Diwali Puja, Os Poderes da Gruha Lakshmi

Chelsham Road Ashram, London (England)

Feedback
Share

Diwali Puja, Os Poderes da Gruha Lakshmi 01-11-1981

Hoje Eu lhes falei sobre a importância do princípio de Lakshmi… e dos três processos pelos quais nós passamos.

O primeiro é Gruhalakshmi. Na verdade, ele é celebrado geralmente no 13o dia da Lua, quando dizem que deve ser dado um presente à esposa. E o melhor que ela pode receber é algum tipo de utensílio. Assim, as pessoas dão a esposa alguns utensílios, na verdade, é uma coisa recíproca, porque se você dá um utensílio, é esperado que ela cozinhe algo para você. É uma maneira muito doce de sugerir que ela cozinhe algo para nós. Então, o 14o dia é muito importante, porque esse é o dia da Deusa como um poder, como um poder, Porque foi Kartikeya quem matou Narakasura, o demônio. E ele foi o pior de todos os demônios, ele não podia ser morto. Então Shiva e Parvati se casaram… para este propósito especial de criar este poderoso Shakti Putra, que significa o Filho da Shakti, conhecido como Kartikeya. E Ele somente nasceu para matar esse demônio horrível, chamado Narakasura. E Ele o matou.

Esse é o dia, o 14o dia. Esse dia é algo como o Halloween. Porque esse é o dia em que abriram os portões do inferno… e colocaram todos os demônios no inferno. E é por isso que nesse dia, deve-se descansar pela manhã o tempo que for possível, de modo que todos os demônios sejam colocados no inferno de forma apropriada, porque alguns deles podem ainda ficar pairando por aí. É melhor deixar que todos eles vão embora. Quero dizer, no reino em que vocês estão, vocês não percebem muito a existência deles. Mas se vocês estão no reino da região do subconsciente… ou do subconsciente coletivo, as pessoas veem até mesmo alguns dos espíritos… e também podem perceber a existência deles, vocês veem as manchas pretas e tudo mais. Assim, esse dia é muito perigoso. Mas porque Narakasura foi morto, as pessoas celebraram. Essa celebração é expressada no ano seguinte, no dia seguinte, que é o Dia do Diwali, eles dizem.

Esse é o dia em que eles também veneram Lakshmi, porque eles consideram que… este é o dia que Lakshmi nasceu nesta Terra a partir do oceano, como Eu lhes falei da última vez. Então, o dia do Ano Novo vem em seguida, porque na Índia, no norte, essa é a época que as pessoas terminam a sua colheita… e elas consideraram que esse dia era muito bom para celebrar… o Ano Novo. E isso é, na verdade, mais um tipo de, podemos dizer, um acontecimento social na Índia. Nós não precisamos usar isso, não importa o que isso nos satisfaça. Vocês podem ter o seu próprio Ano Novo, porque no sul, digamos em Maharastra, eles têm um outro Ano Novo, como Eu lhes disse. Onde Shalivahana, em sua dinastia, começou um outro calendário e eles o celebram. Assim, todas essas coisas não devem ser rígidas… em relação a nada, vocês devem saber disso. Nada é rígido. A rigidez vem da ignorância. É tudo para vocês, para sua alegria e felicidade.

Todo o sistema de festivais existe para sua felicidade… e não para a felicidade da época ou da data. É para vocês, portanto isso deve ser ajustável de acordo com… as suas necessidades e compreensão. E também de acordo com a forma que você vive em sua nação. Não deve haver nenhuma dependência… a qualquer tipo particular de cultura, a um tipo particular de idéias. É tudo para vocês. Todos esses festivais são para vocês, não para os Deuses. Eles não têm esses festivais. É somente para vocês que esses festivais existem. E quando vocês os celebram, é somente para sua alegria e felicidade. E é deste modo que vocês devem celebrar: de uma maneira que lhes dê a maior quantidade de felicidade.

E os festivais, todos os festivais do mundo devem ser celebrados. Quanto mais vocês são festivos, mais felizes as coisas são. Por que perder a chance? Assim, como Sahaja Yogis, vocês podem celebrar, vocês não podem colocar a si mesmos em [?] Apenas se mova um pouco para este lado, Eu acho. Aqui, apenas se mova um pouco. Portanto, como um Sahaja Yogi, agora você não pertence mais… a nenhuma casta específica ou comunidade, você pertence a casta universal. Uma vez que vocês comecem a pertencer a algo universal, então vocês podem celebrar todos os festivais de todas as religiões… e ter o melhor disso. Por todo o ano, vocês podem celebrar todos os festivais. Saibam sobre eles.

Quanto mais vocês souberem, melhor é. E ter todos os tipos de doces, o que quer que usem, de qualquer espécie que usem, de qualquer região, país e cultura. E é desse modo que nós devemos ser mais festivos. Agora, o último dia é muito importante. É um dia universal, Eu diria, chamado de Bhaiya-Duja. Este dia, ou eles o chamam também em Marathi de Vao-Dijum, (há) diferentes nomes. O dia do irmão e da irmã. Agora, o relacionamento entre irmãos e irmãs… tem de ser muito, muito forte. E a pureza desse relacionamento tem de ser mantida. Não é necessário que vocês nasçam como irmãos e irmãs. Não é necessário.

