Seminário em Bordi, palestra final, Maya é importante

Bordi (India)

1985-02-09 Final Day of India Tour Talk, Bordi, India, DP, 29' Download subtitles: EN,PTView subtitles:
Download video (standard quality): Download video (full quality): View and download on Vimeo: View on Youku: Listen on Soundcloud: Transcribe/Translate oTranscribe

1985-02-09 Final Day of India Tour, Bordi, India, DP, 127' Download subtitles: EN,PTView subtitles:
Download video (standard quality): Download video (full quality): View and download on Vimeo: View on Youku: Listen on Soundcloud: Transcribe/Translate oTranscribe

Palestra para Sahaja Yogis Bordi, Índia, 09.02.1985 

Nesta ocasião, quando todos vocês estão Me deixando, é bem difícil ouvir todas essa qualidades descritas… em sua bela música.

Minhas palavras estão tão carregadas… com um sentimento de extrema tristeza, somada a… exuberância de novas aventuras, algumas ideias… de que Eu tenho de fazer muito mais para estabelecer… tudo que vocês estão Me descrevendo. Muitos rakshasas devem ser mortos como vocês Me descreveram. Todas as desigualdades devem ser removidas deste mundo. Toda a ignorância, a escuridão, a quimera tem de ser removida, conforme vocês Me descreveram. É muito fácil destruir este mundo… e foi mais fácil destruir os demônios e os diabos, mas hoje o momento é tão precário… pois todos esses entraram nos cérebros, no Sahasrara de muito buscadores. Portanto é uma tarefa muito delicada… remover essas influências horríveis… para salvar os buscadores das garras desses demônios. Vocês têm sido muito gentis em compreender… que isso é uma coisa muito delicada… e nós não podemos fazê-lo com rispidez, com aspereza, com declarações diretas. Nós temos de convencê-los, porque há rochas duras… e fazê-los compreender através da compaixão, amor e zelo completo. O discernimento é a única forma com a qual nós podemos lidar… e temos de usar todos os tipos de métodos de discernimento… para salvar essas pessoas. Uma vez que um número máximo esteja salvo, os rakshasas podem ser destruídos.

Na realidade, eles estão muito expostos agora, eles estão sendo destruídos por eles mesmos, através do seu próprio comportamento. Isto é o melhor sobre a falsidade: ela mesma se expõe. Os efeitos são expostos. No processo, nós também percebemos que os efeitos desses demônios… ainda estão em nosso comportamento às vezes perdurando. Então todos os Sahaja Yogis que estiveram com outros falsos gurus… devem tomar cuidado, de modo que eles nunca mais sejam… dominados quando eles estão ascendendo. Também há outros efeitos de nosso passado, de nossa agressividade, de nossa incompatibilidade, de nossas atividades anti-coletivas. Tudo isso vem do aspecto grosseiro da personalidade. Assim que seu aspecto grosseiro se tornar cada vez mais sutil, você mergulhará, se dissolverá na compreensão coletiva, muito facilmente. Agora, as coisas que Eu tenho de fazer… às vezes parecem montanhosas… e Eu busco a ajuda de vocês de todas as formas. Eu não posso fazer isso sozinha, então Eu busco a ajuda de vocês… e Eu peço a orientação de vocês de muitas maneiras, porque os seres humanos não são fáceis de entender.

Você tem de perguntar aos seres humanos do que eles são capazes. Agora, a primeira tarefa está na frente de vocês: é salvar você mesmo da negatividade que vem de dentro, de dentro. Você talvez encontre uma ou duas almas murmurantes aqui e ali… falando insensatez sobre o programa que tivemos, o tour que tivemos, o modo como fomos de um lugar a outro, sobre algo insensato, que não tem nenhum sentido… para a vida espiritual. Ou talvez algumas pessoas… que estariam resmungando sobre alguma outra coisa, cuja atenção tem estado em algumas outras coisas. Então esqueça-as, porque você deve estar preocupado com sua ascensão. A negatividade pode também vir de sua própria compreensão das coisas. Meu único esforço era assegurar que vocês esquecessem o resto do mundo… e começassem a ascender em coletividade, assim como em seu próprio crescimento espiritual. Esses são tão simultâneos que Eu não consigo diferenciar entre os dois. Como o sol, quando ele se eleva, a luz do sol surge, é desse jeito. Então temos de ter muito cuidado com este ponto: quando você for daqui, qualquer um que comece a falar… na anti-maneira, apenas coloque suas mãos em seus ouvidos… e diga: “Isso não, não queremos ouvir.” “Por favor, não nos puxe para baixo.” porque eles o puxarão para baixo… e alguns que são Sahaja Yogis mal desenvolvidos decairão.

