Devi Puja

Brahmapuri (India)

1985-12-27 Devi Puja, 33' Chapters: Download subtitles: CS,EN,ES,NL,PL,PTView subtitles: Add subtitles:
Download video (standard quality): Download video (full quality): View and download on Vimeo: View on Youku: Listen on Soundcloud: Download audio:
Transcribe/Translate oTranscribe


Devi Puja. India Tour, Brahmapuri (India), 27 December 1985.

Pergunte a ela. Natalie, venha aqui. Ajude Danya. Você está bem Ray, agora? Coloque o kumkum em todos. Só pegue aquilo, você pode deixar aquilo aqui. Coloque isso em todas as mulheres. Ontem, um rapaz levantou-se e Me fez uma pergunta: “Embora nós sejamos yoga bhoomi, nós sejamos um país tão sagrado,” “por que todas as descobertas da ciência foram feitas no Ocidente?” “Muito boa pergunta”, Eu disse. Eu disse: “Esse é o conhecimento da árvore,” “como Eu lhes disse; esse é o conhecimento da árvore.” “E o que eles alcançaram é a extremidade dela…” “e agora, eles querem ter o conhecimento das raízes.” “É por isso que eles estão aqui.” Para ter o conhecimento das raízes, em primeiro lugar, nós devemos ter humildade em relação a isso. Nós ainda não temos esse conhecimento, nunca soubemos o que está no Reino de Deus.

Como Krishna disse, essa árvore cresce para baixo… e as raízes estão no cérebro, claramente. Portanto, é uma ascensão para chegarmos às raízes, é um estilo diferente. A Kundalini tem de elevar-se para chegar às raízes. E para entrar nas raízes, o que temos de fazer é ter o conhecimento sobre isso. Agora, todas essas coisas, como por exemplo, Eu disse ontem para vocês colocarem bindi. Agora, isso também – graças a Deus, apesar de todas as mudanças na Bíblia, está escrito na Bíblia… que você será conhecido pelo sinal que estiver carregando. Agora, vamos ver quantos são corajosos, mesmo na Índia, para usar esse sinal. É por isso que vocês se bloqueiam tão rapidamente, é uma das razões pelas quais vocês se bloqueiam. Em primeiro lugar, os olhos não estão firmes, estáveis. Vocês não costumam ter os olhos firmes, vejam, enquanto os indianos têm os olhos muito firmes.

Eles são ensinados desde a infância: “Onde está sua atenção?” O tempo todo, perguntam para eles: “Onde está sua atenção?” Há alguns Sahaja Yogis ocidentais em pé atrás. Por favor, deem-lhes uma cadeira para sentar, já que eles não conseguem sentar-se no chão. Então, onde está sua atenção? Agora, a atenção é muito perturbada o tempo todo… e é por isso que vocês se bloqueiam muito rapidamente. E quando vocês se bloqueiam pelos seus olhos, o bloqueio passa pelo seu Agnya Chakra. Agora, isto é a proteção do Agnya Chakra. É na verdade, o sangue de Cristo que vocês estão usando. Mas as pessoas devem ter essa coragem. Elas usarão uma cruz, mas não isto. Nos países ocidentais, é muito difícil… para as pessoas terem tanta coragem assim para colocar isto.

Eles arrumarão desculpas: “Mãe, nós perderemos nossos empregos”, isso, aquilo. Há todo tipo de desculpa. Mas se vocês forem pessoas corajosas, então terão que começar a usar isto em algum momento. Talvez comecem primeiro à noite, depois durante o dia. Aos poucos, aos poucos, você pode chegar vagarosamente a isso. Essa é a única coisa que Eu acho que vocês têm de usar, isso é importante. Será uma boa ideia, porque vocês não se bloquearão. Devido ao fato de vocês saírem, sua atenção fica no exterior, vocês veem o que está acontecendo externamente, o ambiente é ruim. Além do mais, se vocês colocarem isto, não somente protegerá vocês, mas também protegerá os outros. Eles terão uma nova noção.

Afinal, vocês se vestirão como eles, vocês são exatamente como eles, vocês têm de ser. Mas vocês têm de se proteger… e para a proteção, vocês têm de usar algo assim. Eu percebi que quando Eu fui pela primeira vez à Inglaterra, eles costumavam rir de Mim, olhando para o Meu sinal vermelho. Quero dizer, se eles usam batom, está tudo bem, mesmo que eles sejam palhaços, que eles sejam hippies, que eles sejam punks, está tudo bem. Mas se vocês usarem algo apropriado que é científico, é o mais científico. Portanto, para compreender a ciência das raízes, vocês devem compreender o que isso significa. Por que essa cultura é assim? Porque ela é mais direcionada às raízes, o movimento não é em direção à árvore. E a árvore, onde ela terminou? Além do Muladhara Chakra.

