Puja em Ganapatipule

Ganapatipule (India)

PT


Send Feedback
Share

Puja em Ganapatipule, Índia 06.01.1988

É dito que Deus é Satchitananda. Ele é a Verdade, Ele é a Atenção e Ele é a Felicidade. Na Sahaja Yoga, primeiro você descobriu a verdade. Você descobriu a verdade nas pontas de seus dedos. A verdade que você pode descobrir… em seu sistema nervoso central é a Verdade. Primeiro você descobre a verdade e você pode falar sobre ela. conversar sobre ela, explicá-la, mas você não pode dá-la aos outros… a menos e até que a outra pessoa tenha a Realização. Então a verdade tem de ser testada. A pessoa tem de testar na ponta dos dedos a existência da verdade. Senão todos os tipos de descrições são de nenhuma utilidade. Ninguém pode entender sobre o que você está falando, quando você fala com eles que você pode sentir o Poder Onipresente… do Amor de Deus em sua volta.

E então você começa a experienciar sua atenção. Você começa a sentir que… há alguém, alguma energia, algum poder, alguma organização que está cuidando de você. Gradualmente, você descobre que sua própria atenção se torna ativa. Hoje Eu estou feliz em dizer que… Eu posso lhes falar todas essas coisas tão abertamente, tão claramente. Mas você consegue acreditar que há 20 anos atrás, mesmo na Índia, ninguém podia falar sobre isso? Porque era algo agamya, que não deve ser conhecido, que não deve ser compreendido. Em razão de sua atenção ter se tornado iluminada, com sua atenção iluminada, vocês estão Me ouvindo, é por isso que vocês estão entendendo o que Eu estou dizendo. Sua própria atenção se tornou ativa agora. E isso o deixa perplexo às vezes, quando você vê… quantos poderes você obteve. Assim, através de seu despertar da Kundalini, sua atenção obteve uma dimensão mais sutil… que lhe dá uma atenção ativa.

Antes disso, você costumava fazer o jogo de sua atenção. Qualquer coisa que acontecesse, você virava sua cabeça para aquilo, qualquer coisa que fosse chamada de algum tipo de evento… ou algo atrativo para você, você ficava colocando sua atenção naquilo. Sua atenção ia para as coisas que estavam controlando você, como se, como se eles tivessem o controle sobre você. Mas depois de ter a Realização, sua atenção, ela própria está sob seu próprio poder e ela atua. Primeiro na Índia, nós tivemos um governo estrangeiro, então nós tínhamos de agir de acordo… com o desejo dos governadores estrangeiros. Então nós achamos que seria melhor ter a independência, ter nossos próprios governadores. Então nós alcançamos a liberdade politicamente, temos nossos próprios governadores que nos governarão… de acordo com o nosso próprio desejo… e não seremos escravizados pelos desejos dos outros. Mas isso não é liberdade de forma alguma, porque sua atenção ainda está presa. Ela tem as algemas… de todos os tipos de coisas insensatas sobre ela. Ela se desloca o tempo todo para coisas erradas.

Mas depois da Realização, a atenção se torna nirmala, livre, samarthiya, poderosa. Ela atua porque ela está completamente livre agora. A menos e até que você seja completamente livre, você não pode atuar. Esta é a maior bênção da Sahaja Yoga… que sua atenção tenha se tornado tão livre. Ela atua da forma que você quis atuar e ela comunica. Ela comunica para você. A verdadeira comunicação começa. Um dia, um senhor a quem foi dado, a quem Eu dei a Realização pela primeira vez, ele obteve a Realização, ele foi o primeiro a obtê-la. E ele foi a sua congregação… onde ele sentiu que havia alguém mais que era uma alma realizada. Então ele olhou em volta e viu uma senhora sentada lá… que tinha a Realização.

Ele veio e Me perguntou: “Mãe,” “a Senhora deu a Realização a tal e tal mulher.” Eu disse: “Eu dei.” Assim, essa comunicação entre a realidade e você mesmo… é estabelecida através da atenção, porque na atenção agora, há liberdade para saber. Mas na atenção agora, nós temos de observar que há muitas outras coisas… que têm nublado a consciência da atenção. Essa névoa surge com nosso condicionamento e nosso ego. E esse condicionamento pode ser muito, muito forte. Eu diria que na Índia, somos pessoas excessivamente condicionadas, porque somos criados tradicionalmente. E nós não vemos o que é bom na tradição… e o que é ruim na tradição. Tudo que for bom, nós temos de preservar… e tudo que é ruim, nós temos de jogar fora. Seja qual for a tradição ser o melhor é uma ideia totalmente errada.

