Talk After the Sahastrara Puja

Alpe Motta (Italy)



Feedback
Share

Palestra dirigida aos Sahaja Yogis, após o XVI Dia do Sahastrara. 4 de maio de 1986, Madesimo, Alpe Motta, Itália.

Estas são as músicas cantadas nos Himalaias, e elas serem cantadas aqui é algo realmente extraordinário, não é? Eles as trouxeram de longe para serem cantadas aqui. Agora, Eu acho que Eu já lhes dei uma palestra muito, muito longa e o discurso, como vocês o chamam, mas algumas reações foram muito boas e alguns puderam absorver isso muito bem, embora alguns deles disseram que estavam dormindo. Agora, essas coisas acontecem por causa da negatividade. Vocês têm de lutar contra sua negatividade, porque a negatividade é aquilo que faz perguntas, porque quando Eu estou falando, Eu estou dizendo a Verdade, a Verdade Absoluta, mas a negatividade pergunta e reflete sobre isso. Quando ela começa a refletir sobre isso, nada entra na cabeça, porque vocês ficam com a frase anterior e… vocês não ficam no presente. Então, a coisa toda… se reduz a algo como uma fuga e vocês escapam para dormir, enquanto que Eu tentei o máximo hoje para colocá-los em sua mente consciente. Vocês têm de estar conscientes, vocês têm de estar alertas, e este é o ponto: a menos e até que vocês estejam conscientes, vocês não podem ascender. Nenhuma pessoa anormal consegue ascender.

Vocês têm de se tornar normais. Muitos de vocês tinham muitas anormalidades que foram evidenciadas e jogadas fora, e muitos têm sido purificados, mas agora se ainda há alguns que ainda estão persistindo nisso, eles devem trabalhar isso. Eles não podem simplesmente continuar justificando isso. Normalmente, as pessoas negativas atraem uma personalidade negativa. Portanto, se vocês têm uma negatividade assim… de qualquer tipo dentro de vocês, vocês nunca… devem se sentar próximos a uma pessoa negativa, mas nunca se aproximem de uma pessoa assim, mantenham-se afastados, fiquem grudados à pessoa positiva, como Eu disse, fiquem grudados… e apoiem seus líderes sem discussão, sem questionamento, mas este é o problema: vocês começam a brigar com seu próprio líder. Se o líder diz alguma coisa para vocês, vocês brigam com o líder, e vocês discutem com o líder, então está acabado. Eu falo através dos líderes, então não questionem isso. Se vocês questionarem isso, então haverá um problema, vocês têm de ficar grudados nos líderes que são pessoas positivas. E se vocês começarem a questioná-los, então vocês não estarão em lugar nenhum, não haverá nenhuma ligação entre vocês e Eu. E isso acontece em todo lugar.

Me contaram que na Suíça é assim, na França, agora está melhor. Costumava ser assim em todo lugar, exceto na Itália. Eu acho que a Itália tem os melhores resultados. Não briguem com seus líderes, não discutam com eles. Não reflitam sobre a Sahaja Yoga, o que vocês podem dizer? O que vocês sabem? Como vocês podem refletir? Qual é o seu conhecimento? Vocês questionam o seu professor de química… quando ele diz que o hidrogênio tem dois ou um átomo? Questionam?

E quando vocês começam a fazer isso com seu ego, vocês são expulsos do reino da evolução. Portanto, não reflitam, somente ouçam, e tentem captar isso internamente. Todos esses são mantras, captem-nos internamente. Ao invés disso, vocês começam a questionar, discutindo com seus líderes, dando-lhes conselhos, por favor não façam isso, parem com isso agora. Não são políticos a quem todo mundo pode aconselhar, todo mundo tem de dizer alguma coisa. A maioria dos bhoots são assim, somente pessoas com bhoots seguem aconselhando, e tendo a sua expressão de opinião individual. E eles vão contra os líderes inteiramente. Agora, Eu diria isso especialmente para as pessoas mais velhas, porque vocês são mais adultos algumas vezes do que os líderes. Então vocês acham que têm o direito de corrigir os líderes, não é assim. Na Sahaja Yoga, não é tanto o quanto você é idoso, mas sim o quanto você é evoluído.

Assim, quando vocês começam a questionar seus líderes… e criticar o comportamento deles ou qualquer coisa assim, e respondendo com insolência ou também dando suas ideias, vocês estão acabados. É como uma conexão. Digamos que há uma conexão… entre os chakras e as células, digamos que seja deste jeito. Agora, se vocês negam os chakras, como alguém deve trabalhar isso? Porque Eu estou conectada com eles… e através deles vocês estão conectados. Mas quando vocês os negam, então vocês decaem. Eu sei o que fazer com os líderes, Eu os escolho, Eu os providencio, Eu os organizo, Eu os troco, Eu sei o que fazer. Agora, não os desafiem, isso não é nada além do seu ego. Na Índia, isso não acontece de forma alguma, não acontece. Quando a Mãe nomeia alguém, isso é aceito, porque para eles, essa é a Verdade que eles têm procurado.

Todas as outras são insensatez, são tudo complicações, e pelo fato de vocês serem tão complicados, para vocês, outras coisas parecem boas, vocês acham que estão entregando suas personalidades. De forma alguma. Isto é desenvolvimento: entregar-se à seiva da vida, à vitalidade, à força vital da vida, entreguem-se, aceitem mais, aceitem mais. Esse ego nunca pode permitir que vocês interiorizem nada. Tomem cuidado com isso. Esse ego nunca permitirá que vocês durmam; ele nunca lhes dará paz. Ele nunca permitirá que vocês cresçam; nunca os levará aos seus próprios objetivos, portanto, entreguem esse ego de vocês. Assim, uma coisa Eu tenho de lhes dizer: não briguem, não discutam, não questionem, não critiquem seus líderes, antes de mais nada, senão vocês serão eliminados. Mantenham-se nas boas graças dele. Tentem apoiá-lo, perguntem-lhe o que ele quer, qual ajuda ele precisa.

Quanto mais vocês ficarem ligados a ele, quanto mais vocês ficarem próximos dele, mais vocês alcançarão. Mas as pessoas são muito desperdiçadoras. Elas têm desperdiçado suas vidas nas drogas, nisso, naquilo, tudo insensatez. E as mulheres têm um outro hábito muito ruim de fofocar. Elas querem fofocar, fofocar sobre essa pessoa, criticar aquela pessoa. É um hábito muito ruim nas mulheres: fofocar. Eu nunca dou atenção a ninguém que fofoca… e Eu não gosto de uma pessoa que fofoca, portanto não fofoquem sobre as coisas, falando vulgarmente, frivolamente sobre os outros. Isso não é necessário, vocês devem ser educados. Não é necessário que vocês venham… de uma família muito bem educada, nada é necessário… enquanto você for um Sahaja Yogi. Vocês podem ser um diamante, mas permitam a si mesmos serem lapidados em um diamante.