Então, agora eles estão retornando. Ir da folha para as raízes é muito difícil, mas ir das raízes para as folhas é mais fácil. Portanto, para essa ascensão, nós temos de ser humildes, ter esse conhecimento, o conhecimento sobre as raízes. Agora, por que todos eles colocam? A razão é esta: para proteger o seu Agnya. Antes de mais nada, não há nenhuma entrada. É por isso que quando um indiano recebe a Realização, ele ascende. Ele não continua se bloqueando novamente. Quero dizer, isso não acontece aqui. Essa é uma das coisas que a pessoa tem de fazer.

Agora, a segunda coisa é o Puja. O Puja tem o seu efeito sobre todo mundo, mas de acordo com a profundidade de vocês. E é para isso que vocês têm de ter shraddha, fé. Se sua mente ainda está pensando, você não pode alcançar muito no Puja. Enquanto para os indianos, participar de um puja é o mais elevado. Eles não se importam com Minha palestra, com nada. Se eles perdem o programa, não importa. Qualquer programa musical está ótimo, qualquer tipo de desconforto está ótimo, contanto que eles possam participar do Puja. Hoje, as pessoas percorreram… de 300 a 500 quilômetros para vir a este puja, todo esse caminho, porque eles sabem que esse é o conhecimento das raízes. Para isso, vocês têm de fazer o puja.

Se vocês têm de ascender, vocês têm de fazê-lo. Mas vocês ainda estão no mesmo nível. Se vocês ainda estão pensando sobre o estilo da árvore, então vocês irão para baixo. Para mover-se para dentro, vocês têm de ter todos esses instrumentos. Um deles é o puja. Agora, nós estamos preparados para o puja? Nós estamos com este modo de pensar… de que seja qual for a hora que ele tiver que começar, irá começar? Em primeiro lugar, nós estamos muito presos aos nossos relógios. Graças a Deus, Eu perdi Meu relógio na noite passada! Assim, agora nossos relógios nos prenderam tanto… que o puja às 11:00 hs significa às 11:00 hs em ponto.

Não é assim, isso depende. É o crescimento natural do nosso Ser, é o trabalho natural de nosso crescimento. Quando Eu cheguei aqui, vocês ficarão surpresos, todo Meu lado direito estava paralisado, totalmente paralisado. O pé direito estava paralisado, Eu não conseguia mover Minhas pernas… e o pé todo ficou como uma coisa fossilizada. E Eu não sabia o que estava acontecendo. O motivo é que todo mundo tem pensado muito. Agora, a atenção deve estar em como nós estamos. O que estamos fazendo em relação a nós mesmos? Isso é muito importante. Até que ponto nós alcançamos.

Mas, pelo contrário, a atenção é perturbada… por muitas coisas. Uma delas pode ser os casamentos, que os casamentos têm de acontecer, o que vai acontecer e tudo mais. Mas no momento do puja, isso não tem nenhum sentido. Nada tem importância, a não ser desenvolver-se… e isto é o que tem de acontecer: nesse momento, você tem de desenvolver suas raízes. E desenvolver suas raízes, é uma ciência completamente diferente. Uma outra coisa, é que você pode atingir… o movimento da árvore pela agressividade, pela agressão. Mas quando você agride dentro da mente humana, então você é arrastado mais em direção ao Muladhara, em direção à força da gravidade, e você afunda em direção à morte. O materialismo começa a surgir. Porque é invertido, o crescimento humano é invertido. Você sabe que o cérebro está aqui, não nos pés.

Começa do cérebro, o crescimento começa do cérebro. Como vocês sabem do mesmo modo que os médicos, a coisa toda está aqui… e os nervos vão para baixo, eles não começam dos pés. Quando você começa a colocar sua atenção em seu crescimento externo, você vai em direção ao materialismo, automaticamente. Então você descobre que a matéria não tem nada a ver, você fossilizou a si mesmo. Então, depois você retorna. Agora, você tem de mudar sua atitude completamente… em relação a esse novo aprendizado… e esse novo aprendizado é: você tem de desenvolver uma atitude humilde, em primeiro lugar. E em segundo lugar, o que obteremos… em nossa ascensão através do aprendizado do diferente tantra, do mecanismo, do mecanismo divino? Como trabalhá-lo? A pessoa que é extremamente eficiente em outro campo… pode tornar-se completamente ineficiente nesse campo, totalmente inútil: possuída, agressiva, inútil, irascível, irascível, e também desprovida de qualquer amor, afeto, compaixão. Por exemplo, eles ficaram chocados ao ouvir… que as pessoas matam seus filhos na Inglaterra, eles não conseguiam acreditar nisso.

