pessoas que farão isso dar certo, que obterão isso. Quem está identificado, mas não está trabalhando isso é inútil. Portanto todos devem realizar isso, devem trabalhar duro. Não critique os outros, não fique se condoendo, e vá cada vez mais adiante com seu progresso. Outro dia Eu estava verificando o significado da palavra “ashram”, significa “um lugar para os ascetas viverem”. Ashram é um lugar que se você for, não carregue todas suas bagagens para lá. Você tem de levar muito poucas coisas para lá.

Você deve ser capaz de viver com duas ou três roupas em um ashram. Ashram é um lugar onde você é treinado para ser moderado, onde você é treinado em como controlar seus sentidos, como controlar sua atenção. Mas lá também, o que fazemos? Vamos descobrir, o que fazemos para controlar nossa atenção? A melhor coisa é que quando você vai ao ashram, adote o rigoroso tratamento de si mesmo. o tratamento totalmente rigoroso: “Tudo bem, agora estamos no ashram, vamos todos em frente.” Levante-se de manhã cedo, faça isso, faça aquilo, e trabalhe isso de tal maneira que você se certifique de que… quando você sair do ashram, você esteja totalmente apefeiçoado. Isso deve ser o ashram. Enquanto que parece que se vocês forem ao ashram, as pessoas ficam piores, é o mais surpreendente. E eles até mesmo falaram com Meu marido, ele disse: “Que tipo de ashram que vocês têm…” “que as pessoas que vão se bloqueiam? Que tipo de ashram é esse?” A razão é que quem está no ashram deve manter uma certa disciplina, e se levantar de manhã e não se viciar muito em chá.

Tudo deve ter um equilíbrio, vá reduzindo. Tudo que você puder, vá reduzindo. Se você puder reduzir seu açúcar, isso será bom. Eu lhes digo como abrir mão do chá, é muito fácil. Primeiro pare de consumir açúcar, metade de vocês deixará de consumir. Depois para de tomar leite no chá, então a outra metade abrirá mão, e depois você para com o chá. É desse modo que isso dará certo. Mas não precisa ir a esse extremo… no qual você simplesmente não toma nenhum chá. Mas também o outro extremo é que sem chá, vocês não conseguem conversar uns com os outros, toda vez deve haver chá. Agora mesmo, vocês não tomaram nenhum chá, nada, vocês estão sentados agradavelmente.

Desde que se levantaram de manhã, vocês estão parecendo muito saudáveis e bem, ninguém está cansado. Mas depois: “Estou cansado, eu preciso tomar chá.” Todas essas coisas atuam juntas. Assim, a pessoa tem de tomar uma atitude muito, muito pragmática… em relação à Sahaja Yoga e a Sahaja Yoga diz respeito a nós mesmos. Ano que vem, Eu terei 58 anos de idade. Eu não sei se estarei em Londres ou seja onde for, ou talvez celebremos na Índia. Todos nós podemos ir à Índia, mas não ficará bem se os Sahaja Yogis daqui… forem Comigo e todos os Sahaja Yogis de lá… ficarem chocados e olharem para vocês e disserem: “O que é isto? Por que estão deste jeito? Não conseguimos entender”, isso não ficaria bem. Agora, para a próxima vez, não iremos fazer isso. Na próxima vez, nós teremos sucesso lá, muito mais limpo, muito melhor.

Por que não competir nisso? Ao invés de competir na preguiça, por que não competir nisso? Se ele está se levantando às 4:00, por que não me levanto… pelo menos às 3:45? Pelo menos às 3:55? Vamos tentar competir nessas coisas e isso dará certo. Se vocês quiserem fazer isso, é muito fácil de fazer. Mas ir à Índia e todo mundo ficar dizendo: “Sahaja Yogis de Londres! Oh Deus, que dor de cabeça,” “eles estão chegando agora, teremos de limpá-los”, isso, aquilo, todos os tipos de coisas. Eles tiveram experiências muito estranhas até agora. Para a próxima vez, Eu pediria a todos vocês… para se prepararem assiduamente por um ano.