Permitam! A reação de algumas pessoas foi muito boa, elas assimilaram o que Eu disse, elas interiorizaram tudo, mas algumas delas adormeceram. Agora, aqueles que estavam se esforçando naquele momento, talvez não tenham compreendido isso, é um assunto muito difícil, Eu lhes digo, é uma assunto muito sutil, não importa. Mas aqueles que estavam assim, devem se cuidar, devem descobrir o que é isso. Eu notei uma coisa com relação às pessoas de canal esquerdo: se elas colocarem uma vela perto do Swadhistana Esquerdo delas, um pouco afastada, e colocarem uma vela diante da fotografia, colocarem a mão esquerda em direção à fotografia… e a mão direita na Mãe Terra, isso funciona. E a vela atrás deve ser mantida um pouco afastada, porque isso é seguro, ela vai deste jeito, daquele jeito, queima. Aqueles que tomaram drogas, não LSD, mas outras drogas, que são letárgicos, que se sentem sonolentos, cujos cérebros estão destruídos pela droga, todas essas pessoas… podem se beneficiar muito com isso. Façam isso todo dia. Entrando nas drogas, vocês nunca perceberam a sua entrega às drogas, nunca perceberam que era algo que os destruiria completamente. Vocês sabem que muitas pessoas são mortas, muitas estão morrendo, mas vocês queriam fazer isso, Eu não sei, porque seu ego dizia: “Tudo bem, vá em frente, experimente isto.”

“Você é especial, nada acontecerá a você.” Isso é o que o ego sugere. Então vocês faziam isso. Tudo bem, não importa, seja o que for que aconteceu, aconteceu, vamos limpar isso, porque nós somos buscadores. Assim, aqueles que realmente se sentiram integrados na palestra, sem nenhum questionamento, devem saber que eles estão indo bem. Todos aqueles que estavam questionando, refletindo, devem saber que eles têm ego, e aqueles que estavam cochilando devem saber… que eles são de canal esquerdo. Canal esquerdo é pior do que canal direito, porque o canal direito pode ser facilmente corrigido, ele se expõe. Ele se expõe externamente, as pessoas não gostam disso. Uma pessoa assim é criticada, todo mundo diz: “Ele é egoísta”, ele é isso, aquilo. Todo mundo sabe que uma pessoa assim sai por aí como Hitler.

Mas a pessoa de canal esquerdo… é digna de muita pena e você tem muita pena de uma pessoa assim, você tem pena e se perde com essa pessoa. Elas são mais perigosas e difíceis de serem curadas, muito difíceis. Assim, não é uma tarefa fácil, nós temos de trabalhar isso. Eu estou tentando o máximo, vocês devem também Me ajudar. Eu estava pensando que se vocês começarem a usar um pouco de óleo… à noite na cabeça de vocês será uma boa ideia. Como Sahaja Yogis, vocês devem usar. Eu acho que o estilo de corte de cabelo… deve ser mudado pelos Sahaja Yogis. Este estilo moderno, da moda não é apropriado para nós. Porque isso irá – nós todos ficaremos carecas um dia, Eu lhes digo, e vocês verão o Sahastrara… com uma grande covinha aqui. É melhor usar um bom óleo de coco, esfregá-lo bem em sua cabeça, à noite e de manhã.

Afinal de contas, isso não parece muito. E penteiem seus cabelos de uma forma adequada, porque também Eu acho… que se suas roupas forem como as dos bhoots, seus cabelos forem como os dos bhoots, os bhoots invadirão… o pensamento: “Oh, este é um bhoot sentado aqui;” “é melhor eu assumir o controle deste bhoot.” Vistam-se bem de uma certa maneira, não devem ter o cabelo na testa… de forma alguma, mantenham-no reto, façam-no ficar apropriado e mantenham a testa completamente desobstruída. Nós somos Sahaja Yogis. Nós temos de mudar nossas roupas, nós temos de mudar nossos estilos. Nós não devemos ficar na moda como esses punks estúpidos. Assim, nós somos um modelo, pelo estilo de nossos cabelos, as pessoas devem saber: estes são Sahaja Yogis. Assim, antes de começarem a ficar carecas, é melhor tentar colocar… um pouco de óleo na sua cabeça. Isso é uma coisa muito importante que os Sahaja Yogis têm de fazer. Vocês podem usar óleo vibrado se quiserem e Eu acho que… azeite é bom, mas melhor que azeite, Eu acho, é o óleo de coco, ele é melhor para o crescimento do cabelo.

Mas às vezes, vocês podem também por óleo de amêndoa, é bom também… o óleo de amêndoa para vocês, porque se vocês tiverem qualquer problema… de modo que se sintam exaustos ou seus nervos necessitem de cuidados, você é uma pessoa do tipo nervosa, então óleo de amêndoa é bom para você. E para as pessoas que têm dentes que as estão incomodando, elas devem cuidar deles. Não adianta ir a dentistas, porque dentistas criam problemas. Uma coisa simples é usar azeite e um pouco de sal, e esfregar bem… suas gengivas com isso todo dia antes de dormir. Isso manterá seus dentes em bom estado. Vocês ficarão surpresos, até hoje, Eu não fui a nenhum dentista. Nunca estive em um dentista e espero não ir a um dentista. Mas uma coisa é que Eu tenho certos maus hábitos. Um deles é que Eu escovo Meus dentes com muita frequência. Mas, não usem escovas elétricas e tudo isso, mas usem escovas ou usem seus dedos, a melhor maneira é… esfregar com sal e óleo, é muito bom para vocês, e depois deixem tudo sair e lavem.

Depois, a terceira coisa que Eu percebo na Europa… é que vocês não limpam suas gargantas, e suas línguas, que é uma outra coisa contra o Vishuddhi. E essa deve ser uma das razões porque seus Vishuddhis estão ruins. Assim, embora isso não esteja na moda aqui, no Ocidente, mas uma coisa muito importante é colocar… seus dois dedos na boca e esfregar. Seus dedos, não aquela coisa, os dedos e limpem sua língua de tal forma que tudo saia de manhã. Isso é importante porque aquilo acumula e depois apodrece. Assim, isso tem de ser feito e talvez vocês achem que… isso está realmente fazendo barulho e tudo mais, não importa, vocês têm de limpar sua garganta, é desse modo que vocês manterão seus Vishuddhis bem limpos. Esta é uma das coisas, e a outra coisa é que… vocês devem sempre usar água, tanto quanto possível, para se lavarem quando vocês forem para sua (…) matinal, a água deve ser usada. O papel é um hábito muito sujo e… anti-higiênico, um hábito muito sujo e anti-higiênico. Mas mesmo se você usar papel, você deve usar água depois. É muito importante que o tempo todo a água… seja usada tanto quanto possível.

Para os Sahaja Yogis, isso é uma coisa muito, muito importante. Agora, para algumas pessoas que acham que estão… quase à beira de um colapso, num nível mais sutil, de certa maneira, de modo que ainda têm estes problemas: eles querem dormir com outras mulheres e querem fazer… todos os tipos de coisas, eles devem abandonar a Sahaja Yoga. O melhor é nos deixar em paz. Nós não podemos ter pessoas inúteis assim conosco. Então, eles devem abandonar a Sahaja Yoga e não nos perturbar, porque nós conseguimos ter milhares e milhares na Índia, e não temos nenhum problema. Para eles, isso não é difícil, eles já estão lá. Portanto, aqueles que ainda estão assim, que estão tentando ter relações com outras mulheres… e estão interessados em outras mulheres, ou as mulheres desse jeito, todos esses tipos de maníacos – Eu os chamo somente de maníacos – devem abandonar a Sahaja Yoga e devem nos poupar. Isso é definitivo. Agora, nós temos sempre dito que aquelas pessoas que são… muito negativas terão que deixar a Sahaja Yoga… e esse dia chegará. Assim, para todos vocês, é extremamente necessário que vocês tentem limpar-se… e nunca sentem com uma pessoa que é negativa.