Então uma atenção assim que é tão atolada… ou você pode dizer, completamente coberta com condicionamento, não pode se comunicar com a realidade. Embora a realidade esteja ansiosa para comunicar e dizer… ou informar sejam quais forem os desejos do Divino, mas como nós somos muito carregados com nosso condicionamento, ela não consegue comunicar. Você está amedrontado com a sociedade, você está amedrontado com a vinhança, amedrontado com nossos parentes, que não são mais nossos parentes… de forma alguma, não temos nada a ver com isso porque eles não têm… nenhuma comunicação com a realidade. Nós somos aqueles que obtiveram agora… a comunicação com a realidade. Então com a parte relativa ao ego, com nossas ideias futurísticas, nós queremos desenvolver isso, queremos fazer isso, queremos alcançar aquilo. Isso também entorpece nossa atenção… e a coloca nas algemas do ego, o que é pior ainda, Eu diria. Pelo menos o primeiro… Algumas crianças têm uma bela atenção e outras não têm. Eu não culparia sempre os pais, mas é claro, parcialmente… eles são responsáveis. Nesse estágio, se a atenção delas não é boa, em qual idade elas irão se aprimorar? Os pais as mimam, as estragam, então as crianças não podem ter uma boa atenção.

Aqueles que são Sahaja Yogis sem convicção… ainda estão na periferia. E podem ser a qualquer momento trazidos para o oceano de ilusão. Vocês têm de ser Sahaja Yogis perfeitos. Algumas pessoas acham isso fácil, fogem disso dizendo: “Tal pessoa é muito melhor do que eu.” E depois também cruzaram os braços, dizendo: “Oh, eu sou inútil.” Então é melhor você sair. Aqui o Divino precisa de pessoas que farão o trabalho do Divino. Mas mesmo se você lhes pedir para sair, eles ficarão cada vez mais grudados. Isso não vai ajudá-los, porque eles acham que é bem-aventurado, talvez alguns deles pensem que eles podem ter alguma vantagem material. Alguns deles acham que podem ganhar alguns presentes em Ganapatipule.

Uma compreensão de nível muito baixo. Então essas pessoas estão nos perturbando e são inúteis, A coisa mais importante é limpar seu coração. Eu tenho visto que os relacionamentos… é a maior maldição nos indianos. E a segunda é o sistema de castas. Eu conheço uma mulher que é totalmente inútil para a Sahaja Yoga, mas suas irmãs ficam lhe dando apoio. Eu sei tudo isso e como resultado, elas estão se perdendo na Sahaja Yoga… e o cunhado se tornou de repente irascível. Mas se Eu lhes falar, elas não escutarão… até que elas estejam completamente acabadas, todas elas, essa mulher ficará grudada. A menos e até que essa mulher limpe seu coração, ela não deve vir para a Sahaja Yoga e obrigar todos os parentes. Esse tipo de compreensão de baixo nível da Sahaja Yoga… os levará a nenhum lugar, e quantos de vocês irão sair, Eu não sei. Você não saberia nem mesmo quando você está bloqueado… e o que está acontecendo se você se mantiver fiel a esses relacionamentos.

O outro é um outro mito de um sistema de castas neste país, que é o maior câncer que você pode imaginar… para um pais tão divino como este. É a maior maldição, mas no ocidente, nós temos outras maldições, embora vocês tenham se livrado de todas essas coisas do passado, vocês têm maldições modernas. E as maldições modernas são piores ainda, de certa forma, porque elas não são problemáticas de forma alguma. Pelo contrário, eles mostram como se… você estivesse no topo do mundo, que você é muito bem sucedido. Nas maldições modernas, a situação é a atitude: “O que há de errado?”. Eles persistem nesta ideia a uma grande extensão: “O que há de errado?” Você tem de ser egoísta em relação a isso. Você tem de pensar em si mesmo… e não nos outros e em sua sociedade, em seu desenvolvimento, você é assim chamado de “revolução industrial”. Isso já os amaldiçoou. A revolução industrial já os amaldiçoou.