Mas vocês nascem, porque se vocês são almas realizadas, vocês nascem como irmãos e irmãs. Essa pureza deve ser mantida na sociedade da Sahaja Yoga. É muito importante que nós tentemos desenvolver… essa situação em que irmãos e irmãs são algo muito puro. Os relacionamentos deles são muito puros. E não devem ser, de forma alguma, desafiados. É de tal maneira que se você chamar alguém de irmão, ele é seu irmão. E quanto mais você desenvolve esse relacionamento, melhor ficará seu Vishuddhi Esquerdo. Porque o Vishuddhi Esquerdo é o relacionamento… com Deus como um irmão e com a Deusa como uma irmã. Assim, a irmã de Shri Krishna, como vocês sabem, nasceu de Nanda e o próprio Shri Krishna nasceu em uma prisão. Então, houve uma troca.

Eles tiveram de colocá-La no lugar de Shri Krishna. E depois quando Kamsa, o tio de Krishna, tentou matar aquela menina, Ela foi até o céu e como um relâmpago, Ela disse: “Aquele que irá matá-lo ainda está vivo em Gokul,” “ainda está lá”. Assim, esse relâmpago que nós vemos é o símbolo desse poder, o qual nós chamamos de Vishnumaya, é o poder da irmã. Se os seus sentimentos de irmandade com relação às mulheres… são bons e fortes, o seu Vishuddhi Esquerdo será muito bom. Isso tem muitas outras qualidades. Por exemplo, uma pessoa que tem um Vishuddhi Esquerdo muito bom… é uma pessoa muito confiante. Não somente isso, mas o que quer que essa pessoa diga revela-se verdadeiro. Mesmo que por engano ela diga algo, isso torna-se realidade. É um centro muito poderoso, o Vishuddhi Esquerdo. Tal pessoa, toda vez que ela fala, digamos, para criticar algo ou para derrubar algo… ou para ficar contra alguma coisa, então a sua fala tem o poder de estraçalhar tudo que ela não quer.

Por exemplo, você pode dizer que… o Vishuddhi Esquerdo de Cristo é expressado pelo… Seu relacionamento com Maria Madalena. Quando Ele se ergueu e disse: “Aqueles que não cometeram nenhum pecado podem apedrejá-la”. Portanto, esse é o Seu poder. O pecado das pessoas… simplesmente foi de encontro a elas completamente, elas foram liquidadas, porque o pecado estava lá. E o pecado era do Vishuddhi Esquerdo. Não havia nenhuma pureza. E quando não há pureza e uma pessoa que é tão pura diz tal coisa, todas aquelas pessoas perderam seus poderes, elas não conseguiam nem mesmo jogar pedras. Agora, a irmã Dele nasceu mais tarde como Draupadi… e bem perto do local quando estivemos em Vani, onde nós vimos…, Gavin, você se lembra de quando fomos para Nagpur? Ela nasceu próximo a Vani, naquele lugar há um templo muito grande. Ela era chamada de Draupadi… e vocês sabem como Shri Krishna tentou salvar a castidade Dela.

Agora as pessoas, Eu tenho ouvido, estão tentando também falar coisas contra Maria Madalena… e contra Cristo e todos os tipos de coisas. Este é o sinal da decadência de nossos cérebros, de nossa moralidade: nós não conseguimos ver a pureza em nenhum relacionamento. Não conseguimos ver nenhuma pureza em nenhum relacionamento. Assim, nós, como Sahaja Yogis, temos de desenvolver mais isso. Ao invés disso, o que Eu constato é que as pessoas, especialmente no Ocidente, tentam pensar: Com quem nós vamos casar? Esses relacionamentos são formados. Isso está errado. Não há nenhuma necessidade de continuar organizando casamentos… e fazer esses jogos românticos e tudo mais. Se o casamento tem de acontecer, ele irá acontecer, mas não estraguem a atmosfera. Há algumas pessoas que são exatamente como barbeiros, que tentam organizar casamentos e ficam bastante orgulhosas… de arranjarem casamentos deste com aquela, daquela pessoa com a outra.

Não é algo desejável, não se deve fazer isso. Não há nenhuma virtude nestas coisas, organizar casamentos o tempo todo. Quando a hora do casamento chega, ele acontece. Agora, na época de Maomé, uma grande questão foi levantada, porque havia muito poucos homens… e muitas, muitas mulheres de todas as faixas etárias. E eles não sabiam o que fazer, como salvar essas mulheres. Porque muitos homens morreram na guerra. Então, eles perguntaram: “O que fazer nessa circunstância.” Em uma situação em que existe uma catástrofe dessas… e existem muitas mulheres e muito poucos homens, então Ele disse: Tudo bem, vocês podem se casar com 4 ou 5 esposas… e de qualquer faixa etária. Porque se vocês têm de viver com Dharma, isso significa casamento, significa consentimento coletivo, não sem o casamento. Então Ele disse: ” Tudo bem, vocês podem casar cinco vezes,” mas vocês têm de casar.