Nunca façam amizade com uma pessoa que é negativa. Tentem ser mais prestativos com uma pessoa que é positiva. Desobstruam-se; limpem-se; cuidem-se; respeitem a si mesmos; amem a si mesmos. Vivam com sua dignidade. Coisas vulgares, coisas frívolas, coisas fúteis não devem ser feitas, e façam seu ego ser desafiado. Deixem alguém insultá-los e certifiquem-se de que… vocês não retruquem. Apenas observem isso, não se irritem. Tentem fazer seu ego não reagir. Isso pode ser alcançado muito facilmente, se você tentar no espelho, olhe para si mesmo e ria de si mesmo, zombe de si mesmo. O que você pensa de si mesmo?

Quem é você? O que você tem? Nada. Agora, a palestra de hoje foi realmente não só… uma grande palestra, mas também ela foi como mantras. Tudo foi bom para o cérebro, e Eu diria que esta palestra… deve ser ouvida muitas vezes, e ser absorvida, não ser questionada, não ser questionada, ser absorvida, ser assimilada. Eu espero que vocês compreendam isso. Agora, depois deste Sahastrara Puja, Eu espero que vocês… tentem manter-se na posição que alcançaram. Eu conto com todos vocês para apoiar, para honrar seus líderes… e de forma alguma, debater com eles, discutir com eles, dar-lhes ideias. Até mesmo as esposas, Eu tenho dito, não devem discutir com os líderes. É como uns puxando os outros.

Por exemplo, disseram que… havia alguns escorpiões de lugares diferentes que… foram enviados para pesquisa. E eles viram que um pote estava aberto, e eles disseram: “O que é isto? Todos os escorpiões deste pote saltarão para fora.” Eles disseram: “Eles não podem, porque assim que um subir,” “um outro o puxará para baixo.” Nós nos comportamos da mesma maneira. Assim, se há um líder, esse ego que faz com que você fique com ciúmes, e esse ego… é quem diz que você sabe mais, que é melhor você dar uma solução. Não que você não possa dar sugestões, as pessoas falam coisas para Mim também, mas se isso não for aceito, tudo bem. Isso é um desafio para o seu ego. É melhor que ele diga “não” para vocês de modo que vocês vejam por vocês mesmos: “É meu ego que ainda está insistindo nessa posição?” Agora, a segunda coisa que Eu tenho dito é que… nós não devemos ser delineados por uma convenção.

Por exemplo, a convenção era, digamos, desta vez, os ingleses acharam, os líderes ingleses acharam, o que foi um grande erro, que os italianos ficariam incomodados se eles ficassem mais. Os italianos são pessoas de coração grande, como os indianos, eles ficariam muito contentes se eles ficassem mais. Mas essa é a mente inglesa. São os ingleses que não conseguem tolerar que uma pessoa fique… por dois dias. Eles perguntarão imediatamente quando você irá embora: “Qual a hora que você vai partir?” Assim, é a mente deles que funciona dessa maneira, que isso será inconveniente, porque eles serão incomodados. Entretanto foi dito a eles: “Vocês podem ficar aqui até segunda-feira,” “não há nenhum problema, vocês terão que pagar apenas 10 libras.” Mas Eu pensei assim: essa é uma imagem inglesa… de ser bom com os outros. Porque para eles, ninguém fica na casa deles, acabou-se, eles não permitirão que ninguém entre na casa. Pode estar nevando ou qualquer coisa do lado de fora, eles simplesmente verão e conversarão com eles.

Eu mesma vi isso. Um dia nós tínhamos – Eu tinha saído e estava nevando, e Eu vi uma senhora em pé do lado de fora nos degraus… com um carrinho de bebê e havia um bebezinho nele, e uma outra senhora, que era idosa, conversando de dentro, somente de uma fresta, de uma forma que a porta não estava… completamente aberta. E quando Eu voltei depois de mais uma hora, aquela senhora ainda estava em pé do lado de fora e conversando. Esta senhora não teve o bom senso de dizer: ” Entre.” Mas a outra senhora também não se importou com isso, porque ela deve estar fazendo o mesmo. Ter grande coração com alguma coisa, eles não conseguem compreender. Além do mais, não havia nenhum problema, foi sugerido: “vocês podem permanecer aqui e podem ficar aqui.” Agora, hoje nós tivemos que nos apressar muito. Tudo foi muito inconveniente e… tivemos que fazer isso por causa de um erro insignificante. Eles deveriam ter Me perguntado e Eu pensei que todos vocês… ficariam na segunda-feira, porque isso é logico, é sensato.

Mas não, por causa da concepção de que nós não devemos incomodar. Não acontece somente com os ingleses, é possível acontecer com qualquer um de vocês. Quando vocês começam a pensar: “Eu pensei”, vocês estão acabados. Assim, esses conceitos que vocês têm sobre as coisas… são realmente coisas muito perigosas. Eu tenho tido experiências e mais experiências com essas… convenções estúpidas que as pessoas têm: “Eu pensei.” Elas tentam ser boas, mas por fim, tentam ser desagradáveis. Elas são desagradáveis. Portanto, isso significa que há algo definitivamente errado… com a convenção que elas têm sobre as coisas. E é por isso que as pessoas, se elas estivessem certas… quando elas estavam pensando, o mundo seria diferente. Mas elas estão pensando em um nível onde simplesmente… tudo está transbordando e você está afundando.

Assim que você começa a pensar, você decai. Este é o defeito do seu pensamento, porque ele está ligado… pelos reservatórios de suas convenções. Toda vez que você pensa, vejam, você está ligado, às suas convenções e você decai. Eu não abordei muitos pontos hoje, os quais Eu poderia ter abordado, como por exemplo, a arte. Eu estava dizendo que fiquei impressionada, uma exuberância como esta, uma flor como esta Me faz tão feliz… ver um jardim. Mas, para uma mente sofisticada, é mais pedra ou algo insensato. Para eles, uma única flor em algum lugar, porque o resto da área… deve ser o espaço para o ego deles. Assim, eles não conseguem ver a beleza, é demais, demais, até mesmo a Sahaja Yoga é demais para nós. O que vocês são? Um bebezinho ou o quê?

O que é demais? Vejam, como gostamos de um bebê, nós damos uma mamadeira, muito leite, muito leite, então a Sahaja Yoga é demais para vocês. Vocês são anões ou o quê? Não há nenhuma consistência em tal tipo de insensatez. É por isto: “Isto é sofisticado, isto é bom”, criticam todo mundo. As pessoas ficam tão amedrontadas, até mesmo de decorar suas casas, porque isso será criticado. “É melhor manter mantê-la simples, sem luxo, branca, apenas branca.” Até mesmo do nariz, eles não gostam. Eles querem fazer plástica no nariz, nos olhos, em tudo, apenas ter o que é sem beleza. E imaginem, é o jogo do ego que quer ter uma individualidade.

Como eles estão numa justaposição em que… eles queriam ver isso claramente? Se você for em um jardim, eles terão uma única árvore, pendendo em algum lugar lá. Isso é considerado um jardim. Você diz: “Onde está o jardim?” Eles dizem: “Este é o jardim.” É microscópico. “Onde está o jardim?” “Oh, não, nós colocamos somente uma árvore num local,” “assim ela se torna importante.” Assim, esta é a única árvore aqui e depois vocês se mudam, então haverá um outro pequeno arbusto e um outro. Tudo é exagerado.