Eles não conseguem acreditar que uma criança possa ser morta desse jeito. Eles acham que os ingleses são pessoas perfeitas, como eles podem matar seus filhos? Eles são muito perfeitos de acordo com os indianos. Os indianos não têm ideia do tipo de vida que eles levam lá. Então, quando Eu lhes disse: “Vocês estão lamentavelmente enganados,” “eles são pessoas muito infelizes.” “Não achem que por criarem rádios e todas essas coisas,” “eles são felizes. Eles são todos loucos.” “Eles sentam-se em frente à televisão,” “depois não podem ficar sem ela, eles tornam-se “televisões”.” “E a televisão os está explorando,” “colocando ideias erradas na cabeça deles…” “e eles sofrem lavagem cerebral, eles são muito condicionados.” Os indianos não conseguem acreditar nisso, não conseguiam acreditar que as pessoas pudessem ser tão cruéis assim… no Ocidente. Porque o crescimento está direcionado ao materialismo, então eles estão se tornando grosseiros, insensíveis, imorais… e também desprovidos de qualquer compaixão e amor. Assim, antes de mais nada, como Eu disse ontem, vocês devem dizer: “Eu não sou francês”, vocês devem dizer: “Eu não sou um ocidental.” Vamos ver, isto deve funcionar, deve funcionar melhor: “Não sou um ocidental.” Talvez quando você entra em uma universidade… – vamos supor que você está na Universidade de Oxford… e depois você vai para a Universidade de Cambridge, você tem de usar o distintivo da Universidade de Cambridge. Da mesma forma, agora você mudou sua nacionalidade. Eu acho que você deve dizer: “Eu não sou mais um ocidental.” Talvez o passaporte possa declarar alguma coisa, não importa.

Mas vocês têm um privilégio especial na Índia como Sahaja Yogis, vocês sabem disso. Como Sahaja Yogis, o governo… os tem aceitado. Se vocês quiserem ficar aqui para sempre, eles não terão nenhuma objeção. Assim, seja o que for que pensemos agora que funciona… nos três níveis tem de ser mudado. Aqui, todas as coisas tornam-se unificadas, sintetizadas. A árvore inteira está sintetizada em uma semente. Portanto, se você tem de se tornar a raiz, você deve descer para a posição em que… há como sintetizar. Agora, formar grupos é uma coisa errada. Se vocês se agruparem como ingleses, isso, aquilo, ou como indianos ou como qualquer coisa, é errado. Na Sahaja Yoga, nós não acreditamos em tudo isso.

Não existe nenhuma diferenciação… entre um Sahaja Yogi e outro Sahaja Yogi, porque é Vishwa Dharma. Mas nós dizemos que este é o Vishwa Dharma, mas ainda não estamos fora dessa diferenciação, ainda não estamos no mesmo pendal (grande tenda) que deveríamos estar. Nós ainda nos separamos, nós ainda somos diferentes, nós ainda temos conflitos de um país com outro. Nós todos temos de nos tornar unificados um com outro, compreender um ao outro, somente então os problemas do Ocidente desaparecerão. Como resultado desse movimento do lado direito, Eu percebo que as pessoas estão realmente se tornando idiotas. Eu as categorizo como idiotas ou estúpidas, e tudo isso. Eu não sei como, em qual categoria elas cairão mais tarde, considerando que não houve tais categorias antes. Quero dizer, elas podem formar uma nova dimensão de estupidez. Isto é o que Eu percebo: a menos e até que vocês agora aprendam sobre esse novo yantra, o novo método, nisso, vocês não olham para o conforto físico, vocês não olham para o assim chamado “mimo emocional”. Todas essas coisas, vocês não consideram, mas aonde vocês vão?

Em direção à inocência. A qualidade da matéria em si mesma é a inocência, a essência. Assim, a qualidade, Eu devo dizer, ou a essência de tudo é o que vocês se tornam. Vocês se tornam a essência. Mas para isso, vocês têm de se mover para dentro… e o movimento para dentro somente é possível… quando vocês compreendem e respeitam isso, e consideram-se privilegiados por poderem fazer tudo isso. Mas, vocês têm de entender por que Eu lhes digo isso. Eu não tenho nada a ganhar de vocês. Agora, não devem pensar que Eu estou tentando torná-los indianos. Mas vamos supor que vocês usem aqui um terno e uma gravata, o que acontecerá a vocês? Quero dizer, vocês todos terão furúnculos no corpo.

Vocês têm de mudar de acordo com o clima, e vocês gostam muito dessa roupa porque ela é muito confortável. Vocês desfrutam os banhos de rio, é muito confortável. Neste país, isso é mais conveniente para vocês. Assim, da mesma forma, nessa nova vida em que estamos entrando, nós devemos entender que o exterior não é importante, o interior é importante. E para isso, seja o que for que deva ser feito externamente, nós temos de fazê-lo, nós temos de fazê-lo. Nós temos de aprender isso, nós temos de compreender isso, o que é isso, o que é aquilo. Agora, porque vocês são cientistas, são ocidentais, vocês têm uma vantagem sobre os indianos, Eu diria, ou na ciência, tudo bem. Nesta ciência, eles têm uma vantagem sobre vocês. Não importa, tudo bem. Eles escolheram este lugar para vir, vocês escolheram aquele lugar para ir.