Sem o casamento, vocês não podem viver. E é por isso que Ele era meticuloso com isso: toda pessoa deve se casar e não deve ter nenhum relacionamento… sem o casamento, era pecado. Ao invés disso, agora os muçulmanos acham que têm… o direito de se casar com cinco pessoas, quero dizer, quando existem mais homens e menos mulheres. Isso é algo errado. Vocês têm de encontrar a solução. E naquela época, mesmo os relacionamentos entre irmãs… e irmãos tinham de ser delimitados, porque havia um grande problema. Então Ele disse: “Tudo bem,” “os filhos nascidos dos mesmos pais não podem casar”, mas os primos podiam se casar naquela época. Mas foi mudado naquele época, tudo bem, não estamos naquela época, não estamos em guerra. Não há nada como aquilo acontecendo, não há nenhum problema assim. Portanto, vamos desenvolver agora o nosso puro relacionamento… de irmãos e irmãs.

Na verdade, quando tivemos pela primeira vez esta cerimônia do Diwali, Eu pedi às pessoas para encontrar uma irmã para elas mesmas. Cada cavalheiro deve ter uma irmã, deve achar uma. E então, esse é o dia, Eu disse: Vamos começar dessa forma de tal maneira que da próxima vez… quando nos encontrarmos em um outro dia chamado Rakhi Purnima, vocês podem amarrar um rakhi na mão, os mesmos irmãos e irmãs. Na Índia, também fizemos assim e isso funcionou muito bem. Mas lá, os relacionamentos são tão fortes que uma vez Dhuma, Eu acho que amarrou um rakhi em Raulbai. E agora, até mesmo se Eu disser algo para Raubai, ele não gosta. Excede a esse ponto. É tão doce. E até mesmo a esposa de Dhuma respeita Raulbai como… uma irmã mais velha. É muito doce.

Desse modo, muitos relacionamentos são estabelecidos. E no ano seguinte, Eu acho, Raulbai tornou-se… irmã de um de nossos administradores, que não está mais lá. E ela sempre preservou todos esses relacionamentos… e eles também, imaginem. A coisa toda é assim, esse relacionamento é tão especial, tão próximo e tão puro. E um relacionamento assim deve ser desenvolvido com uma senhora, com qualquer mulher ou com qualquer amigo que você queira ter. Deve ser lembrado que isso não pode atravessar certo limite, tem de haver uma maryada. Senão, eles se tornarão irmãos e irmãs… e depois se casarão. Isso não é possível. Portanto, nós temos de ter limites, isso é muito importante. Na Sahaja Yoga, nós temos de ter maryadas e limites.

E uma delas é: uma vez que você chame alguém de irmão ou irmã, esse é um relacionamento absolutamente puro. Iremos um pouco mais adiante com isso. O relacionamento com, como Eu lhes disse antes, com, digamos, irmãos mais novos do seu marido é exatamente assim: eles são como seus irmãos mais novos, todos eles, irmãos mais novos do marido ou Sahaja Yogis mais jovens são seus irmãos, É ao contrário em relação a todas as mulheres, podemos dizer, para todos os homens, as esposas dos outros, senhoras mais velhas, mais velhas que suas esposas, são como irmãs, como irmãs mais velhas. Quero dizer, esse relacionamento é tão doce e lhe dá um certo… entendimento de quanta distância é mantida com quem. Com quem ser livre e com quem ter a distância. E isso deve ser mantido de uma maneira tão bela que… essa pureza não seja corrompida. Vocês mantêm padrões puros. Essa é a nutrição da Sahaja Yoga, é a nutrição do seu crescimento, a pureza. A pureza é a coisa mais importante para nós. A pureza em todas as formas.

Se você é puro, você não fará nada que seja falso, que não seja, podemos dizer, que não seja puro. Assim, antes de tudo, você será puro consigo mesmo… e você aceitará a pureza, você apreciará a pureza, você será sustentado pela pureza. Nenhuma impureza irá cooperar com você ou comprometer-se com você. É por isso que Pureza é o nome de sua Mãe. Vocês sabem que Meu nome é Pureza. E essa pureza é tal que purifica tudo, simplesmente purifica. A pureza deve ser tal que deve purificar, senão essa pureza não tem nenhum significado. Por exemplo, o sabão purifica, tudo bem? Mas você não purifica o sabão. Você limpa o sabão?

Para algumas pessoas loucas até pode ser. Eu conheço algumas pessoas que lavam até mesmo a torneira e também a água. E é por isso, é por isso que essa água é o purificador. A água é o purificador. A água nos purifica fisicamente. E também os venenos em nós são expulsos do nosso fígado pela água. Água é um elemento muito importante na remoção de todos os problemas. Vocês usam a água para tantas coisas, vocês sabem como isso dá certo. Assim, essa Lakshmi, que é a purificação, nasceu da água. É por isso que Ela foi chamada de Maria, como Eu lhes disse.