Por quê? Por que o ego é exagerado na cabeça deles. É por isso que tudo é demais para eles. Essa estupidez tem de desaparecer agora. Vocês têm de pegar tudo que é bom; vocês devem absorver muito e abandonar tudo que for exagerado em vocês. Isso tem de ser compreendido. Todas essas ideias estúpidas, todos os tipos de ideias estúpidas, como por exemplo, você quer comprar uma casa, então tudo bem, você vai e compra uma casa. Eu circulei por aí, a maioria das casas tem por volta… de dois metros de altura, mas eles gostam disso. Eu disse: “Por quê? “É muito antigo.”

Eu disse: “E daí?” Eles disseram: “Mas, é uma casa antiga, é isso e aquilo…” “e esta casa antiga.” Eu disse: “Mas por que você gosta disto?” As casas novas têm dois metros e meio de altura, quando muito. Assim, não há nenhuma escolha. Mas por que você quer ter uma casa que é antiga? Casas vitorianas, eles não gostam. Por quê? Porque elas não são tão convencionais, elas não estão tão na moda. Vocês precisam ter uma casa onde vocês quebrem o seu pescoço, andem no banheiro de uma forma estranha.

Vocês não podem… nem mesmo se sentar ou ficar em pé, fica metade pendurado no ar. Essa é uma verdadeira casa que tem personalidade. E a personalidade é tal que os torna estranhos… e faz se sentirem ridículos, essa pessoa tem personalidade. O sujeito, se ele for absurdo, for ridículo, esquisito, for estranho, ele é um “homem de personalidade”. Essa é a situação hoje. Ele é um “homem de personalidade” e ele é esquisito, sem dúvida, uma personalidade estranha. Como é isso? “Sabe, ele veio de bicicleta com uma bermuda.” Eu disse: “Verdade?” O homem de personalidade.

“Sim, ele está tendo artrite com isso.” Fazer coisas absurdas, esquisitas é considerado… como algo de uma pessoa com personalidade. Agora, como Sahaja Yogis, vocês têm de compreender que… vocês não são estúpidos assim. Vocês estão coroados com o seu Si. Agora, vocês não irão se comportar como essas pessoas estúpidas… e suas modas, mas sim abandonar isso. Eles riem de vocês, vocês riem deles. Se você for a um hospício, todos os loucos dirão: “Oh, então você também veio aqui para se juntar a nós.” Não é? Todos eles acham que eles são os mais sábios… e você fica perdido com eles. Você começa a pensar: “Eu sou louco?”

Assim, todos vocês, quando virem um sujeito assim, vocês devem apenas rir dele. Como uma senhora, ela é considerada muito elegante, ela veio com um vestido bem aberto no corpo… com todos os ossos dela aparecendo, e isso e aquilo. E aconteceu por acaso de irmos ver aquela casa, Eu e Meu marido. Então, assim que ele a viu, ele voltou e vomitou. Eu disse: “Qual é o problema?” “Eu a vi e vomitei.” E nós entramos no carro, nós não entramos na casa e fomos embora. E ela achava que era uma mulher muito elegante, mostrando seus ossos, todo o corpo dela, horrível. Imaginem, como um cadáver em pé diante de você. Mas um cadáver é considerado elegante.

Todo mundo quer se comportar como um cadáver. Agora, vocês devem ver o sentido disso. Senão vocês não são Sahaja Yogis. Vocês devem ver a insensatez que está acontecendo… e vocês não são pessoas insensatas. Todas essas coisas, se vocês observarem agora de um novo ângulo, como Eu lhes disse agora, vocês são personalidades mais elevadas, vocês alcançaram uma nova consciência de seus chakras, vocês ficarão surpresos ao ver que suas reações serão bem, bem diferentes. Se vocês virem algo deste jeito: “Ahh! “, vocês dizem: “Lindo!” Mas se vocês ainda têm essas convenções horríveis em vocês, vocês não podem. Uma casa que está completamente deteriorada, cairá sobre sua cabeça. “Que personalidade!”

A personalidade inteira cairá sobre sua cabeça. As pessoas têm ideias absurdas. Ou então, elas querem alguma coisa moderna que é totalmente… esquisita e insensata. Vejam, havia uma mulher, ela construiu uma casa, moderna, e nós tínhamos que subir os degraus, e cada degrau, ela tinha dividido em pedaços bem menores, nós ficamos muito preocupados, porque todos nós cairíamos. Cada degrau foi feito com pedaços bem pequenos, como um degrau, cada degrau era feito de degraus. Assim, quando você coloca seu pé lá, você não sabe onde está colocando o pé. Ela deve ter gasto muito dinheiro fazendo… aquele tipo de coisa insensata, mas para ela, ela mostrava para todo mundo. “Agora venha, veja isto.” Eu Me recusei a subir, Eu disse: “Não tenho nada a ver com isso.” Eu voltei.

Sim, não importa. Assim como eles mostram indignação, vocês devem mostrar indignação. Estúpida. Isso não Me atrai, essas coisas não Me atraem. Eu tenho visto. Eu não gosto dessas coisas, o modo como há uma única flor pendurada em algum lugar e nada. Se Eu ver, Eu vejo que não gosto disso. Eu não gosto disso de forma alguma. E se Eu sou os critérios, se Eu sou Aquela que pode julgar as coisas, então Eu lhes diria que Eu não gosto de toda essa insensatez. A forma como as pessoas se vestem atualmente, elas parecem palhaços para Mim, loucos, como Eu posso dizer, moleques, ou vocês podem chamá-las, do que vocês podem chamá-las?

Mendigos. Você não consegue distinguir um do outro. Calças de má qualidade, eles estão vestindo alguma calça do avô, e uma blusa da avó em cima. E as mulheres andando nas ruas, você acha um pouco engraçado, pessoas esquisitas andando de um lado para o outro, e elas acham que isso está na moda. Eu acho que da Índia, deveríamos trazer todas as roupas velhas… para aqui e vender-lhes por um preço mais alto. É muito estranho, simplesmente olhe para isso, veja por esse ângulo, em pé no alto do morro, simplesmente olhe para essas pessoas loucas, veja como elas são loucas, elas são estúpidas, como elas estão se comportando, qual é a moda delas. Se você observar os tempos antigos, as pessoas costumavam vestir-se bem com todos os tipos de babados, todos os tipos de coisas, mas isso é o que eles não gostam. Seja o que for que Deus nos deu, deve ser enfeitado e respeitado. Quero dizer, ontem, o modo como vocês prepararam o salão. Quero dizer, o modo como hoje vocês prepararam o salão inteiro… e tudo mais, parece tão lindo, parece tão belo.

Mas alguém diria: “Oh, vamos ter…” “uma coisa completamente sem enfeites para a Mãe.” “Uma parede deteriorada atrás que esteja para cair.” “Isso seria uma verdadeira personalidade.” Como podem essas ideias serem aceitáveis para os Sahaja Yogis? Isso, Eu simplesmente não entendo. E eles pagam por isso. Eles pagam por essas convenções e eles pagam por todos… esses tipos de coisas esquisitas, eles realmente pagam por isso. Vamos supor que exista uma moda hoje de ter o corte de cabelo… deste jeito, em cima, eles pagarão por isso. Depois você corta o cabelo de outra forma, eles pagam por isso. Você tem de pagar por todos esses erros também.