Porque vocês são pessoas corajosas, Eu acho, em primeiro lugar. E em segundo lugar, vocês queriam fazer algum bem lá, talvez. Mas para isso, vocês devem aprender. Por exemplo, dizemos que aqui nossos cientistas são pessoas corajosas… porque eles estão tentando aprender a ciência, eles querem ir para fora do país e aprender sobre ela… e trazer algum conhecimento científico para nós. Da mesma maneira, agora vocês são os embaixadores… de todos esses países, da divindade, embaixadores da divindade. Vocês têm de levar o conhecimento do divino, porque isso tem funcionado neste país. A medida que puderem ver claramente que isso é assim, aceitem isso. Não há nada para se sentir mal em relação a isso. Devido ao fato de estarem apegados a uma certa nacionalidade… e tudo isso, vocês pensam assim, não há nada para se sentir mal. Na Índia, as pessoas sentem muito orgulho… se elas forem para fora do país para aprender ciência.

Mesmos se elas forem vegetarianas, elas não se importam de fazer dissecação biológica… ou qualquer coisa porque isso é ciência, é conhecimento. Assim, em prol do conhecimento, vocês têm de fazer todas essas coisas. E quando vocês compreendem que em prol do conhecimento, vocês estão realizando isso, isso irá ajudá-los muito. Este puja, este puja de hoje, tem um significado especial… porque ontem foi Datta Jayanti, significa o nascimento de Dattatreya. E vocês conhecem a história de Dattatreya, a maioria de vocês conhece a história de Dattatreya, que Brahma, Vishnu e Mahesha tentaram fazer um teste… com a Adi Shakti, chamada Anasuya. Eles foram na residência Dela e pediram-Lhe esmola. E é considerado ser um grande privilégio na Índia… dar esmolas aos outros. Quero dizer, é um grande privilégio cuidar dos convidados, é um grande privilégio ser generoso, é um grande privilégio distribuir coisas para os outros. É um grande privilégio. Como ontem, vejam, Meu sari para este puja… foi deixado em algum lugar.

Assim, Eu tive que comprar um sari de uma senhora daqui, então ela disse: “Eu gostaria que este sari fosse presenteado no puja.” Mas Eu disse: “Eu o devolverei para você.” Ela disse: “Este é o maior privilégio também.” Eles não se importaram que o sari foi deixado em algum lugar, eles disseram que é o maior privilégio – é a atitude. Assim, a atitude deve ser mudada, pois até agora nós estamos decaindo, agora a atitude deve ser ascendente. E para isso, nós temos de compreender… o método através do qual estamos escalando, ascendendo. Como por exemplo, você tem de ir para as montanhas, então você deve saber como escalar montanhas. Você não pode simplesmente declarar para si mesmo: “Agora, eu irei para os Himalaias”, ninguém lhe dará permissão. Assim, a pessoa tem de se habilitar e nessa habilitação, você tem de ter humildade, senão não dará certo. Portanto, Eu tenho que fazer uma afirmação bem clara: mudem sua nacionalidade… de nacionalidade mundana para a nacionalidade celestial. E lá, tudo que for necessário será feito, será aceito, será conduzido. Para isso, vocês não têm de mudar nada, mas vocês têm de se transformar em uma nova personalidade; uma nova personalidade, em que vocês são seguros. Agora, apenas vejam, colocando assim, o quanto o Agnya reduziu, apenas vejam.

Meu pé estava paralisado, totalmente paralisado quando Eu cheguei. Eu não conseguia andar. Eu não sabia como iria tomar banho. Eu tive que massageá-lo e depois isso reduziu. Vejam, colocando desse jeito, apenas vejam o quanto isso é poderoso. Vejam, as vibrações começaram a fluir. Mas as pessoas no Ocidente estão, de algum modo, com muito medo… de perderem a nacionalidade delas. Eu sinto isso, por causa da forma como eles fizeram o máximo… para destruir o mundo todo e destruir pessoas, e impor a sua própria nacionalidade aos outros. Se vocês forem aos Estados Unidos – como ontem, Eu disse: “Graças a Deus, Colombo não foi para a Índia,” “ele foi…” Eu disse: “Graças a Deus, Hanumana o empurrou…” “para o outro lado.” “Senão, todos nós teríamos sido aniquilados aqui, isso…” Vejam, pobre homem, ele não queria fazer tudo aquilo, mas todos aqueles que o seguiram simplesmente foram e aniquilaram. Você não consegue encontrar um aborígene, nem um só daqueles antigos índios na Argentina.