Eu espero que todos aqueles que vieram se mantenham fieis… ao que eles alcançaram, ao que eles sentiram, ao que eles compreenderam e continuem adiante com isso. A salubridade, a salubridade da experiência deve ser visualizada, deve ser sentida quando você for embora daqui. Apenas pense nisso, a memória disso, o Mahakali Shakti disso lhe dará… todas as belas experiências, o arrepio, o que nós chamamos de arrepio das experiências e você desfrutará… as emoções que você teve na Índia. de volta novamente quando vocês estiverem no seu país. E essas emoções preencherão a atmosfera. A atmosfera muda tremendamente. Quando os Sahaja Yogis aumentam em número, a atmosfera muda e o clima muda. Não somente isso, mas os seres humanos também começam a mudar. Então é necessário para nós termos mais e mais pessoas chegando. Então agora, primeiro a sua própria negatividade deve ser observada.

Então você deve observar entre os Sahaja Yogis que nós somos um só. Nunca critique um outro Sahaja Yogi. Nunca fale com outro Sahaja Yogi rispidamente. Nós somos muito gentis com outras pessoas, porque nós sabemos que… se falarmos desse jeito com uma outra pessoa, essa pessoa não aceitará e reagirá. Mas na Sahaja Yoga, muitas pessoas tentam, Eu tenho visto, falar uns com os outros de uma forma muito rude… e às vezes na organização também, eles tentam agredir. Por exemplo, há alguns arranjos, então eles dirão: “Por que não isto?” Tentem abandonar a maioria das coisas que você quer dizer. É muito simples, desse jeito. Agora, vamos supor, dizer para ter essa cor. Apenas fique calado, veja o que acontece. Porque você acha que pode dar uma sugestão, você simplesmente dá uma sugestão, porque você deve dizer algo.

Não necessariamente, não necessariamente. Porque vocês viram no Japão, somente uma pessoa fala. Se há necessidade de dizer algo, então você deve dizer. Do contrário, desnecessariamente, apenas para criar uma nova ideia, um novo tema, uma coisa nova, não é apropriado. Agora, a coisa principal sobre a Sahaja Yoga é esta: ela não pertence a nenhum país. Ela pertence ao país que é o Reino de Deus. Então ela é uma coisa muito diferente na qual você desembarcou. Uma vez que você compreenda isso, uma vez que você aceite esta situação… que você entrou agora no Reino de Deus, o seu senso de segurança será fortalecido, seu estilo será fortalecido, seu comportamento melhorará, sua atitude em relação a você mesmo melhorará… e você realmente sentirá que você pulou dentro do mar, do oceano de alegria. Apenas assuma o poder. O ato de assumir é muito difícil na Sahaja Yoga.

A realidade, as pessoas assumem com dificuldades. Se for irreal, se alguém pode hipnotizar, você acredita nisso. Portanto apenas acredite que você está no céu agora. Este é o Reino de Deus e é onde você tem de estar… e desfrutar. Você ficará surpreso. Uma vez que isso aconteça, toda a sua busca acabará, todas as suas frustrações acabarão e agora você saberá que… você alcançou essa situação onde você agora tem de dar. Agora você se tornou a luz e a luz tem de dar. Esse é o trabalho da luz e você nunca mais ficará… preocupado sobre como manter a luz acesa, porque uma vez que você comece a dá-la dessa maneira, ela se move livremente. A coletividade não pode surgir com esforços medíocres. Por exemplo, muitas pessoas acham que se você convidar as pessoas… para um chá ou algo assim, então mais pessoas virão.