A moda é: vamos supor que você convide alguém… para sua casa, você deve ter um tipo diferente de copo, de xícara e um copo para isso, senão você não está adequado. E depois, o que você descobre? Há um outro grupo desses hippies e aqueles que vieram… lhes darão as canecas mais sujas possíveis, de modo que vocês não conseguem beber nada. Assim, ou você aceita essa insensatez ou aquela insensatez. É totalmente absurdo. E vocês sabem que Eu tenho visto indianos que quando estão… na Inglaterra, eles simplesmente não entendem, eles simplesmente os ignoram: “Tudo bem, ignore-os.” Eles são loucos. A qualidade da personalidade é muito, muito baixa, muito baixa. Acreditem em Mim, muito baixa. Pode ser que vocês tenham ego, pode ser que vivam com esse ego, mas ele é muito baixo aqui.

Aceitem isso. A inocência está faltando, a auspiciosidade está faltando, o asseio está faltando. A atração da simplicidade está faltando, é tão artificial. Mesmo as ideias de simplicidade são artificiais. Com artificialidade, como vocês podem ter uma qualidade de vida humana? Como vocês podem? Vocês se tornam pessoas artificiais. Então, abandonem todas essas convenções. Eu não estou aqui para propagar a cultura indiana em si, mas Eu devo dizer que se há alguma cultura, ela está na Índia, porque isto aqui não é cultura. Tudo torna-se…

Se você andar por aí, se vocês olharem, como quando Eu vejo… as pessoas em volta, elas parecem como um bando de pessoas loucas andando. Você as vê nas ruas, nenhuma pessoa é normal. Na América é ainda pior. Eles devem fazer deste jeito ou deste jeito. Ninguém tem uma face própria. É um fato, Eu lhes digo. Com a Sahaja Yoga, sua qualidade surgiu, ela surgiu, vocês se tornaram isto agora, tão grandiosos. É por isso que vocês não sentem aqui que há a Lakshmi. Eles têm dinheiro, mas nenhuma Lakshmi. Não há nenhuma beleza desse tipo.

É tão desolado, como uma terra estéril. O ego de vocês eliminou tudo que era belo. Vocês não conseguiriam tolerar a arte de ninguém, então vocês não teriam nenhuma coisa artística em sua casa. Vocês não precisam de ter muitas coisas, de forma alguma, então vocês têm plásticos. A beleza fugiu de suas vidas. Quando vocês falam também, está na moda ser arrogante. Imaginem. Ser arrogante, ser muito áspero, não há nenhuma beleza nisso. É tudo para fazer exibição, não há nenhuma coragem nisso, não há nada sublime. Vocês perderam isso na forma sutil, é por isso que na forma grosseira, vocês não veem isso.

Seja o que for que vocês perderam internamente, é mostrado externamente – falência, completa falência. Quando vocês veem isso nos outros – quando Eu estou falando “vocês”, estou Me referindo aos outros, os que ainda não são Sahaja Yogis no Ocidente. Tentem compreender que eles estão em um nível mais baixo… do que vocês, e não adotem as ideias deles, os modos e métodos deles. Apenas mantenham-se alertas. E então, vocês verão que eles buscarão a companhia de vocês. O ego é como um burro. Se alguém está na frente deles, eles sabem que alguém está na frente, então eles inclinam a cabeça. E se eles veem alguém atrás deles, então eles dão um coice. Assim, vocês têm a sua dignidade, vocês têm o seu estilo especial, vocês vivem com um estilo especial. Não sejam um deles.

Vistam-se adequadamente, de uma forma apropriada. Vocês podem ter apenas duas camisas, podem ter apenas três camisas, vocês não precisam ter muitas, mas tenham algo sensato, normal, confortável e também que não seja chocante para os outros. Nós somos aqueles que irão encorajar nossa arte, nós somos aqueles que irão trazer de volta tudo que está perdido. Nós não podemos ter Rembrandt nunca mais; não podemos ter… Leonardo da Vinci; não podemos ter Michelangelo novamente. Acabaram com eles completamente. Aqui, todo mundo pensa que eles são Michelangelo. Nós não podemos ter nem mesmo, digamos, Gorky; nós não podemos ter William Blake, podemos? Alguém daquela coragem? Nós não podemos ter Abraham Lincoln, podemos? Todos anões, pessoas inúteis.

Você os esfrega e descobre que eles são inúteis. Somente dentre vocês, todas essas pessoas grandiosas… têm de aparecer agora. E a qualidade especial deles, era que tinham a sua própria personalidade. Eles não se submeteriam a nenhuma moda ou algo assim. Eles não se submeteriam a nenhuma popularidade barata. A partir de vocês, todas essas grandes personalidades devem nascer. Assim, por vocês e por sua progênie, vocês têm de pensar: “O que nós estamos fazendo?” Num trabalho tão grandioso como este, não é somente para sua diversão que temos um seminário, boas músicas, boa comida, bons lugares, nós vamos lá e nos divertimos, não. A diversão é somente um departamento de propaganda. Vocês têm de realmente trabalhar duro internamente, não externamente.

Sem nenhuma argumentação de qualquer tipo. É nútil. Algo simples como se Eu disser… que Eu tenho de carregar, digamos, esta caixa, alguém aparecerá e dirá: “Tudo bem, então eu acho que devemos arranjar uma van.” “Não, mas uma van é muito.” “Então, o que devemos fazer?” Eles continuarão argumentando até que essa caixa seja encaminhada, tudo seja feito, e Eu volto e digo: “Agora, o que vocês estão fazendo?” “Nós ainda estamos discutindo sobre como levar a caixa.” Ela já foi encaminhada. Hábitos imprestáveis assim, nós devemos abandonar. Nós temos de ter uma nova sabedoria dentro de nós.

Toda essa sabedoria antiga, vocês simplesmente a jogam fora. A menos e até que vocês não façam isso, o seu ego não desaparecerá. Ele não os deixará a menos e até que vocês decidam jogar fora… todas essas ideias que para vocês parecem existir. Vocês têm de ser como as crianças. Tentem aprender alguma coisa nova o tempo todo; nós devemos estar… abertos para aprender alguma coisa nova o tempo todo. Vocês têm de aprender. Vocês perderam isso. Vocês tinham algo que perderam, tantos de vocês. Ao invés de irem em frente, vocês perderam isso. Vocês teriam ficado bem se tivessem se mantido… no caminho correto, vocês teriam alcançado, porque, afinal de contas, alguns países são tradicionalmente muito antigos.

Eles também se perderam, como a Grécia, vocês podem dizer, está perdida. As horríveis tragédias gregas, sentar e chorar por absolutamente nada. Nada aconteceu, tudo está perfeito, as pessoas simplesmente vão, sentam-se e choram. Isso é como você fazer alguém dizer: “Este aqui está morto.” “Vamos agora sentir que ele está morto.” “Sentem-se, todos nós devemos chorar.” É estúpido assim. Tudo isso são problemas artificialmente criados e… tristeza artificialmente criada, porque vocês não têm nenhuma… tristeza verdadeira; vocês não têm nenhum problema verdadeiro; vocês tinham comida para comer, vocês tinham tudo, é por isso que vocês estão criando problemas para si mesmos. É por isso que precisam de psiquiatra, de drogas, disso, daquilo. Por não terem nenhum problema, vocês querem ter alguns problemas, é simples assim.