E Eu também sou chamada de Nira, que significa nascida da água. Portanto, deve-se entender que a mensagem de hoje é esta: nós devemos incutir a pureza. Não devemos enganar a nós mesmos. É fácil enganar. Mas nós devemos incutir a pureza dentro de nós como uma questão… de nossa própria maturidade, como nosso próprio adorno, como nossa própria beleza. E não apenas porque é algo trabalhoso ou algo muito difícil, nada desse tipo. Deve ser alcançada com muito prazer e felicidade. Como nós gostamos? Tomar banho ou estar limpos ou apresentáveis. Da mesma maneira, nós devemos tentar limpar nossos pensamentos.

Somente prestando atenção neles, nós podemos limpá-los. Os pensamentos devem se tornar limpos. Antes de mais nada, afinal, por que ter pensamentos? Mas mesmo se vocês os tiverem, tenham pensamentos limpos e puros. Mesmo que vocês tenham de tê-los, não tenham pensamentos cheios de arrogância, agressão ou medo. Algumas pessoas pensam que se tiverem pensamentos de medo… é algo muito bom. “Oh! Eu estou assustado, estou com medo.” Isso é impureza. Por que você deveria ter medo?

Isso significa que seu Vishuddhi Esquerdo está bloqueado. Não há necessidade de ter nenhum medo de qualquer tipo. Nenhuma necessidade ter medo de qualquer tipo. Se você tiver de ter medo, isso significa que há algo errado. Se você acredita que Deus está acima de tudo, que você é uma alma realizada e que Deus irá cuidar de você, que Ele é seu Pai, que Ele abriu Seus portões para você, o que há para ter medo? Muitas pessoas pensam desta maneira: se você tiver medo, você é humilde. A humildade é diferente de uma pessoa medrosa. É algo totalmente diferente. Não tem nada a ver com humildade. Portanto, ser humilde é diferente e ser medroso é diferente.

Para os Sahaja Yogis, é muito fácil descobrir através de sua consciência vibratória, o que é medo e o que é humildade. A humildade lhes dará vibrações… e o medo irá bloquear todo o seu canal esquerdo. Assim, a purificação de nossas mentes vem através de certos… métodos de compreensão de nós mesmos. O primeiro entendimento que alguém tem de ter é: nós nascemos numa família, nascemos numa sociedade, nascemos em uma assim chamada seita religiosa. Todas essas fixações têm colocado em nós… uma certa quantidade de impureza, as quais podem nos dar ego, superego, qualquer coisa. Assim para manter a mente pura e simples, use o elemento água tanto quanto você puder. Isso ajuda de ambas as formas, ajuda o ego, ajuda o superego. Use o elemento água. E é isso que é Lakshmi. Lakshmi é Aquela que lhes dá o Mahalakshmi Tattwa.

Somente a partir de Lakshmi, o Princípio de Mahalakshmi entra em ação. E isso acontece depois da purificação… através do processo de Lakshmi. Cristo disse: Se vocês quiserem, Eu posso lhes dar ouro, barras de ouro, vocês podem viver com isso. Mas somente aqueles que Me amam entrarão no reino de Deus. “E eu vou cear com eles”. Significa: “Somente aqueles que são puros, Eu irei cear com eles.” Eu não irei cear com pessoas que são impuras. Ele era tão., quero dizer, todas as Encarnações são conscientes… que Eles têm de estar com as pessoas puras… e Eles têm de ajudar as pessoas puras. Mas Ele disse isto tão claramente: Se você quer Lakshmi, você pode ter, isto é, dinheiro. Mas isso não é Mahalakshmi.

Portanto, de Lakshmi para o estado de Mahalakshmi. Vocês já receberam sua Realização, vocês não sabem o quanto já obtiveram. Vocês já estão tendo o Princípio de Mahalakshmi dentro de vocês. E o que é o Princípio de Mahalakshmi? Esse é o ponto. Posso perguntar isso? O que é o Princípio de Mahalakshmi dentro de vocês? É tudo para o Espírito. Não, não. Mas vocês têm um poder.

Vocês têm os poderes de Mahalakshmi dentro de vocês. Vocês sabem disso? O prazer que isso lhes dá. O prazer? Não, não, não. O poder de dar a Realização. Vá em frente um pouco mais, um pouco mais. O prazer não é um poder. O prazer é o que vocês desfrutam. Mas vocês têm o poder de Mahalakshmi.

O poder de sustentar. Isso não é poder. O poder significa que você tem o poder de fazer algo. O poder de difundir a Sahaja Yoga. Isso é muito vago. Algo específico. Evoluir. Mas evoluir pertence a vocês. O poder é o que vocês fazem pelos outros. A coisa toda Eu disse a vocês agora mesmo: é purificar.

Vocês têm o poder de purificar. Como vocês curam as pessoas? Purificando-as. Tudo bem? Agora apenas pensem como vocês purificam os outros. Conversando com os outros, vocês podem purificá-los. Tocando os outros, vocês podem purificá-los. Olhando para eles, vocês podem purificá-los. Uma pessoa que é uma alma realizada purifica toda a atmosfera. A atmosfera é purificada.