Pessoas assim nunca ficam ou essas pessoas… que gostam que palavras muito gentis sejam ditas para elas… e tudo mais, elas apenas vêm para um piquenique, algo do tipo, têm uma estada muito agradável, algum tipo de grupo, e depois elas desaparecem. Portanto nós temos de ter pessoas que são de qualidade. Antes de tudo, nós temos de ter pessoas de qualidade, para finalizar também, nós temos de ter pessoas com qualidade. As pessoas que são periféricas são dores de cabeça para a Sahaja Yoga. Elas vêm, nos incomodam pelos lados. Como por exemplo, essas brigas que temos de fora, é desse modo que eles vêm e simplesmente batem em algumas… pessoas do lado de fora e saem. Portanto as pessoas que estão na periferia são inúteis para nós. Então tentem ter pessoas de qualidade na medida do possível, tantas quanto conseguirem. A popularidade não é o ponto… na Sahaja Yoga. É a qualidade, o que você alcança e onde você chega.

Se a qualidade das pessoas é pobre, simplesmente desistam delas, esqueçam isso, não argumentem com elas, não tentem persuadi-las, não tentem trazê-las. Essa é uma das compreensões que devemos ter. Não devemos ficar lutando pelo mundo inteiro. Onde está o lugar no Paraíso de Deus… para encaixar todas essas pessoas insensatas? Não há espaço lá. Não há nenhum espaço. Então é melhor compreender isso, porque elas não merecem. Portanto não tentem empurrar… pessoas assim dentro da Sahaja Yoga. Nós estamos tentando alguns experimentos com pessoas que são… muito difíceis e inúteis. Nós estamos tentando empurrá-las aqui e ali.

Se elas não derem certo, nós teremos de expulsá-las. E vocês devem aceitar isso. Não deve haver nenhuma compaixão… por pessoas assim, mas sim compaixão por outros Sahaja Yogis… que estão sofrendo com elas. Esta é a melhor forma de ter… compaixão: é compreender que esses são santos… e eles estão sofrendo por causa de pessoas negativas, então por que empurrá-las para a Sahaja Yoga e incomodar todo mundo? Essa não é a forma que deveria ser. Então esta é uma das coisas que devemos entender… quando você está organizando: ter pessoas de qualidade. Se você tem dez pessoas de qualidade, você criará 10.000 amanhã. Mas se você tem mesmo que um único sujeito inútil, isso matará o resto dos nove, então tenha cuidado, não permita pessoas que não são de qualidade… para vir ao Puja. Intrusos não devem vir ao Puja. Somente as pessoas que são de qualidade devem vir, e aqueles que estiveram viajando agora, nós estivemos observando como eles se comportaram, como tem sido o comportamento deles, como eles têm progredido.

Nós sabemos tudo sobre cada um deles. Então nós os observaremos, como eles estão progredindo mais tarde… quando Eu visitar seus países e Eu observarei isso. E depois, Eu serei capaz de lhes falar… que tal e tal pessoa não progrediu de forma alguma. Assim, esta deveria ser a atitude: todos nós devemos… progredir individualmente e uma vez que progridamos individualmente, isso se mostra na alegria coletiva. Uma pessoa que não consegue desfrutar a coletividade… não é um Sahaja Yogi. Agora, o líder só pode ser um, não pode haver três líderes. Agora, para todos os propósitos, Eu indiquei… Danny como líder das Nações Unidas, Unidas, essa é a palavra… essa é a palavra… essa é a palavra, devemos dizer Estados Unidos, mas depois nós temos de ter Nações Unidas mais tarde. Porque Eu encontro em Danny essas qualidades… que são exigidas para um bom Sahaja Yogi. Ele é muito agradável, ele sabe como abordar as pessoas. Ele é muito firme em sua própria ascensão… e ele é uma pessoa que não grita com as pessoas, que não fica muito zangado com as pessoas, e Eu não o vi ficando com raiva de ninguém, seja quem for, até agora.

Eu tenho estado com ele por muitos dias. E ele lida com as pessoas muito bem… e ele sabe como controlá-las. Mas ele é… extremamente forte no que se refere à Sahaja Yoga. Extremamente forte e ele a compreende. Assim, todas essas qualidades podem ajudá-los muito… a compreender como um líder deve ser. Além disso, ele é altruísta. Ele não tem nenhum objetivo egoísta por nada, seja qual for, por seu nome, por sua posição, por nada, Eu tenho visto. Ele não se importa com alguém se tornando um líder, ele não se importa com nada, seja o que for. Esse tipo de coisa deveria… ser de modo que qualquer um que se torne um líder, é apenas uma piada. Do contrário, Eu tenho observado as pessoas, Você os torna administradores, eles simplesmente se acham superiores.

