Shri Mahaganesha Puja

Ganapatipule (India)

1986-01-01 Shri Mahaganesha Puja, 17' Download subtitles: BG,CS,EL,EN,ES,FI,FR,IT,LT,NL,PL,PT,RO,RU,SQ,ZH-HANS,ZH-HANTView subtitles: Add subtitles:
Download video (standard quality): Download video (full quality): View and download on Vimeo: View on Youku: Listen on Soundcloud: Download audio:
Transcribe/Translate oTranscribe


Shri Mahaganesha Puja. Ganapatipule (India), 1 January 1986.

Hoje nós estamos reunidos aqui para prestar nosso respeito a Shri Ganesha.

Ganapatipule tem um significado especial, porque Ele é Mahaganesha. Ganesha no Muladhara se torna Mahaganesha no Virata, isto é, o cérebro. Isso significa que o cérebro é o assento de Shri Ganesha. Isso significa que Shri Ganesha governa, a partir desse assento, o Princípio da Inocência. Como vocês sabem muito bem, esse assento está localizado atrás, na região do tálamo óptico, lóbulo óptico como eles o chamam, e é quem doa inocência aos olhos. Quando Ele encarnou como Cristo, que está aqui na testa, no Agnya, Ele disse muito claramente: “Não tereis olhos adúlteros.” É uma frase muito sutil, na qual as pessoas não compreendem o significado da palavra “adultério”. Adultério significa impureza na linguagem comum. Qualquer impureza nos olhos, “não tereis”. Isso é muito difícil. Em vez de dizer: “Obtenham a Realização” “e limpem seu Agnya posterior”, Ele disse isso de uma forma muito reduzida: “Não tereis olhos adúlteros.” E as pessoas pensaram que era uma situação impossível, porque não foi permitido a Ele que vivesse muito tempo.

Na verdade, Sua vida pública é limitada a três anos e meio somente. Assim, o que quer que Ele tenha dito tem um grande significado: seus olhos não devem ser adúlteros. Quando há inocência não há adultério, significa que não há nenhuma impureza. Por exemplo, com nossos olhos, nós vemos algo e nós queremos possuí-lo. Nós começamos a pensar. O pensamento começa como uma corrente, um após o outro. E então nós entramos numa rede de pensamentos horríveis, e depois nós nos tornamos escravos desses pensamentos. Sem nem mesmo o nosso conhecimento, nossos olhos se voltam para coisas que são muito grosseiras e os levam para baixo. Como Shri Krishna disse: “A Árvore da Consciência” “cresce de cabeça para baixo”, “as raízes estão no cérebro” “e os galhos crescem para baixo”. Aqueles que têm ido em direção ao materialismo, têm crescido para baixo, Aqueles que têm crescido em direção ao Divino, têm crescido para cima, em direção às raízes.

A raiz principal, como eles chamam taproot, a raiz principal é a inocência, é Shri Ganesha. E Ele se torna Mahaganesha em Ganapatipule. Aqui Ele está cercado pelo Princípio do Pai, o Princípio do Guru, do mar, do oceano, o Oceano Índico. Isto é, aqui Ele se torna um Guru. Quando um Sahaja Yogi estabelece seu Princípio de Shri Ganesha, ele é ainda uma criança. É claro, seus olhos começam a se tornar cada vez mais puros e poderosos e brilhantes. Vocês devem ter visto que quando a Kundalini lhes dá a Realização, então seus olhos começam a brilhar, como se houvesse uma centelha nos olhos, você pode distinguir uma centelha. Com o ego, ela fica coberta, com o ego ela é ofuscada. Com o superego ela é coberta com lágrimas. Mas quando os olhos estão puros, você vê a beleza deles, Shri Ganesha brilhando através do seu olhar.

A atenção agora começa a fluir através da janela do templo de Shri Ganesha. Mas quando você amadurece, você se torna Mahaganesha. Então Mahaganesha está estabelecido em você e você se torna um satguru, você se torna um guru divino; você pode ensinar aos outros. Até mesmo uma criança poderia ser isso, até mesmo uma pessoa adulta pode ser estúpida. Não tem nada a ver com idade, cor, credo ou casta. É um estado que a pessoa pode alcançar a qualquer momento. Como, por exemplo, nós podemos dizer que aqui nós tivemos Gyaneshwara que, muito jovem, compôs o grande Gyaneshwari. Como vocês viram ontem, Como vocês viram ontem, aos doze anos de idade, Gorakhnath estabeleceu seu Mahaganesha. Mas se você não tentar ascender, então você irá permanecer no mesmo estágio, mesmo quando você envelhecer. Portanto a maturidade é o indício.