Desde que cheguei, tem estado bastante quente. Vocês purificam tudo. Vocês purifica esta luz, vocês notaram isso? Vocês despertaram a luz. Agora, quais outros poderes vocês têm? Elevar a Kundalini. Isso é o despertar. A Kundalini são muitos poderes, são multiplos. Vocês purificam a si mesmos, os outros e a si mesmos. Existem mais alguns poderes.

Agora, vamos, digam. Todos vocês têm esses poderes e vocês não estão cientes deles, essa é a melhor parte disso. Agora, digam. Vocês não conseguem compreender isso. Poder sobre o tempo. Arrumar tempo para lhes convir, Mãe. Poder sobre o tempo. Arrumar tempo para lhes convir. Esse não é um poder de Mahalakshmi. Esse é um outro poder, Eu lhes direi quem faz isso.

Equilíbrio. Propicia equilíbrio entre ego e superego? Isso é verdade. Esse é um deles, mas é poder do guru. Esse é o poder do guru. O equilíbrio vem do guru. Mahalakshmi é água, então agora, Me digam. Purificar. Isso é feito agora, a purificação é feita. O que mais a água faz?

Satisfação. Agora, tratando-se dessa parte. Ela sacia a sede, a sede espiritual. Você pode saciar a sede espiritual das pessoas, um enorme poder, porque quando você dá a Realização, essa busca acaba. Tudo bem? Então um outro agora surge. Quais outros poderes? Pensem na água. Nutrição, você nutre. Você dá a nutrição espiritual às pessoas através de seu poder, mesmo que você esteja aqui, você está nutrindo os outros.

Depois isso é uma dissolução, você dissolve o ego deles e você dissolve o superego deles. Todos esses poderes são seus depois da Realização. Apenas pensem nisso. O que mais? Divindade. Isso é muito vago, porque divindade… é como relacionar isso à água. As pessoas não entenderão isso, então vamos colocar isso ao contrário. O que é? Acalmar as emoções. Acalmar as emoções.

Você se torna uma pessoa calma, muito bom, muito bom. Você se torna calmo, uma personalidade calma. Você tem efeito calmante, muito bom, o que mais. Você apoia os outros, você pode apoiar os outros. Você pode, muito gentilmente… e também mergulhar alguns deles, mergulhar no amor, no oceano de amor. Mas vocês também podem impulsioná-los… com dois saltos correndo, tudo bem. Isso também pode ser feito. Há uma outra grande qualidade: a água permeia na menor partícula. Ela vai às raízes, quero dizer, é sugada pelas raízes. Assim, com o poder de Mahalakshmi, você simplesmente vê as raízes… da pessoa, simplesmente sabe de onde o problema vem, você salta sobre ele, na verdade, é a consciência, é a inteligência, suga a parte relativa à verdade, que fica iluminada.

E você compreende agora onde está o problema… e você simplesmente se aproxima da raiz… e absorve e você pode ser facilmente absorvido, você permeia. Quando você está sentado próximo a uma pessoa, então você Me diz: “Mãe, há um bloqueio nas costas,” “a pessoa não sabe.” Você permeou, sua personalidade permeou essa pessoa, ela não sabe. Você permeou essa pessoa e está sentindo as raízes, onde está o problema. A água está fluindo dentro desse ser. A água divina esta fluindo dentro desse ser… e a obstrução é sentida através dessa água divina… e você pode dizer que isso está bloqueado, aquilo está bloqueado. Então permeia, fica permeando e o outro é o brilho… da água, é o seu brilho, sua pele torna-se muito radiante. E o último de todos é o reflexo. A pessoa que vê você, vê o próprio reflexo dela, ela se assusta. Comigo, isso acontece às vezes. Eu não tenho má intenção com ninguém, mas as pessoas ficam desnecessariamente assustadas Comigo, porque elas veem o reflexo delas.

Então quando elas chegam em você, elas veem que o reflexo delas pode… ser muito agressivo, porque elas veem o reflexo delas. Elas podem ser muito rudes com você, porque elas veem o reflexo delas. E se é água cristalina, então você vê a profundidade dessa pessoa. Se você é um Sahaja Yogi cristalino, você sente a profundidade claramente e eles podem ver, o Espírito brilha. Essas são as qualidades da água dentro de nós. Quanto mais dela, Eu diria, especialmente em Meu corpo, Eu na verdade suavizo a água para proteger os chakras. Se Eu não tivesse água no corpo, Eu talvez tivesse problemas. Então ela atua como amortecedor, ela também acalma suas células epidérmicas, você pode dizer que ela abranda sua cegueira. Se não há nenhuma umidade, você sente toda essa secura e tudo mais. Ela acalma todo mundo.