Tentem só por um ano, não mais do que isso. Se você tem de estudar medicina, você tem de estudar por sete anos. Qualquer coisa que tenha de fazer, você tem de estudar por vários anos, vocês fizeram isso agora. Por um ano, religiosamente certifiquem-se… de que vocês vivam na alegria, felicidade e amizade com os outros, e consigo mesmo em completa assiduidade… e rigoroso confinamento. Somente então, isso dará certo. Para com os outros, muito amor, muita amizade, doçura. Consigo mesmo, completo confinamento rigoroso de si mesmo. Se você tem um mau gênio, fique em frente do espelho e olhe para si mesmo quando estiver com raiva, você se livrará disso. Então todos os tipos de coisas podem ser curadas. Se você tiver qualquer problema, Me pergunte, Eu lhe direi como proceder, como furar seu ego, tudo Eu posso lhe falar individualmente.

Mas venha com esses problemas, diga: “Mãe, este é o meu problema, este é meu problema.” “Eu não sei, estou fazendo isso, como resolvê-lo?” E isso dará certo. Mas ficar se condenando não vai dar certo também. Essa é uma outra moda: “Sou tão mau, não sou bom”, é uma moda. Você está perfeitamente bem, não há nada errado com você. A única coisa é que você tem trabalhar isso e tem de se elevar. Então a partir de um ano, isso estará acabando no próximo ano. Nós temos de prometer, nós temos de prometer no dia do Aniversário de Mataji. Vocês têm Me dado tantas coisas boas, belas. Eu as amo, frases tão belas. Mas Eu tenho de lhes falar que desta vez, Eu estou lhes dando… a disciplina da Sahaja Yoga.

Discipline-se. A disciplina é muito importante. Se você não se disciplinar, qualquer árvore que não é disciplinada… não pode crescer apropriadamente. Você tem de se disciplinar. Se você não quiser se disciplinar, a única coisa é que você estará… vindo ao Meu programa e você será inútil para Mim. Você tem de desenvolver sua profundidade, você tem de ir mais profundo nisso e isso tem de dar certo. Este ano, nós vamos ter muitos outros programas, sobre os quais Eu já falei para outras pessoas. Vocês podem verificar com eles. Nós estamos indo a Paris, nós estamos indo à Suiça, estamos indo aos EUA… e vocês terão muito tempo. Mas mesmo quando vocês não têm nenhum trabalho, quando estão sozinhos, vocês podem trabalhar isso.

Em cada momento, vocês têm de trabalhar isso. Este ano, realmente se dediquem, um ano de dedicação… para aperfeiçoar-se totalmente, trabalhando isso, se encontrando regularmente e fazendo isso. Não ficar só escrevendo. Por exemplo, na reunião do comitê, todos estão lá. Todos vocês discutem, anotam no papel, tudo bem. “Nós temos de fazer isso, temos de fazer aquilo,” “levantaremos as 4:00” e até às 6:00, todo mundo está roncando, esse tipo de coisa não vai ajudar. Então nós temos de realizar isso, porque isso é o que está no estoque para nós. É uma coisa tão bela. Um pequeno esforço e que alegria! Um pequeno esforço e que personalidade!

Um pequeno esforço e que poder! Um pequeno esforço e que força coletiva! Um pequeno esforço: “Eu coloquei mais do que eu posso colocar?” E abandone essa ideia de que “eu estou cansado”. Ninguém vai ter um ataque de coração, acredite em Mim. O coração de ninguém vai falhar, acredite em Mim. Você tem muita energia, mas coloque-a no canal correto. Isso vai ajudar todos nós. Eu também gostaria de receber sugestões de vocês. Sentem-se, conversem uns com os outros para organizar outros programas. Estou indo a Brighton também, temos de marcar essas datas para Brighton.

Mas para outros lugares, onde quer que vocês queiram que Eu vá. Digamos, Edimburgo ou qualquer lugar. Estarei aqui em maio, junho e julho, Como estou aqui, nós ajustaremos, para quando for que disserem, nós faremos. Mas Eu posso ir nos dias de semana, fins de semana são mais difíceis. Nós já marcamos para Paris e para os fins de semana. Mas nos fins de semana é mais difícil porque Eu tenho outras coisas… para participar. Assim, agora estou com vocês, façam o que quiserem. Mas a coisa mais importante é que vocês têm estar 100% bem. Vocês têm de aprender a Sahaja Yoga, vocês têm de saber, vocês têm de ser peritos. Eu vi pessoas que só vieram ontem… se tornarem grandes peritos, enquanto vocês estão labutando por… sete anos ainda estão labutando.