Você os torna algo, um líder, eles se acham superiores. Todos os tipos de coisas acontecem. Isso não deve acontecer nunca mais… e os líderes devem ver o ponto essencial, que eles têm de se tornar realmente grandes avadhutas evoluídos. Senão eles não conseguem impressionar as pessoas. Avadhutas são as pessoas… que são extremamente compassivas, extremamente gentis… e para vocês, Eu diria, vocês devem seguir o exemplo de Tukarama, porque ele era uma pessoa tão gentil e amável, mas ele disse coisas que eram muito, muito profundas e muito diretas. Assim, o comportamento franco não precisa ser… tão afiado como cortar todo mundo completamente. Franco poderia ser de tal maneira que guia uma pessoa… na forma apropriada e o manejo de uma pessoa… nesse oceano de maya se torna mais fácil. Isso é o que é chamado de liderança. Agora, a liderança não deve ser desafiada. Algumas pessoas têm muitas ideias vindas de fora, porque elas acham que são importantes, que elas sabem, elas são administradores ou são jornalistas… ou elas trabalharam como algum tipo de político ou isso e aquilo, e elas tentam controlar os líderes, é uma coisa errada.

Portanto, agora, não tentem controlar os líderes, Se houver algo errado, Eu os corrigirei. Isso é muito importante, porque novamente e novamente, Eu lhes digo que uma vez que comecem a desafiar… o líder, Eu sinto as dores disso. Então por favor, não façam isso. Se vocês não querem Me ferir, não desafiem o líder, como ele é. Agora, como vocês estão indo embora, vocês estão levando todas as doces memórias daqui dos indianos. Vocês têm de aproveitar… os últimos momentos com eles, Eu devo dizer, o vislumbre… e também fazer-lhes uma promessa de que vocês irão escrever para eles, agradecendo-lhes, manter contato, ter amigos, escrever cartas para eles, eles escreverão para vocês. Vamos ter contatos e saber o que está acontecendo, onde, o que está acontecendo e desse modo, nós podemos ter… uma boa circulação e comunicação uns com os outros… e podemos estabelecer uma melhor compreensão… dos diferentes países através desse método. Também, aqueles que vieram de outros países, como os australianos vieram, devem escrever para os ingleses… ou eles podem escrever para os franceses ou os franceses… podem escrever para os australianos. Desse modo, deve haver… um grande movimento. A circulação tem de ser boa. Se a circulação não é boa, o corpo adoece, então a circulação tem de ser boa e todos vocês têm de fazer… essa circulação de uma forma que seja boa, compassiva e numa maneira Sahaja.

Meu próprio trabalho não termina. Eu estou partindo agora, como vocês sabem, para outras regiões. Então Eu vou para Calcutá. Pela primeira vez, nós teremos programa em Calcutá dessa forma. E depois Eu vou para Austrália e volto novamente, Nova Zelândia e retorno para Índia e depois retorno novamente… para Londres e continuo viajando; Os meus caminhos são tão tortuosos, complicados, dão voltas. O sol tem de fazer somente um caminho, Eu estou indo por esse caminho, por aquele caminho. Todos tipos de movimentos existem, nada regular. Sem dúvida, é regularmente irregular. É desse jeito. E ainda assim está dando resultado.

Ele dá certo com algum tipo de ritmo nele, Eu acho. Ele pulsa e Eu Me sinto muito feliz com esse movimento rítmico. Assim, Eu tenho de solicitar que vocês cuidem de sua saúde, cuidem de sua riqueza espiritual… e cuidem da sua família Sahaja Yoga em seus próprios países. Então, que Deus abençoe todos vocês. [N.T. : Palestra continua] [Marathi] Eu os estou agradecendo por cuidar tanto de vocês. Eles fizeram o máximo nos vilarejos… e em lugares muito longíquos, e seja o que for que Eu lhes peça, eles organizam programas em verdadeiras selvas… e ao longo dos rios, e todos os tipos de coisas, eles fizeram, apenas para fazê-los felizes e longe da multidão enlouquecida. Tudo isso deu certo somente por causa da cooperação deles, sem nenhuma recompensa, sem nada. Eles tiveram de tirar férias, abandonar seus trabalhos e vir. Eles fizeram tudo tão bem que nós podemos ver… como em um lugar como Brahmapuri, que é um lugar tão longíquo, ou em um lugar como Sangli onde não tínhamos quartos ou qualquer coisa, eles arranjaram todas essas tendas e tudo mais da noite para o dia, para vocês ficarem e desfrutarem sua estada lá.