E há outros tipos de poderes da água que conhecemos, quando ela sai de seus olhos, ela expressa sua compaixão, seu amor, suas emoções. Ela é a única coisa… dentre todos os elementos que expressa emoções. poder da água do sentimento. A água tem outras qualidades também… que os físicos conhecem como hidrostática. Ela tem a pressão. Ela tem pressão e a pessoa que vive, como um Sahaja Yogi, definitivamente colocará uma pressão nos outros, ele não, ele não agredirá, mas haverá uma pressão e mais pressão. E um outro indivíduo, se ele recebe pressão, então ele recebe o benefício de você, mas se ele não quer receber isso, então ele se sente pressionado e se sente um pouco dominado. Seus vizinhos, seus familiares, no começo, eles sentem uma pressão, porque o corpo alcança um tipo de peso. E é desse modo que o Guru Tattwa é formado a partir de você. E se há sal, esse é o Princípio do Guru, então o peso é ainda maior.

Assim, hoje, em relação à água, realmente devemos… saber que a água é uma coisa muito sagrada… e em nossos pujas também, nós usamos, especialmente isto aqui significa a Kundalini, isso significa que a Kundalini é a jarra de água… ou a Carregadora de Aquarius. E esta é a era de Aquarius. Então como essa água é importante. E a água é a carregadora do Amor Divino, é a melhor carregadora. E esta é a era de Aquarius… significa que a Kundalini é feita de água divina. Assim, a ideia toda de celebrar hoje do dia da Lakshmi… é entender que em nós, Ela se tornou Mahalakshmi. Através disso, nós temos muitos poderes, dos quais nós não estamos conscientes. Quero dizer, nós não sabemos também… que somos almas realizadas. Alguns de nós, nós não sabemos… e que nós temos esses poderes dentro de nós, que podemos permear nos outros; nós podemos projetar nossas personalidades nos outros; nós podemos descobrir o que está errado com eles; podemos descobrir sobre nós mesmos; podemos penetrar em nós mesmos, nossa permeação é como a água se movendo, está fluindo o tempo todo. E isto é uma coisa muito importante: nós devemos estar conscientes dos nossos poderes que alcançamos.

Então começaremos a nos respeitar, depois Rajalakshmi entra em ação… e depois a Gruhalakshmi entra em ação… e tudo entra em ação quando nos tornamos conscientes… do que nós alcançamos, da nossa autoestima, da nossa dignidade. Então isso nos dá dignidade, Mahalakshmi nos dá dignidade. E é desse modo que começamos a… compreender o valor da dignidade humana. Nós devemos ter também a noção da dignidade humana, que nós não podemos insultar a dignidade humana. Como as pessoas que estão importunando os outros o tempo todo. É contra seu ser ou o tempo todo se impondo sobre algo, tornando o tempo todo a vida de todo mundo infeliz. Isso é contra a dignidade humana. Você tem de ornamentar a vida do outro, você tem de torná-la bela, você tem de torná-la agradável… e feliz, tornar todo mundo feliz, não importunar o tempo todo. E se você incomoda, essa não é uma Gruhalakshmi, essa não é uma Gruhalakshmi. Você não deve incomodar: “Faça isso, faça aquilo,” “levante-se, o que está fazendo?

Fique deste lado, faça, vá para aquele lado.” É tudo insensatez. Você percebe a pessoa fazer isso; a dignidade humana é a coisa mais importante. Devem respeitar a dignidade humana. E isso é possível porque agora vocês adquiriram o Poder de Mahakakshmi Aqueles que não têm dignidade também irão adquiri-la de vocês, porque vocês são dignos agora. Se você tem senso de dignidade, você nunca insultará a dignidade dos outros. Por pequenas coisas, nós insultamos os outros: “Por que colocou o sabão aqui? Por que fez isso? Por que fez aquilo?” E o outro lado poderia ser que os outros não tenham nenhuma dignidade, então eles continuam fazendo coisas exatamente como animais. Ambas as coisas estão erradas. Mas devemos respeitar e o respeito traz os melhores resultados, Eu tenho visto.

Esse é o melhor resultado, uma vez que você respeite e ame, então a confiança é aumentada e devemos manter a confiança. E é desse modo que a dignidade humana cresce de todas as formas. Nós devemos respeitar todo Sahaja Yogi, porque todos nós somos santos, respeitar uns aos outros, respeitar totalmente, porque todos vocês são santos, Eu não sei se vocês compreendem o que Eu estou dizendo. Cada um de vocês é capaz de dar a Realização ao mundo inteiro, cada um de vocês, e se nós compreendemos, então devemos nos respeitar e respeitar os outros. Vocês não devem falar de forma frívola sobre os outros, zombar. E especialmente com sua Mãe, vocês não podem tomar liberdades com Ela. Isso é algo que temos de saber… no ocidente, é muito importante. Isto é muito importante: temos de saber sobre isso. Outro dia Eu estava corrigindo alguém. Então Hugh disse: “Você é uma pessoa muito afortunada,” “pois a Mãe está corrigindo você, você é muito afortunado,” “pois a Mãe está corrigindo você, lhe dizendo algo,” “porque você é ingênuo, é por isso que você começa a tomar liberdades.” Antes de tudo, vocês devem respeitar a dignidade de sua Mãe.