Eu fui à Argentina e eles disseram: “No museu, a Senhora poderá encontrá-los”, imaginem só. Não somente na Argentina, mas também em outros lugares. Por exemplo, Eu fui ao Chile: não havia uma única pessoa assim. Somente na Bolívia, Eu encontrei alguns deles, só isso. Mas há uma grande mistura lá também, porque Eu acho que as pessoas fugiram para as montanhas… e se organizaram. E seja qual for a imagem que eles apresentem dessas pessoas, mostra como se elas fossem os cruéis. Pobres coitadas, todas elas têm sido eliminadas totalmente… pelos homens brancos, não há duvida em relação a isso. É horrível ir lá e matar os outros, entrar na terra deles, ocupá-la, porque você possui equipamento e tudo isso, você pode matar todos eles. Tudo isso tem sido feito. Agora, nós estamos entrando numa nova era em que nós temos de amar.

Nós não devemos agredir, nós temos de receber de braços abertos. Essa é totalmente uma outra era. Aquela agressão de Napoleão acabou agora. É algo novo que nós começamos, em direção a um novo mundo, quando nós temos de ter mais pessoas, temos de fazer a síntese da coisa toda. E quando você agride, você começa a analisar, não há nada para analisar. Você está se sentindo melhor agora? Coloque um maior. Veja, você tem uma testa grande, então coloque um grande, um bem maior. Porque você coloca o bem pequeno? … Na cabeça dela.

Não se deve fazer dessas coisas uma moda. Não deve haver nenhum modismo… no que diz respeito aos seus deveres religiosos, você não deve. Não tem nada a ver com moda. A moda é um negócio humano, não é divino. Olhem para estas árvores, como elas se moldam? Em direção ao sol. Cada folha é exposta ao sol, cada folha. Porque ela tem de produzir clorofila. Ela tem de receber o poder do sol dentro dela mesma, assim cada folha fica em direção ao sol. Elas não criam nenhuma moda, criam?

Assim, um outro ponto é que o individualismo… que começou no Ocidente é uma insensatez. Para se exibir: “Eu sou diferente”, você se torna estúpido. Mas ser um só com todo mundo… é o verdadeiro individualismo, Eu acho. Ser como todo mundo é o melhor. É muito difícil, é muito difícil… tornar-se um só com todo mundo, porque o ego é demasiado. Algumas pessoas têm um ego com o qual ferem os outros… e algumas têm um ego que é ferido, ambos são exatamente o mesmo. Assim, para superar todas essas coisas, esqueça esse tipo de atitude de decadência a um nível baixo. Mas, tudo que é necessário para a ascensão… é olhar para cima para Deus, olhar para cima para Ele… com plena fé, shraddha. Eu não tenho que estar em contato com vocês, vocês não precisam Me ver. Ele existe em todo lugar, vocês podem obter as bênçãos em qualquer lugar.

Vocês não têm de fazer nada de especial para isso, apenas ter essa shraddha. Mas para isso, alguns mecanismos devem ser corrigidos, especialmente o Agnya precisa de “reparos”, bastante. Esta roda está sem funcionar e precisa ser corrigida. Sr. Patankar ontem estava muito irritado… com as assim chamadas pessoas instruídas. Elas são educadas na língua inglesa, esse é o problema, a língua inglesa é assim. Elas acham que não há limites para elas mesmas. Ele disse: “Elas não tocaram Seus pés.” Se elas aprenderem a língua inglesa, elas não tocarão Meus pés, porque na língua inglesa, tocar os pés… é considerado algo horrível, Eu acho. É por isso que ele ficou muito triste com isso. Mas, toda essa arquitetura veio da Inglaterra, tudo veio da Alemanha ou da França. Nossos telefones vieram da França.

Não é nenhuma surpresa eles funcionarem desse jeito! Tudo isso foram os franceses que trouxeram, e novamente eles obtiveram uma grande… Eu não sei, se Eu tivesse encontrado Rajiv Gandhi, Eu teria lhe dito… para pelo menos não dar os telefones aos franceses. Eles fizeram uma enorme encomenda aos franceses. E agora eles estão comprando helicópteros da Inglaterra. Graças a Deus, eles pararam com isso. Só Deus sabe o que irá acontecer com os helicópteros… descendo na Índia provenientes da Inglaterra. Desse modo, eles agora estão dependendo do Terceiro Mundo… para o progresso deles, porque eles não sabem… para onde enviar suas próprias coisas… que são criadas por suas máquinas. Mas, a forma que eles fazem isso, quero dizer, imaginem só… o tipo de telefones que nós temos aqui, todos feitos por franceses, não por indianos. Por que culpar os indianos por isso? São feitos pelos franceses, horríveis, eles são assim… há muito tempo e eles são exatamente os mesmos.