Aqueles que têm problemas têm de lutar contra isso. Eles não têm tempo para todas essas coisas insensatas. Vocês têm tempo demais. Todos os seus problemas estão resolvidos, no que diz respeito às coisas materiais, mas ainda assim, vocês estão muito envolvidos nisso. Assim, agora, encarem isto, encarem isto claramente: nós não somos mais assim. Nós somos pessoas diferentes. Nós não somos mais vermes na lama, mas somos flores de lótus, nós temos fragrância, nós temos poderes, somos especialmente abençoados. Nós temos um senso especial de alegria. Vamos regozijar isso e dá-lo aos outros… e ser glorificados com isso, sentir a dignidade disso. Eu tenho certeza que isso irá funcionar desta vez, Eu fiz o máximo, Eu acho, e esta palestra deve realmente passar por todos vocês.

Tudo bem, alguma pergunta? Poderia Me dar um pouco de água? Vocês têm alguma pergunta? Eles talvez achem que Eu beberei daqui. Uma ideia moderna que talvez Eu beba daqui. Não há nenhuma necessidade de ter um copo, a Mãe talvez goste de beber daqui. Tudo bem, alguma pergunta? Em consciência sem pensamentos. Agora, continue fazendo isso, continue em consciência sem pensamentos. Sem dúvida, você está arruinado, continue meditando.

Manter-se arruinado, isso é coisa deste ego. Algo um pouco rudimentar ainda está lá, afaste-o. Isso é meditação. Onde não há mais nenhum ego. Você está em consciência sem pensamentos, totalmente impressionado. Não consegue pensar. Mas Eu tenho feito isso, não é bom. Vocês devem fazê-lo. Esse é o ponto ao qual Eu estou voltando novamente. Tenham a sua própria personalidade.

Se os punks puderam se comportar daquele jeito, por que vocês não podem se comportar sensatamente? E também, Eu tenho de dizer algumas palavras sobre como nos comportarmos na nossa vida diária, porque a Mãe tem de se certificar de que… os filhos não sejam mal-educados. As pessoas não devem dizer que os Sahaja Yogis são mal-educados. O primeiro sinal de um filho mal-educado é… que ele deixa a cama desarrumada. Ele deixa todas as coisas dele bagunçadas. Enquanto estava chegando, Eu vi todas as camas. O que estamos fazendo aqui? Nada. Então coloque-se numa disciplina… de levar uma vida de maneira organizada. Como uma Mãe, Eu tenho de lhes dizer isso.

Isso mal leva de dez a quinze minutos, mas simplesmente diga a si mesmo: “Isto é meditação”, faça em estado meditativo. Nós na Índia achamos que os ocidentais… são extremamente alinhados e organizados. É verdade, eles não conseguem acreditar nisso. Eles acham que vocês estão no topo do mundo. Vocês devem ser as pessoas mais organizadas que jamais viveram. Eles disseram dez vezes: “obrigado.” Mas nem mesmo uma vez, vocês manterão sua cama arrumada. Suas coisas devem estar em ordem. Vocês devem se manter bem cuidados, parecerem apresentáveis. Depois, a segunda coisa que Eu tenho visto, Eu notei… que isto foi falado por muitas pessoas, que Eu também tenho notado: vocês vão à casa de alguém, então uma pessoa mal-educada… começará a usar o telefone sem pedir.

Certas coisas são importantes compreender. Como, por exemplo, entrar na cozinha comendo tudo. É uma coisa muito comum, as pessoas estão notando isto: vocês pegam a comida como pobres, eles entram na casa como mendigos. Havia pelo menos 21 garrafas de mel… que as pessoas Me deram de presente. Quando Meu genro chegou, não havia nem uma garrafa para Eu lhe dar mel. Então, quem comeu? Todos os Sahaja Yogis vieram e comeram o mel. Quero dizer, está tudo bem, mas vocês devem pedir. Vocês consumiram tudo rapidamente na casa. Tudo bem, vocês chegam, há comida para vocês, apenas comam sua comida.

Se vocês forem à despensa ou for a qualquer lugar, você descobre que está faltando tudo. Você faz compras para o mês inteiro, e você descobre que tudo foi consumido rapidamente. Assim, uma pessoa mal-educada pode ser identificada desse jeito. Mas vocês ficarão surpresos, uma pessoa de boa educação, mesmo se este tanto de uma outra pessoa for deixado, essa pessoa o guardará, e o guardará até que isso seja desconsiderado. Eu lhes falarei sobre o Meu próprio marido que é – que não precisa se preocupar com isso, mas se ele sabe que… temos alguma coisa de uma outra pessoa, ele a trancará e se certificará o tempo todo se está lá… até que ele o devolva para a pessoa. E o mesmo, Eu posso dizer sobre Minhas filhas… ou qualquer um que Eu conheça. Mas isto é coisa de mendigo, você pegar coisas de alguém, fazer mal uso, jogar fora onde você tem vontade e quebrar tudo. Mas Eu tenho visto com Minhas próprias coisas. Quando os líderes se queixaram para Mim: “Eles vêm às nossas casas, consomem tudo…” “de nossas geladeiras rapidamente e tudo mais”, Eu não fiquei surpresa. A Sahaja Yoga se tornou como um “resort”… para todos os mendigos e pobres do mundo, porque ela é gratuita.

Todas as pessoas pobres vêm para a Sahaja Yoga… e você tem de alimentá-las e cuidar delas. Não deve ser assim. Você pode ser pobre, mas você tem de ter dignidade. Até mesmos os criados na Índia são melhores. Eles não tocariam em nossas coisas sem perguntar. Eles têm muito mais educação. E uma pessoa mal-educada é uma pessoa que é rude, arrogante. Vocês podem dizer a mesma coisa de uma forma apropriada. Como uma Mãe, para Me darem uma verdadeira glória, as pessoas devem dizer que vocês são filhos muito bem-educados. Um tipo de sistema deve existir.

Um sistema espartano, é um sistema espartano. Não é de forma alguma um tipo de sistema malfeito. É um sistema espartano. Nós somos yogis, devemos ser apresentáveis, organizados, o tempo todo limpos… com poucas coisas. Por exemplo, na Índia, as pessoas ficam muito chocadas. Vocês carregam malas enormes… e leva-se de tudo para as mulheres, especialmente todos os cosméticos e isso e aquilo. Onde vocês usarão esses cosméticos diante dos aldeões de lá? Eles não compreendem. Todas essas coisas, nós temos de ver por nós mesmos. Nós temos de ser dignos.

Nós temos de ser pessoas de personalidade. Vamos supor que alguém seja um santo. Ele pode ser um homem pobre, mas você pode identificá-lo pela dignidade dele. Havia um santo chamado Tukhaarama, do qual vocês ouviram falar, esse “Amhi Bi Ghadalo” origina-se de sua música. Ele era pobre e muito generoso também. Ele costumava doar tudo e sempre deixava muito pouco para ele. Então Shivaji Maharaj, o grande Shivaji foi até a residência dele, trouxe muitos ornamentos e coisas e presentes… e os deu para sua esposa e filhos. Ele estava fora. Ela ficou muito feliz por usar todas aquelas coisas, porque ele deu. É claro, no começo, ela também disse: “Isto não está correto.”

Mas ele disse: “Não, eu estou apenas tentando…” “apresentar meus cumprimentos a vocês”, isso, aquilo, e deu. E ela usou aquilo. Ele chegou e disse: “Não, eu sou um santo.” “Leve estas coisas. Você é um rei, você tem de viver como um rei.” “Tudo bem, como um rei, você pode ter isso.” “Mas não como um santo. Eu não preciso de tudo isto.” “Minha esposa não precisa de todas estas coisas.” “Porque você está vivendo como um rei,” “talvez você seja uma alma realizada também, mas você é um rei,” “então viva como um rei.”