Assim, se houve algum tipo de problema, vocês devem entender… que não temos tendas facilmente disponíveis na Índia. Nós temos de fazê-las. Nós não temos todas essas facilidades… que vocês têm para acampar, porque vocês gostam tanto de… acampar lá que se você for a uma loja, você pode conseguir tudo… para camping. Aqui, você tem de fazer tudo. Você simplesmente… não consegue ter coisas para acampar, porque de algum modo… os indianos não têm tempo para acampar, de forma alguma, e eles não têm tempo disponível para ter um feriado, e eles nem saem de férias, e Eu fiquei surpresa, outro dia, alguém Me disse que… ele pegou um táxi e foi para o sul da Índia em uma viagem. Eu fiquei realmente surpresa. Como ele pôde fazer isso? Porque normalmente isso raramente é feito, e é uma boa ideia ir desse jeito, encontrar outros Sahaja Yogis… e fazer uma pequena viagem. Mas eles simplesmente não se movem. Eles são como Ganeshas.

Uma vez instalados em um lugar, eles se sentam até que sejam colocados no mar. Foi extraordinário como muitas pessoas vieram… de Delhi até aqui, e Eu lhes agradeci por virem… e tornarem essa ocasião tão auspiciosa e tão boa. Especialmente Eu tenho de agradecer aos Sahaja Yogis de Madras… que vieram de Madras até aqui, é tão longe… vir para cá e se juntar a nós. É claro, devemos agradecer aos Sahaja Yogis de Maharashtra… novamente e novamente por cuidar de nós tão bem. Eu espero que um dia sejamos capazes de convidá-los… para seus diferentes países e possamos ter alguns seminários assim. Um dia, talvez. Um dia assim talvez chegue, quando seremos capazes de fazer isso, quando teremos nosso próprio navio… e as pessoas possam viajar no navio. E Eu tenho essas ideias, sou muito entusiasmada. Eu tenho ideias fabulosas. Se Eu lhes falar, todos vocês ficarão pulando, então Eu não quero lhes falar sobre isso.

Mas isso se materializa. De um modo ou de outro, Minhas ideias se materializam e nós devemos ter… um seminário assim em que possamos celebrar em um navio, onde o navio se move pelo mundo todo, e nós nos encontremos em cada canto e praia do mundo. Essa seria uma boa ideia. Por um mês, se vocês viajarem, vocês podem fazer isso, o mundo inteiro, Eu acho. Isso não é tão difícil, se vocês tiverem um bom, belo navio, nos dado pela IMO. [N.T. : IMO – Organização Marítima Internacional] Agora, na realidade, as pessoas são muito prestativas neste país. O governo é muito prestativo. Nós vimos que o governo central foi muito prestativo. A alfândega foi muito prestativa.

Tudo isso aconteceu, porque uma pessoa na alfândega recebeu a Realização, falou com uma outra pessoa, conseguiu todo o pessoal da alfândega para isso. Uma outra pessoa, um policial, falou com outro policial, todos os policiais estão lá. Mas a afinidade neste país… é muito maior, é também porque… o clima deste país é tal que nós somos abertos, nossas casas são abertas, nós temos um lar aberto. Vivemos de uma forma aberta. Em um vilarejo, todo mundo conhece todo mundo. Digamos em uma cidade, agora em (…), se você fala o nome de Meu pai, todo mundo o conhece. Todo mundo Me conhece, todo mundo conhece Meu pai, e Eu os conheço, então é como um grande relacionamento e essa é uma vantagem que temos, que podemos criar lá com a luz do sol de nosso amor. Então mesmo com os que não são Sahaja Yogis, tentem ser gentis com eles, tentem ser bons com eles. Não mostrem que vocês são fanáticos ou qualquer coisa assim, mas tentem ser gentis e bons. Tentem.

Se eles puderem vir, muito bom, mas não insistam, não os forcem. Essa é a pior coisa. Nunca forcem essas pessoas a vir, porque pessoas assim, se elas vierem, elas são pessoas muito problemáticas. Elas não são de nenhum ganho para nós, então apenas não forcem ninguém para vir. Eles são seus parentes, irmãos, irmãs, marido, esposa, apenas os esqueçam. Se eles quiserem vir, deixem-nos vir. Do contrário, apenas os esqueçam. Não se preocupem com eles. Agora, considerando o próximo tour, Eu não sei como poderemos lidar com ele no próximo ano, mas Eu os informarei sobre ele em tempo de modo que… nós possamos organizá-lo de uma forma melhor do que desta vez. Talvez nós tenhamos novamente dois tours, Eu não sei, ou talvez tours de 15 dias ou algo assim, de modo que façamos os dois lados do tour em 15 dias, algo assim.