Aqui em Ganapatipule, como nós vemos, Shri Ganesha está em Sua forma completa, madura, de modo que nós desenvolvemos também o nosso Mahaganesha dentro de nós mesmos e nossos olhos tornam-se puros, poderosos e divinos. Com o trabalho adequado, Tenho certeza que podemos estabelecer esse estado dentro de nós mesmos. Hoje nós viemos para Ganapatipule. Isto tem um grande significado, estarmos entre o Asthavinayaka (oito Swayambhus de Shri Ganesha). É o lugar de Mahaganesha. Mahaganesha é Pithadhish (Comandante de todos os pithas) e, sentado neste pitha, Ele protege todos os Swayambhus de Ganesha. Ele tem o conhecimento de todos os Omkaras, visto que Ele atingiu o Guru Tattwa (Princípio do Guru). Se nós olharmos nos arredores, o oceano, tão belo e limpo está lavando os pés deste Ganapati, porque o oceano representa o Guru Tattwa e, com esse Guru Tattwa, ele lava os pés de Shri Ganesha e é desse modo que deve acontecer com todos os Sahaja Yogis. O Ganesha Stuthi é feito e depois Shri Ganesha é estabelecido e depois disso, com o Mahalakshmi Tattwa, vocês têm que se tornar Mahaganeshas. Esse estado pode ser alcançado por crianças pequenas e grandes, pessoas idosas, senhoras e todo mundo, se eles puderem atingir o comportamento justo, o qual nós chamamos de Saraliya em Marathi ou eles dizem Abhodita ou inocência, uma vez que ela seja assimilada dentro de nós, nós podemos alcançar o Princípio do Guru.

Qualquer Guru que não tenha essa natureza honesta e inocência, não pode ser nunca um Guru, ele é um Aguru (falso Guru). A pessoa cuja atenção está sempre no Poder Divino, somente ela pode se tornar um verdadeiro Guru. A atenção dos seres humanos normais está pervertida, não está pura. Por isso Cristo disse que não deveria haver nenhum adultério em seus olhos, isso significa que, se nós colocamos nossa atenção em algo, nós começamos a pensar muito e pensamentos estranhos vêm à nossa mente, por exemplo: “como eu posso comprar essa coisa?” e “por que eu não adquiri essa coisa?”. E outros pensamentos, tais como: “por que?” e “por que não?”. Se nós vemos algo e começamos a pensar, então nós devemos saber que nós ainda não atravessamos o Agnya Chakra. Qualquer objeto que você vê, você deve entrar em consciência sem pensamentos, especialmente na moradia celestial de riqueza e prosperidade há inúmeros Deuses e Deusas, pelo menos ao vê-Los, devem entrar em consciência sem pensamentos. Uma vez que nós alcancemos o estado de consciência sem pensamentos, nenhuma perversão permanecerá mais em nossa atenção. Os pensamentos pervertendo a mente não virão mais, então como a perversão irá influenciá-los? Isso significa, como Cristo disse, que não terás olhos adúlteros.

Eles devem ser tão puros como os raios do sol, quando eles incidem sobre as árvores. Eles não absorvem a sujeira, eles as nutrem e alimentam, não apenas isso, mas eles também lhes dão força. De um modo semelhante, os Sahaja Yogis devem ter esse brilho em seus olhos, de maneira que eles serão capazes de criar uma atmosfera muito pura no mundo inteiro. A pureza na atmosfera é o que nós necessitamos hoje, em todo lugar, de modo que a paz, a felicidade e o Poder Divino possam prevalecer neste mundo. Apenas cantar o louvor a Shri Ganesha pode não ser suficiente, Shri Ganesha precisa ser despertado dentro de nós e Ele deve evoluir até o estado de Mahaganesha. Somente após alcançar o estado de Mahaganesha o nosso país pode se beneficiar e também através do nosso país, outros países podem se beneficiar por esse estado. Nós vamos liderar os outros, mas se nós não assumirmos esta responsabilidade, então Eu não posso dizer o que irá acontecer com este mundo inteiro. Eu tenho um pedido para todos vocês, para removerem todo o adultério em seus olhos. Para isso nós temos o mantra de Nirvichara na Sahaja Yoga. Não permitam que os pensamentos os dominem.

Se os pensamentos vierem, então digam: “Yen Neti Neti Vachane” (isso não existe) ou digam “Kshama Keli, Kshama Keli” (eu perdôo, eu perdôo), de modo que esse pensamento seja destruído e uma vez que a ausência de pensamentos seja alcançada, então a perversão da mente cessa. Todo mundo deve fazer um esforço para que seus olhos não sejam adúlteros. “Se houver perversão na mente por causa dos meus olhos,” “então eu não quero ter tais olhos”, disse o Santo Tukaram, “então é melhor ser cego”. De certo modo, é melhor ser cego do que ter perversão na mente. É preferível ter olhos interiores para ver a Divindade. Quando esses dois princípios surgem juntos adequadamente, então, pode-se dizer que o Sahaja Yogi alcançou o Princípio do Guru. Eu abençôo todos vocês, para que aqui em Ganapatipule, o lugar de Mahaganesha, com Sua graça especial, vocês todos possam alcançar o Princípio do Guru o mais breve possível. Primeiro eles recitarão os vinte e quarto nomes de Shri Vishnu, de modo que este Sushumna Nadi se abra. Depois, eles recitarão o Shri Sukta, que é Aquele que desperta a energia dentro de vocês. Depois eles recitarão os 108 nomes da Mãe Gauri.

Depois deste Puja, quando este Puja estiver terminado, então nós faremos onze kundas que obtivemos e nós faremos o Havan nos onze kundas. Porque Mahaganesha é Aquele que governa, é Aquele que governa o Ekadasha Rudra. Portanto, isso tem que ser feito com grande devoção e dedicação. Eu sugeriria que primeiro, ao terminar este Puja, vocês comam e, em seguida, nós nos sentaremos para o Havan.