E novamente agora, nós fizemos encomenda aos franceses, porque pensamos que somente os franceses podem consertar… os telefones franceses. Eu não sei se eles farão algo justo para nós ou não. Portanto, assim como esta máquina tem de ser trabalhada, nossa própria máquina tem de ser trabalhada. E essa máquina deteriorou, decaiu. Vamos elevá-la, para cima em direção a Deus, em entrega, em compreensão, porque vocês são pessoas especialmente escolhidas… nesta área. Como o lótus, vocês têm de emergir da lama… e não se enterrarem na lama cada vez mais. Tentem impulsionar a si mesmos para fora dela, de modo que a fragrância da divindade se espalhará nessa lama… e transformará todo o mundo ocidental em um belo lugar, um belo lugar. Seja o que for que foi feito está feito. Eu sei de uma coisa: sem o perdão, nada irá dar certo. O que está feito está feito.

Errar é humano, não importa, seja o que for que foi feito está feito. Seja o que for que eles fizeram está feito. Está tudo bem, perdoe-os. O perdão é o único caminho pelo qual eles podem se elevar. E quando eles são perdoados, eles têm de compreender também agora… que temos de nos elevar, porque o mundo que eles criaram… realmente os tem arruinado. Se eles se elevarem agora, todo o lugar pode ficar com fragrância, como Eu lhes disse, como o lótus que emerge da lama. É uma ideia muito errada que as pessoas têm aqui sobre o Ocidente de que: “vocês são as pessoas mais felizes vivendo por aí.” Assim, é melhor que… nós falemos para eles: “Não, nós não somos felizes lá.” O que vocês obtiveram é algo precioso. Eles também tentam segui-los… e isso está indo até um ponto… em que talvez um dia vocês terão que vir… e ensinar-lhes Sahaja Yoga. Porque eles estão no outro lado do círculo. Eles estão agora tentando aprender inglês, dominar a língua inglesa e tornarem-se sahibs.

Eles aparecerão em público de fraque… e vocês terão que dizer-lhes: “É melhor vocês usarem suas roupas.” Assim, nós devemos ser sábios, devemos ser sensatos, e o temperamento estúpido e idiota… que desenvolvemos, nós devemos abandoná-lo. De repente, as pessoas ficam eufóricas, Eu vejo isso. Vejam, não há nenhum equilíbrio. A maturidade aparece quando v ocês têm equilíbrio. Vocês devem ser felizes, Eu sei, mas o tempo todo sorrindo, fazendo um show… ou, de repente, aparecendo com comentários estranhos… e tolos, mostra que vocês não são maduros o suficiente. Vocês têm de amadurecer. Na Sahaja Yoga, vocês amadurecem. E se vocês não amadurecerem, então a Sahaja Yoga não fez n enhum bem a vocês. Então, vocês têm de ser muito, muito cuidadosos em relação a essa parte. Eu espero ter sido capaz de dizer-lhes tudo sobre isso.

Agora, o que Eu devo lhes dizer? Eu estava simplesmente elogiando vocês, simplesmente elogiando vocês na frente dos outros. Eu disse a eles para não se c omportarem como pessoas estúpidas… e para vocês, Eu devo lhes dizer… que vocês não precisam imitá-los cegamente. Tudo que nós obtivemos é uma herança grandiosa. Isso deve ser cuidadosamente preservado. Ao olharmos para estas pessoas, se tentarmos imitá-las, será um comportamento imbecil de nossa parte. A vida deles não é equilibrada, mas sim tem ido a extremos. Eu tenho estado lá por 12 anos. Desse modo, Eu passei 12 anos, então Eu só queria dizer a vocês… que não devem segui-los cegamente. Apesar da velhice ser ouro, nem tudo que é velho é bom.

Portanto, nem tudo que é velho é bom. O conceito de costumes antigos também surgiu recentemente. Por exemplo, com os muçulmanos, nós aprendemos a hostilizar as mulheres; com os ingleses, nós aprendemos a dar dotes. Agora, nós introduzimos novas regras… e, dentro dessas novas regras, nós temos de dar dotes… às nossas filhas que são casadas. Têm sido dado às filhas metade da propriedade. Esse sistema está correto. Mas aqui, as filhas não receberão e nem darão. Portanto, nós não devemos aprender essas coisas deles. Devemos nos manter fiéis ao nosso comportamento de permanecer humildes, levar uma vida equilibrada, como foi nos ensinado pelos nossos ancestrais, e descartar tudo que for costume antigo. Há muitos costumes antigos persistindo em nós.

Por exemplo, a dominação dos Brâmanes nos templos… tem de ser descartada. Todos eles têm nos enganado. Em segundo lugar, o costume de jejuar tem de ser abandonado. Eu lhes disse centenas de vezes para não jejuarem, mas para comerem o que quer que seja necessário para o corpo. Mas as pessoas Me dizem: “Nós não podemos abrir mão de jejuar.” Mas o pior costume antigo, o hábito mais desprezível que adquirimos… é consumir tabaco. Nós não somos capazes de abandonar o tabaco, porque não temos a força suficiente. O tabaco, mishri (mascar tabaco), quem trouxe essas coisas para o nosso país? De onde essa palavra “tabaco” veio? Não há nenhuma palavra para tabaco em Sânscrito. Nós não cultivávamos tabaco anteriormente.