Mas a pessoa tem de compreender que na Sahaja Yoga, você não deve… andar também como uma pessoa pobre. Vocês têm de estar vestidos adequadamente, apresentar-se apropriadamente. Vocês não devem parecer como mendigos, mas vocês devem parecer pessoas dignas da sociedade. Agora, por exemplo, como vocês sabem, Eu sou a Deusa, e a Deusa tem de usar Eu não sei quantas joias… apenas para adornar os chakras Dela. Quero dizer, Eu tenho muitas joias que são Minhas. Mas, Eu as uso somente no puja, caso contrário Eu não uso. É esperado que Eu use muitas coisas. Por quê? Porque talvez isso não fique bem. Talvez seja nobre, mas pode não ficar bem usar… todas essas coisas o tempo todo.

Mas espera-se que Eu use. Por exemplo, espera-se que Eu use muito mais coisas nas mãos aqui, anéis nos dedos dos pés, tudo o tempo todo, você tem de… usar ouro no, como vocês chamam o…? Vocês não têm aquele… ornamento aqui que amarramos como um cinto. Mas Eu não faço isso. Eu mantenho isso de lado, somente no puja, Eu uso algumas dessas coisas. Assim, vocês devem ter esse discernimento sobre o que usar, como usar, até que ponto ir, como parecer digno, como ser bem-educado, de modo que vocês honrem a educação de sua Mãe. Desta vez, Eu espero que quando todos vocês forem à Índia, vocês observem todas essas coisas entre os indianos. Vocês nunca os verão comendo; vocês nunca os verão tomando o banho deles; vocês nunca os verão dormindo. Vocês não sabem como eles vivem, onde eles vivem, como eles trabalham, tudo, eles estão simplesmente lá, no lugar, a qualquer momento que vocês estiverem lá. Não é verdade?

Eles tomam os seus banhos; eles terminam tudo, de manhã cedo por volta das quatro ou cinco horas, eles estão fora de casa de forma espartana. E sempre limpos, quer seja um aldeão, quer ele seja da casta Shedule ou um Brahmin ou qualquer coisa. Todos eles estão vestidos elegantemente, vocês não conseguem distingui-los. Limpos, eles vestirão roupas brancas. Ele usarão chapéu indiano branco limpo. Eles nunca usam roupas sujas. Assim, esse é um outro lado, que não é tão sublime, o lado grosseiro e não tão sutil, mas é muito importante, porque seja o que for que esteja no sutil, expressa-se externamente. Em todo o comportamento de vocês, isso brilhará, como milhares de facetas de um diamante, porque vocês participaram agora do Dia do Sahastrara. Vamos ver. Nós mostramos o que vocês têm: milhares de facetas.

Amem uns aos outros, respeitem uns aos outros, respeitem-se… e o tempo todo, recitem um mantra dentro de vocês mesmos: “Eu sou um Sahaja Yogi.” Isso diz tudo sobre suas responsabilidades, quais são suas aspirações, o que vocês são. Você é um Sahaja Yogi. Renascido pela própria Adi Shakti. Qualquer problema pessoal que tenham, vocês devem… escrever para Mim e Eu tentarei responder. Se Eu não responder, então pensem que Eu dei um jeito de responder. Se Eu não responder, então pensem que Eu dei um jeito de responder, mas se há algo para ser sugerido, Eu certamente os informarei. Qualquer outro problema. Mas, por exemplo, uma senhora veio hoje, ela estava chorando por causa do marido dela. Ela fez isso antes também.

Hoje novamente, ela está chorando. Ela ficará louca. Um Sahaja Yogi não deve chorar. Superem seus problemas; tentem lidar com seu marido; tentem lidar com tudo. Eu não gosto muito do divórcio, mas se alguém é um caso perdido, tudo bem. Eu diria: “É um caso perdido, divorcie-se.” Mas desnecessariamente, apenas porque não há ainda… uma compreensão adequada, a pessoa não deveria chorar, lamentar e fazer todas essas coisas. Pelo contrário, a pessoa deveria tentar superar… seus próprios problemas pessoais, porque vocês têm poderes. E vocês podem escrever para Mim, não cartas muito longas. Eu fico perdida.

Sim, realmente, Eu fico perdida. De manhã, há tantas cartas para Eu ler, cada uma melhor do que a outra, e Meu marido também recebe muita correspondência. Mas ele diz: “Ninguém me escreve cartas de amor,” “todos eles me escrevem sobre as contas deles a serem pagas.” Eu disse: “É exatamente igual.” Você poderia traduzir isso, Gregoire, se eles quiserem. Cartas… Cheias de problemas. Eu disse: “Eu tenho de pagar pelo amor deles.” Isso é o que acontece. Mas as crianças escrevem cartas muito doces. Elas apenas fazem uma pintura ou algo assim, ou algumas flores e umas poucas coisas lá, só isso.

Elas farão um coração e Me colocarão lá ou algo assim. Muito doces, elas fazem coisas muito doces, e elas expressam apenas alegria e felicidade. Elas nunca têm nenhum problema. Elas não têm problemas. Elas não são complicadas. Vocês se agarram aos problemas, este é o problema. Elas não têm problemas de nenhum tipo. Assim, vocês não Me disseram, nenhum de vocês, nada que vocês querem que seja feito. Agora, a única coisa, finalmente, que Eu gostaria é que… vocês ouvissem Warren, que lerá em voz alta… para vocês os programas que nós teremos neste verão. Venham à frente.

O programa de Shri Mataji para o resto da Itália, eu acho que é conhecido. Ela retornará para a Inglaterra – A Senhora retornará na segunda de manhã, Shri Mataji? – Sim – Segunda de manhã. E Ela chegará na França dia 17… e retornará dia 22. não dia 24, como planejado originalmente. O propósito inicial de ir para Espanha nessa época… foi postergado agora para não muito mais tarde. E o próximo programa será em junho, no dia 7 de junho, Ela irá… Não, não, não, depois Eu irei a Houston. Perdão, sim, a Senhora ficará três dias em Houston, sim. Sim, dia 20 visitarei Londres, só isso. Dia 28, eu acho, a Senhora irá a Houston e depois volta… Dia 27, Eu acho, Eu irei. Eu não tenho essa data, Mãe.

Sim, irei dia 27. Depois volta para Londres, e depois vai para a Suíça. Dia 7 de junho para a Suíça… e Ela retorna para Inglaterra dia 15. Depois tem um programa na Escócia… no fim de semana do dia 21. Isso ainda não está certo, mas veremos. Depois em julho, Ela irá para a Áustria dia 5. O Guru Puja não será dia 13, mas dia 12. Sábado, dia 12. Depois dia 13, Ela ficará lá ou possivelmente irá para a Alemanha, mas em qualquer caso, dia 14 e 15, haverá programas na Alemanha. Dia 15, terá um Puja na Alemanha… e Ela retorna para a Inglaterra dia 16.