Então nós tentaremos evoluir novas ideias assim como vocês viram que… dar a Realização está se tornando cada vez mais simples, e talvez apenas participando do programa, as pessoas possam ter a Realização, talvez isso aconteça assim… um dia na Índia. Eu gostaria de receber ideias sensatas, apropriadas, construtivas… de vocês para seus países. Essa é uma ideia muito boa, mas não condenem uma outra pessoa e digam que… esse sujeito é desse e daquele jeito. Isso Eu não gosto de forma alguma, porque Eu sei quem é quem. Então apenas Me digam se vocês têm… quaisquer ideias construtivas sobre isso, sobre propagação, indo a alguns novos países. Por exemplo, Gregoire quis… começar algo na Grécia, e há algumas pessoas… que querem fazer isso na Grécia também. Então nós temos de ver… como nós podemos realizar isso na Grécia… e temos de descobrir pessoas que realizarão isso em outros lugares, onde quer que vocês pensem, vocês podem fazê-lo. Como a Tunísia, algumas pessoas disseram que seria uma boa ideia entrar lá. Mas apenas realizem isso e Me informem… sejam quais forem os países onde vocês acham que podemos fazer isso. Talvez o Brasil, talvez um outro lugar, alguém poderia ir.

Mas agora Eu acho que antes de Eu ir lá, alguns de vocês deveriam ir, trabalhar isso, estabelecer um centro, ter um centro apropriado funcionando, e depois Eu devo ir, é melhor, senão isso é um grande desperdício. É desse modo que vamos propagar no ocidente. Da mesma maneira na Índia, nós também temos de fazer o mesmo. Eu costumava propagar de tal maneira que… nós mesmos viajávamos muito. Digamos que estejamos morando… em um lugar como Delhi, nós podemos avançar, nos encontrar com pessoas de diferentes organizações, falar com elas e organizar isso, nós iremos e falaremos. Não é necessário para Mim, Eu ir lá. Todos vocês podem falar… e dar palestras em diferentes organizações, em diferentes instituições… e em diferentes distritos urbanos e tudo mais. Na Índia, é muito mais fácil organizar essas palestras. Os indianos gostam muito de ouvir palestras, então essa seria uma boa ideia. Mas para os ocidentais também, como em universidades, vocês podem lidar com professores e falar com eles.

Por conta própria, podem pensar em muitas coisas que vocês podem fazer. E Eu tenho certeza que chegará o dia em que… todos esses esforços darão certo. Como Eu lhes falei… sobre como os discípulos de Buddha faziam. E Eu não preciso ir… a todos esses lugares diferentes. Vocês podem lidar com isso… e apenas vendo vocês, as pessoas aceitarão a Sahaja Yoga… muito mais rápido porque eles pensarão que Aquela que lhes deu isso, se eles são tão grandiosos, então essa Pessoa que deu… deve ser mais grandiosa e Eu não preciso vê-los, porque às vezes eles ficam desapontados ao Me ver também. Eles acham que a pessoa que estava falando conosco… era muito brilhante e isso e aquilo, e na Minha própria swabhava de Mahamaya, Eu tento ser humilde… e às vezes cometo erros… e tento Me tornar uma simples dona de casa, e então as pessoas não entendem que essa pequena dona de casa, a esposa de um servidor do governo, vejam, isso é um outro caso perdido, e depois também uma indiana cristã e toda essa coisa, então Ela não deve ter jeito para isso. Então todas essas coisas se combinam para a mente… e é desse modo que a pessoa pode entrar na decisão final… do Juízo Final. Mahamaya é a única forma com a qual se pode julgar as pessoas. Não há nenhuma outra saída. Aqueles que conseguem ver através da Maya, somente pessoas assim serão redimidas.

Aqueles que não conseguem ver através da Maya não podem ser redimidos. Portanto a Maya é importante. Agora por último, mas não menos importante, lembrem-se que sua Mãe os ama muito. Muito obrigada.