Foram os ingleses que trouxeram isso para o nosso país. Os ingleses trouxeram isso para cá. É por isso que nós o chamamos de “tambakou”, do qual surgiu a palavra “tabaco”. De onde surgiu a palavra “tambakou” em Marathi? Foi trazido para cá do exterior. Inicialmente, os muçulmanos o cultivaram em uma certa extensão em nosso país, mas aquelas pessoas (os ingleses) trouxeram cigarros… e outras coisas para cá em larga escala. Eles consomem isso em grande quantidade no país deles. Eles também têm exportado tabaco e ganja (tipo de droga) para a China. Em Marathi, Eu nunca tinha ouvido falar das palavras “ganja”… e “charras” (tipo de drogas). Se vocês tentarem consumir ganja e charras, vocês ficarão como os ingleses.

Depende de vocês decidirem de acordo com tudo que nos for dado. Nós nunca tivemos tabaco em nosso país, vocês ficarão surpresos. Não há nenhuma palavra para “tabaco” em Sânscrito. Isso foi trazido parcialmente, é claro, parcialmente, Eu devo dizer, pelos muçulmanos e depois… o hábito de fumar nos foi ensinado somente pelos ingleses. Nós não conhecíamos isto, o que era fumar, nós nunca soubemos desse negócio de fumar. Os muçulmanos de fato tinham um pouco disso, mas começou bem tarde. Mas na verdade, o cigarro e aquilo, tudo isso começou depois que os ingleses chegaram, “tornando isso acessível”, vejam. Eles costumavam ter hookahs (espécie de cachimbo). Isso era muito difícil de fazer, então eles só podiam fazer um pouco. Isso foi há muito tempo atrás na cultura islâmica.

Mas o verdadeiro negócio de cigarros, esse negócio de ego… veio dos ingleses, não há duvida sobre isso. E os portugueses, os portugueses e franceses, eles nos ensinaram todas essas coisas. Então, o que Eu estou tentando dizer a eles… é que seja qual for o costume antigo, deve ser abandonado. Tudo que é antigo é ouro, mas tudo que for costume antigo, o que nós chamamos de junnat, deve ser abandonado. Nós temos o costume de usar saris com bordas espessas. Isso é um costume muito bom. Bordas espessas simbolizam as maryadas, e quando nós usamos saris com bordas espessas, nós permanecemos em nossas maryadas. As jovens podem vestir o que quer que elas queiram, mas as mulheres jovens, especialmente as mulheres casadas… devem usar saris com bordas espessas. Se vocês abrirem mão de usar saris com bordas espessas, então vocês perderão toda a arte, toda a arte. Os tecelões perderam toda a arte da tecelagem.

Se nós não construirmos nossas casas de acordo com o estilo antigo, então perderemos toda a antiga arte de fazer belas casas. Estas pessoas gostam de nossas casas construídas no estilo antigo, não no estilo moderno. O motivo é que o estilo antigo em a beleza dentro dele, a qual pode ser perdida se construirmos casas. de qualquer maneira Mesmo as cabanas mais primitivas eram muito melhores. Em vez disso acontecer em um estágio posterior, uma vez que nós percamos toda a arte no futuro, será tarde demais. Portanto, seja qual for a nossa arte antiga, ela tem de ser preservada, desde que haja beleza nela. Por exemplo, nós temos tipos de saris que são chamados de bugdya. Hoje em dia, as mulheres não sabem nem mesmo os nomes desses saris. É por isso que nós sempre devemos usar os saris… que foram tecidos por nós. Ele são bons.

Eu acho que… saris com borda espessa são mais apropriados para as mulheres casadas. Se os saris não têm borda espessa, não são adequados para elas. As mulheres casadas devem sempre usar saris com bordas espessas. Isso não é um costume antigo, mas é um costume muito bonito. Fica bem, combina com as mulheres, fica gracioso, dá a aparência de uma mulher bem-educada. Essa é nossa cultura, a qual não devemos abandonar… e nos tornar como eles (ingleses). Nós não devemos tentar assimilar a cultura deles, porque nossa cultura é grandiosa. Se prepararmos nosso caminho através da compreensão… do que deu errado com a cultura deles, então nós poderemos progredir bem. Nós podemos aceitar o progresso deles na ciência, mas fazendo isso, se nós perdermos a nossa herança cultural, então nos tornaremos iguais a eles. Eles matam os filhos deles.

Marido e mulher não conseguem ficar juntos nem mesmo por dois anos. Todos eles ficam em asilos, esperando a morte chegar. Em nossa sociedade, nós temos de preservar a bondade e gentileza. Ao invés disso, nós temos assimilado tudo que há de errado nos outros. Primeiro, nós aprendemos com os muçulmanos, e agora, nós estamos aprendendo com essas pessoas. Se nós absorvermos a sujeira deles, como as nossas casas poderão permanecer limpas? Nós éramos considerados pessoas limpas e bem-educadas, e agora, nós temos assimilado muitas coisas erradas dos outros. Assim, nós temos de abandonar essas coisas e nos purificar. Agora, nós dissemos para eles qual é a importância do puja, mas vocês sabem dessas coisas, então Eu não expliquei isso para vocês. Mas no puja, deve-se ter shraddha, e nós não devemos discutir durante o puja.