Depois em agosto, Ela vai para Bélgica e Holanda, no domingo, não sábado. mas sábado, dia 10, – À noite. – À noite. Puja. Para Bélgica e Holanda. Na Bélgica ou Holanda, onde a Senhora decidir ter o Puja, É melhor ter o Puja no lugar em que teremos programa na segunda. Então será em… Na Bélgica. Então dia 23 teremos um Puja na Bélgica. Depois dias 11, 12 e 13 teremos três programas públicos, Um em Gant, um em Bruxelas e um na Antuérpia. Depois dias 14 e 15 teremos programas públicos em Haia.

E depois no sábado, conforme quiseram, haverá um seminário… para todas as pessoas na Bélgica e Holanda, para participar do “follow up”, para eles se estabelecerem, e depois Shri Mataji retornará para Londres à noite. Celebraremos o Raksha Bandhan na Inglaterra dia 19, e no dia 23. Ela parte para os Estados Unidos, onde estaremos a partir do dia 23 até 14 de setembro. Então teremos o Krishna Puja dia 27 de agosto… e o Ganesha Jagruti dia 7 de setembro. Depois Shri Mataji provavelmente retornará para a Inglaterra. E depois Ela vai para a Espanha em data a ser decidida. – Logo depois disso. – Imediatamente depois… Por volta do dia 14 estamos de volta? Estaremos de volta dia 14. Será num sábado ou domingo?

Não tenho certeza, Shri Mataji. 14 de setembro. Os espanhois ainda estão aqui? Ou eles foram embora? Dois estão aqui, Juan Antonio está aqui. Dia 14 é um domingo. Eles gostariam de estar lá por um fim de semana ou em dias de semana, Esse é o ponto para vocês decidirem Nós também temos de ir a Montpellier. – Por um ou dois dias? – Por um dia. Não, os espanhois estão mais disponíveis no fim de semana… nos dias da semana?

Dias da semana. Dias da semana. Então Eu posso voar na terça… ou na segunda, Eu posso voar e na terça podemos ter um programa. terça, quarta, quinta, três dias, tudo bem? Sim, então Eu posso – nós temos de ter um Puja. Então na sexta… Tudo bem, na segunda seria melhor. Segunda, terça, quarta, quinta… – Na sexta, Eu posso ir para… – Montepellier. Shri Mataji tem de ir da Espanha para sul da França, Montpellier. Eu posso vir no domingo à noite, e na segunda de manhã vocês têm um Puja, é melhor. E termos programas depois do Puja é muito melhor… do que ter programas depois, as Minhas vibrações também estão liberadas.

Segunda de manhã, teremos o Puja. Assim na terça, qual é o dia? Eu lhes darei os saris até lá. 16 de setembro, Shri Mataji voará para Madri. Não, não. Domingo é dia 14. Domingo Eu estarei voltando. – Quando a Senhora deseja ir para… – Londres, próximo domingo é o… – Quando é o domingo seguinte? – O domingo seguinte é dia 21. Ah, dia 21.

Então dia 21 a Senhora voa para Madri. O Puja na segunda? Segunda, Puja matutino na segunda. Programas? Terça, quarta… Ou podemos ter o Puja no domingo à noite, se vocês quiserem. Que se ajusta melhor, domingo à noite. Para o Puja, domingo à noite será melhor, então domingo de manhã Eu irei. Domingo de manhã, dia 21, Eu chegarei, tudo bem? Então domingo teremos o Puja. Segunda, terça, quarta, Eu poderei estar lá, quinta, Eu irei para Montpellier e Eu posso retornar de lá para Londres.

Quantos dias? Três dias são o suficiente? Três. Quantos dias vocês querem, Ela disse. Mantenha assim. Assim, pelos menos terão domingo, segunda, terça, quarta. Tudo bem, quatro dias. Do dia 21 até quinta, depois Ela vai para Montpellier… Quinta de manhã Eu irei para Montpellier. Quinta à noite teremos um programa lá, e depois… Depois de Montpellier, volta para Londres dia 27. Tem um voo direto?

Voos de Madri para Montpellier. Descubra, tudo bem? Mas se há um voo de lá para Londres, é bem fora do caminho. Há voo entre Montpellier e Londres. – Tem? – Sim Então por que não Montpellier primeiro? Perdão, Patrick me disse que há um voo de Montpellier para Londres. Então por que não fazer Montpellier primeiro e depois ir para Espanha? Patrick me disse que há um voo para Montpellier de Londres. Mas de Montpellier para Espanha, tem voo ou não?

Primeiramente descubram isso. Mas mantenham isso por volta daquela data, Dexe-os saber em definitivo, quando ele concluir Montpellier. Nenhum voo. Juan Antonio irá descobrir, manteremos contato. Nós os manteremos informados, porque agora depende dos voos de e para Montpellier. Tudo bem, de qualquer forma, mantenha esse programa com eles. Do contrário, farei uma coisa ou outra, seja o que for, Antes de mais nada, mantenha essa programação, em definitivo. Se Montpellier não der, França está lá, está tudo bem. Eu posso fazer isso mais tarde, não importa. Mas isto Eu tenho de fazer: a Espanha de forma adequada.

Tudo bem? É bastante esquisito, Eu acho, ir de lá, não é? Não há nenhum voo. De Madri para Montpellier seria um problema, então… A distância é um problema, é claro a Senhora deve viajar de avião, Porque se a Senhora for para Londres ou de Paris para Madri, isso é bem difícil, Paris, Montpellier, Madri… É demais para Mim, e Eu tenho de viajar de volta, Eu estarei vindo dos Estados Unidos, então esqueça Montpellier, de uma forma ou de outra, tente falar com eles para esquecer isso. Veja, temos de pensar até onde Eu consigo ir. Depois Eu tenho de voltar para Índia. Dia 6, dia 5 ou 6. Então Eu mal tenho tempo de Me preparar para ir. Também é melhor manter assim, só lhes diga que… talvez não seja possível, então Eu volto na sexta, seria melhor. Não posso vir no sábado à noite, e no domingo de manhã poderemos ter o Puja.

Se vocês quiserem, e no sábado Eu chego, no domingo, o Puja. Segunda, terça, quarta e na quinta de manhã, Eu volto para Londres, porque Eu mal tenho duas semanas para ir para a Índia. É demais, não será possível fazer isso. Todos eles podem vir para a França. Eles podem vir para Paris? Não há nenhum problema, Shri Mataji, tudo bem. Deve ser todas as pessoas, e temos lugar lá para as pessoas ficarem. Durante essa época, não tem problema. França, quando estaremos indo? Dia 17?

Philip ligou agora? Não, Shri Mataji. Depois de algum tempo, pode acontecer que… Eu Me estabeleça em um lugar e todos vocês tenham de ir lá, porque Eu não poderei viajar tanto, Eu só posso lhes dizer isso… Tudo bem. Por enquanto. Vocês devem também entender que até agora Maomé foi às montanhas, agora as montanhas têm de vir à Maomé. Tudo bem. Então, muito obrigada. Vocês não Me contaram nenhum dos seus problemas. Assim, Eu acho que não há nenhum problema. Amanhã de manhã, talvez Eu não possa encontrá-los.

Assim, que Deus abençoe todos vocês. Deem um bandhan em si mesmos agora, todos vocês. Adequadamente, com total atenção, com total dignidade, com o movimento completo. Vejam, completo. Nada deve ser feito de qualquer jeito. Eu não preciso de nada, mas vamos fazer isso para agradar todos vocês. Na Índia, eles perguntaram: “Se Ela é a Deusa, por que Ela diz ‘namaskar’ para todo mundo?” Eles não conseguem entender a Deusa dizendo “namaskar”.