Assim, todos nós temos de realizar isso dessa maneira… e devemos ter fé em nós mesmos como Eu tenho fé em vocês. Eu tenho grande fé em vocês e Eu posso ver o belo período… que vamos ter juntos e realmente nos divertir do início ao fim. Sem dúvida, nós iremos desfrutar. Não tenham nenhum medo, não tomem nenhum passo… que possa estragar o humor dos outros. Ou você é agressivo ou não agressivo. Mas nunca é assim. Se você é agressivo, então você abandona a agressão, depois se torna uma pessoa tímida. Timidez não tem nenhum valor na Sahaja Yoga. O que é que vou fazer com pessoas tímidas, tímidas, cansadas, esgotadas? Se você está cansado, tome algum tônico, fique bem.

Todos vocês devem estar bem e se certificar de que realmente … alcancem esse esplendor cintilante interno. Você não acreditará que sua Mãe trabalha muito arduamente. Muito, muito duramente, Ela tem de trabalhar com vocês, e Eu tenho de realmente puxá-los, realmente puxá-los. Mas ainda assim, vocês Me veem muito feliz, porque Eu vejo algo que é tão belo, que é tão bom, tão doce, tão grandioso em vocês, e não importa quando Eu veja, Eu só vejo: “Tudo isso irá embora, afinal de contas, isso tudo são folhas secas,” “elas terão de ir, o outono acabará e a primavera virá.” Eu esqueço isso e simplesmente não Me preocupo… no quanto que Eu trabalhei, no quanto Eu tenho de trabalhar. Mas confiem uns nos outros, amem uns aos outros e deem mais confiança… e mais amor e compreensão e nenhuma comiseração de nenhum tipo. Assim, Eu não sei como agradecê-los novamente e novamente… por tornarem essa festividade tão bem-sucedida. As pessoas estão muito felizes com isso e nós estamos indo, estamos aguardando o programa de amanhã no dia 24… e esse vai ser realmente um dia muito, muito pesado para todos nós. Assim, depois desse acontecimento de hoje, vocês saberão que estão muito melhores agora. Sustente isso. Dê um bandhan em si mesmo.

Cerque-se, e “avante soldados cristãos”. Isso é o que é, nós temos de estar desse jeito. Nós somos as pessoas que estão amando. Nós amamos, nós distribuimos amor, emitimos amor. e temos de ser essa figura e essa imagem, de modo que… quando as pessoas virem, elas dirão: “Essas são o tipo certo de pessoas”. Não precisamos usar roupas específicas ou qualquer coisa assim, mas só de olhar para vocês florescendo deste jeito, as pessoas têm de acreditar que todos vocês são grandiosos. Vocês já mostraram o seu grande trabalho nesta exposição e… as pessoas ficaram encantadas ao ver como vocês estão tão transformados… e são tão grandiosos. Eles ficaram realmente encantados com o modo… como vocês fizeram todo o trabalho tão bem e tão sistematicamente. Então novamente Eu tenho de lembrar neste dia… que nós temos de prometer à nossa Mãe: “Mãe, este ano,” “nós realmente Lhe prometemos que trabalharemos arduamente.” “Nós seremos muito compassivos, gentis.” Você não deve zombar, esse não é seu direito, essa não é a forma de fazer, isso não é boa educação. Apenas tente ver o que a pessoa está dizendo.

Mesmo que ela seja estúpida, não adianta rir disso. Apenas veja o que ela está dizendo, qual é a atitude dela, e tudo isso trará à tona… uma imagem muito, muito bela de todos os Meus filhos, a quem Eu amo muito. Eu amarei e amarei e amarei. Seja o que for que possa acontecer, Eu serei de vocês. Mas ainda assim, em Meu amor, Eu lhes peço: Eu não consigo ficar feliz… a menos e até que Eu os torne como Eu mesma. Tudo bem? Muito obrigada.