Não importa quem faz o puja, já que todos são igualmente beneficiados com ele, dependendo da shraddha que você tiver, dependendo da shraddha que você tiver. Seus vasos serão preenchidos na mesma proporção que tiverem shraddha. Eu diria para as mulheres que elas podem vir e sentar-se aqui um pouco… mais deste lado. Está muito quente para vocês. Movam-se para frente. As pessoas que estão com muito calor não devem sentar-se daquele lado. É melhor sentarem-se… Por favor, deixem estas senhoras sentarem-se deste lado. Elas não conseguem suportar o sol. Deixem-nas sentarem-se aqui. Elas são nossas convidadas.

Venham, deste lado. Se tivessem colocado algo lá, vocês poderiam ter dado um jeito nisso. Devemos entender um pouco também… que eles estão fazendo tudo. Nós também devemos fazer algo a respeito disso. Eles arrumam tudo e nós simplesmente chegamos… e sentamos como deuses; isso não é uma coisa boa, é? Vocês poderiam ter – estava assim há tanto tempo, por que vocês não colocaram algo lá para se protegerem? Não é difícil. Agora, estes aqui. Venham para este lado também. Vocês podem vir para este lado.

Venham. Por favor, cedam o lugar para eles se sentarem. Venham. Levantem-se dali. Oi, levantem-se, vocês três. Venham para este lado. As senhoras que estão no – não, vocês estão bem, Eu acho. Vocês estão bem? Não estão? Tudo bem, atrás de vocês.

Atrás de vocês, estas pessoas podem vir para este lado, movam-se um pouco para este lado. Não no sol, eles já estão no sol. Se fizermos um pouco de sombra deste lado… Está tudo bem? Deixem-nos se sentarem. Há sombra no outro lado, há sombra. Sentem-se na frente, onde há sombra. Por favor, sentem-se. Oi, venham para este lado. Há um lugar para vocês aqui. Venham para cá, deste lado.

Venham para este lado. As mulheres não precisam ir para lá, então venham para este lado. Deixem-nos se sentarem. Os homens podem vir para este lado. Sim, os homens podem vir para este lado. Não, não, é melhor virem para este lado. Por que vocês não se movem para este lado um pouco? Nós também devemos pensar em que podemos arrumar, em que podemos ajudá-los. Como ontem, o modo como eles organizaram, arrumaram – quando Eu fui lá, eles não sabiam que Eu estava indo. Quando Eu voltei, como eles organizaram para Mim, como eles estavam correndo.

Quero dizer, Eu também sou a Mãe de vocês, não sou? Então, nós devemos pensar sobre essas coisas, sobre o que podemos fazer, como podemos ajudá-los, todos devem refletir. Apenas deixe isto assim, deixe isto exatamente deste jeito. Já que eles não tomaram nenhuma providência, o que pode ser feito? Deixe-os sentados do jeito que eles estão. Vocês podem se mover um pouco para este lado. Oi, movam-se um pouco para este lado. Vocês também podem se mover um pouco. Eu não quero que vocês fiquem no sol, vocês terão problemas. Não, mas eles podem mover o equipamento de som um pouco… para este lado.

Apenas, mova-o, um pouco… Logo que o sol se elevar, vejam, ficará bom, mas ainda… Apenas sentem-se na sombra, sentem o tanto que for possível na sombra. Se não houver sombra, vocês podem se sentar na frente. No puja, é melhor sentarem-se na sombra. Eu sempre fico aqui acima de vocês. Não se preocupem. Por favor, sentem-se aqui na Minha frente. É melhor sentarem-se na sombra. Há alguém para recitar os mantras? Por favor, chamem Gavin.

Ontem, vocês não vieram aos Meus pés – vocês deveriam ter vindo. Por favor, deixe isto agora, senão será tarde. Deixe-os sentarem-se no sol. Estão bloqueados no Coração Esquerdo e no Swadishthana Esquerdo. Ontem, vocês deveriam ter vindo. Quero dizer, vocês estiveram fazendo tudo nos pujas, então… Há alguém aqui para recitar os mantras? Sr. Gholap chegou? Por favor, chame-o. Ele sabe? Estão bloqueados seriamente – o Coração, o Swadishthana Esquerdo.

Recitem o Atharva Sheersha. Sr. Gholap não veio. Onde o Sr. Gholap foi? Ele não veio? Por favor, chame-o para azer o puja. Por favor, comecem o puja com o Atharva Sheersha. Por favor, comecem agora.