Isso é muito importante. E isso lhes dá a maior dignidade. Eu estou lhes dizendo isso, porque a menos e até que vocês façam isso, seu crescimento não pode progredir bem. Portanto, isso é um ponto muito importante… e por exemplo na Índia, vamos supor que alguém está indo a um templo… ou eles vêm para – por exemplo, hoje. Ela veio ou alguém veio, eles irão melhorar, eles usarão uma roupa elegante. Você está indo a um templo e eles usarão todas as joias, eles usarão tudo. Esse é o dia que eles têm de mostrar toda a dignidade deles. Então a pessoa não deve vir com o cabelo despenteado ou coisas assim. Isso não é uma coisa boa porque todas estas coisas são importantes: como você respeita; como você tem de estar vestido; como você tem de estar apresentável, porque essas coisas, algumas pessoas dizem: “Oh, eu viverei do Espírito”. Nós precisamos estar arrumados, porque nós vivemos do Espírito.

O Espírito é a coisa mais arrumada. Ele arruma tudo. Ele arruma tudo, penetra nas sínteses apropriadas, concordância apropriada. uma música bela, completa é criada a partir disso. Como um indivíduo caótico pode ser chamado de homem espiritual? Não pode. Qualquer um que seja caótico, sua casa é caótica, suas coisas são caóticas, vocês devem saber que há bhoots neles, sem dúvida. Mas você não deve ser o oposto, tão meticuloso que come a cabeça dos outros. Esse é um outro lado. Assim, ambas as coisas não devem ser feitas.

E Eu continuo insistindo nesse ponto, porque ele é muito importante… para as pessoas orientadas ao ego, porque elas podem se tornar qualquer coisa. Outro dia Eu estava indo pela King’s Road e fiquei impressionada ao ver… quais tipos de roupas as pessoas estão usando… e elas pensam: “Seja o que for que vestimos, nós somos.” Isso significa que vocês devem ser macacos, vocês usam roupas assim e vão por aí. Se vocês acreditam nisso, então vocês deveriam ser pessoas decentes, deveria haver decoro nisso. Assim, hoje, nós aprendemos… sobre o crescimento e transformação da Lakshmi em Mahalakshmi, mas não é que quando você se transforma em algo, o resto está liquidado, não é assim, algumas pessoas acham que elas se tornaram… personalidades espirituais, agora o Lakshmi Tattwa não está lá, não é verdade. Você tem de ser uma pessoa decente, apropriadamente vestida de acordo com seu status na vida, o modo como você vive. E não deve haver nenhuma, o que vocês chamam, hipocrisia em relação a isso, nenhuma hipocrisia. Fazendo qualquer coisa insensata, como algumas pessoas acham que se tornando primitivo ou qualquer coisa assim, vocês impressionarão os outros. Vocês nunca impressionarão, é uma coisa de mendigo, fazendo mendicância, você arrumará alguns bhoots de mendigos dentro de você. Portanto, nós não devemos ser mendigos nem temos de ser… um tipo de “almofadinhas”, mas nós somos Sahaja Yogis, pessoas dignas. Nós temos nossa própria autoestima e vivemos com nossa própria dignidade, e é deste modo que devemos ser: puros, transparentes, honestos, dentro de nós mesmos, devemos ser honestos, totalmente honestos.

A água é tão honesta consigo mesma. Nós colocamos qualquer coisa na água, ela mostrará. Coloque qualquer coisa na água, ela mostrará. Coloque lama, ela mostrará. Você tem de ser muito honesto, honesto consigo mesmo. E a coisa toda deve dar resultado para ser uma personalidade… e ser harmoniosa, bela, permeante, sem dúvida, mas muito belamente iluminada, porque o próprio Mahalakshmi Tattwa… é a iluminação em nossa consciência. Uma pessoa assim não pode ser idiota, se há um idiota, ele não é um Sahaja Yogi, definitivamente ele não é. Um pessoa idiota não pode ser um Sahaja Yogi. Bobos, desatentos, tudo isso tem de ir embora. Se todos vocês têm de ser Sahaja Yogis, vocês não podem ser: “Oh, eu sei, eu sei, eu sei.” Toda essa insensatez não deve existir, não deve estar presente. Os lakshanas ou o que vocês chamam, os (…) elevados, ou você pode dizer, o que vocês chamam de lakshanas?

É a forma como você pode distinguir um Sahaja Yogi, deveria ser… um Lakshmi putra, é o sinal de Lakshmi, ele vive como um rei. Isso não significa que ele tem tudo para ele mesmo, não. Não significa isso, o rei doa, ele doa com generosidade, é conhecido por sua generosidade. Ele não é conhecido por quanto ele se apropria de algo, ele é? Ele é um rei, na realidade, fica doando. Então ele deve ser uma personalidade calma, ele não deve ser gélido, ele deve ser uma personalidade calma, não irascível. Aqueles que são irascíveis, Eu tenho observado as pessoas aqui, elas primeiro adotam a violência. Quero dizer, a violência… é algo fora de questão para os Sahaja Yogis, sem dúvida. Se alguém bate em você também, você não deve bater nele de volta. Nós temos formas de “bater” neles, mas você não deve bater neles de volta.

Você não deve enfrentá-los, mas se você é um Sahaja Yogi, você não tem direito de ser violento com ninguém, mesmo com sua língua. Algumas pessoas são mais violentas… com a língua, do tipo provocativas. Você deve saber que você deve corrigir todos esses pontos. Isso é importante, porque amanhã você vai mostrar ao mundo… o que a Sahaja Yoga é, não Eu. Então nós temos de nos dedicar à nossa purificação, a nossa glorificação, porque a água glorifica, dá-lhes glória. Todos vocês estão tão belos e brilhando na face… e Eu posso ver o Ganti Rupena Samasthita. Ele disse: “Ya Devi Sarva Butheshu Ganti Rupena”, o brilho, a luz e isso está lá, Eu vejo em todos vocês. Isso já apareceu, mas deveria estar dentro também. E essa pessoa que é uma alma realizada, ela não tem de fazer promessa para isso, as pessoas simplesmente sabem que ela é uma alma realizada. Você não tem de contar a ninguém, as pessoas simplesmente conhecem o modo como ela é. Tantos pontos, nós cobrimos hoje.

Eu espero que vocês novamente os ouçam, porque a palestra de Mataji entra por um ouvido e sai pelo outro. Graças a Deus, nós temos um meio de delimitar isso. Eu espero que vocês peguem essas fitas e as ouçam todo dia, uma por uma, e também ajam, não planejando no papel ou no ouvido. Mas isso deve entrar no coração. É desse modo que todos nós iremos amadurecer… belas crianças. Eu só estou contando, agora novamente C.P. será eleito por quatro anos e depois Eu tenho de ir. mal se passará três anos e… Eu não poderei ir muito à Inglaterra. A responsabilidade está muito sobre vocês. Eu espero que celebremos mais alguns Diwalis juntos.

Que Deus abençoe todos vocês. Mãe, eu posso Lhe fazer uma pergunta? Sim, sim, por favor, por favor. Frequentemente nos é dito para não enfrentar a violência, e está tudo bem quando alguém está sendo violento com você. O que acontece quando alguém está sendo violento com outra pessoa? – O que nós fazemos então? – O quê? Se alguém está sendo violento com outra pessoa, o que devemos fazer? Devemos aguardar e permitir isso ou o que fazemos? Dê-lhes um bandhan.

Nós temos nossas formas de combater essas coisas. Dê-lhes um bandhan. dê-lhes um bandhan deste jeito, eleve a Kundalini deles. Obrigado, embora não seja preocupação para mim, está tudo bem para mim… mas e quanto a uma criança? Observe a brincadeira. – Tudo bem? – Sim, obrigado. Deixe-os brigarem, o que você pode fazer? Deixe-os decidirem entre eles mesmos, entende? Quanto ao serviço militar em países desenvolvidos, Mãe?

O quê? O que ele disse? Ele está perguntando sobre serviço militar. Essa coisa estúpida, você tem de fazer. Porque você nasceu em um país estúpido assim. Foi sua própria decisão estúpida que você nasceu lá. Essas coisas estúpidas você tem de fazer de acordo com seu país. Na Índia, nós também temos de fazer certas coisas estúpidas. Mas não é desse tipo, mas sim de outro tipo. Assim, se você nasceu em um país estúpido como a França, é melhor fazê-lo.

Um outro é a Suíça, existe isso. Ninguém atacou essa Suíça até agora, mas ainda assim eles têm essa atividade militar, porque eles estão roubando o dinheiro das pessoas e tendo esses bancos, então eles têm de mostrar que têm um exército para proteger o dinheiro. Nós temos uma alternativa, podemos escrever para o governo e para… Não, não, é melhor dar-lhes um bandhan, é inútil escrever. Novamente mental, faça shoebeating. Seu governo está mudando agora. Muito mudado. Bem… – Muito melhor agora. – Talvez sim. Muito mais sensato, certo? Agora, orem por outros governos, está tudo dando certo.

Todas essas coisas estúpidas estão em volta, o que fazer? Você tem de ir agora para o serviço militar? Sim, talvez, Mãe. Eu sugeriria uma coisa. Se você tem de fazer o serviço militar ou qualquer coisa, não importa. Você não está matando ninguém, é apenas uma simulação. É como uma peça teatral, então não há nenhum mal, faça sua meditação, faça tudo. Não há nenhuma seriedade sobre isso, é tudo uma simulação acontecendo. Tire umas férias. Vocês levam isso tão seriamente, vocês não estão indo para a guerra.

Não haverá nenhuma guerra, nunca mais. Deixe-os fazerem toda a simulação. Alguma outra pergunta? Isso se estabilizou muito. O poder da água está se elevando atrás das costas de vocês. Então agora, devemos ter o puja? Agora, o puja de hoje, vocês devem inculcar seu Makalakshmi Tantra. Todos esses poderem devem ser concretizados, é por isso que este puja é feito, tudo bem? Eu já lhes expliquei o que é o Princípio de Mahalakshmi, e todos esses poderes devem ser elevados em vocês. Bom.

Isto é permanente?