Vocês estão comendo comida enlatada. Vocês têm animais híbridos para lhes fornecer leite, amanhã vocês terão mães que são híbridas. Vocês estão tendo divórcios, vocês estão tomando drogas, todos os tipos de coisas que são maldições nos seres humanos… são realizadas através desses condicionamentos modernos em vocês. Tornar essa atenção limpa… deveria ser o único esforço de um Sahaja Yogi. A Sahaja Yoga não é um passatempo, para muitos ela é apenas um passatempo. Seus trabalhos, seus negócios são o mais importante. A Sahaja Yoga é apenas um passatempo. Eles estão bem por enquanto. Até quando eles continuarão bem? Eu não posso dizer.

Portanto limpe sua atenção primeiro, então tudo vai dar certo. Mas observe que em sua atenção, você dá importância às coisas… que não têm nenhuma importância de forma alguma. Nesse respeito, Eu diria que você tem de ser individual… para saber que sua atenção tem de ser limpa. “Aonde minha atenção está indo?” Formar grupos é a pior maldição que nós temos nos países ocidentais. Eles formarão grupos sob qualquer nome. Vamos supor… que haja pessoas ruivas, eles formarão uma liga dos ruivos. Dessa maneira, Eu diria que… as pessoas são no mínimo individualistas. Seja o que for que eles digam, que eles são democratas, Eu diria que são no mínimo individualistas. Se uma mulher começa um tipo de penteado, todas as mulheres fazem o mesmo, exatamente como burros.

Se os homens não colocam óleo no cabelo, todos os homens não colocarão óleo em seus cabelos. Eu não sei o que parece ter boa aparência, o cabelo despenteado, Eu simplesmente não entendo. Essa é a moda agora, ninguém colocará óleo no cabelo. Mesmo que possa lavá-lo, eles não colocarão óleo. Esta é uma coisa tão simples: você precisa de óleo em seu cabelo. Mas todas essas ideias modernas são anti-vida. Eles estão lhe ensinando algo que o fará ficar careca. Às vezes você perde suas orelhas ou seu nariz ou seja o que for. Colocar essa coisa nos ouvidos o tempo todo e… ouvir essa música o tempo todo e andar nas ruas, nesses patins, isso é realmente loucura, Eu acho, estupidez, totalmente. Mas é considerado ser algo muito moderno.

É tudo atividade anti-vida acontecendo. Colorir os cabelos, vermelho, amarelo, verde, não vestir nenhuma roupa quando está tão frio, sentar-se no sol queimando sua pele, comportar-se indecentemente, indecorosamente, isso é ser moderno. “O que há de errado?” Nada está errado, você apenas vai para o inferno, só isso. Se isso não significa nada, dê dois pulos e vá para lá, mas deixe a Sahaja Yoga. Agora, a atenção tem de ser limpa de certo modo que meditemos… dentro de nós mesmos e simplesmente entre dentro de si mesmo, mas veja por você mesmo o que você é, como você é belo, como você é glorioso, como você é sutil. Mas nas coisas estúpidas, eles são individualistas, por exemplo: “Este é meu tapete e esta é minha casa,” “esta é minha mobília.” E eles controlam os outros com isto: “Esta é minha mobília,” “não sente nesta cadeira, não estrague meu tapete.” Quando você morrer, você não será enterrado nem mesmo com o tapete. Como os faraós egípcios eram enterrados com todas as suas coisas.

Isso não é possível atualmente, porque você não tem muito espaço… para enterrar. Assim, ficar grudado em coisas insensatas… de modo a não prestar atenção em coisas importantes… é totalmente um abuso de sua atenção… e isso tem sido alcançado… através de suas assim chamadas ideias modernas de individualismo. Não há nenhuma integração da compreensão… e a coisa toda está quebrada em pedaços. Entre esses dois extremos horríveis, Eu ousei começar a Sahaja Yoga, para juntar todos vocês lá no centro. Como? Com amor muito intenso. Com esforço muito intenso… e um completo compromisso de que Eu vou salvar este mundo. Isso tem atuado tão bem agora, Eu posso ver todos vocês entrando no terceiro estágio de alegria. E a felicidade é o que Eu quero que vocês tenham… e não a autodestruição ou estúpidas pressões que condicionam. Felicidade, e a felicidade não tem duplo significado, ela é absoluta.

Fazê-los alcançar essa sutileza de modo que começem a desfrutar… o gosto da felicidade, não a vibração, mas sim a felicidade… além do seu sistema nervoso central, onde ela não pode ser expressada em palavras. Ela se expressa em seus olhos, em seus rostos, na atmosfera, na natureza, em todo lugar, vocês veem que a coisa toda está florescendo em volta. Isso é o que todos vocês têm de alcançar… e para isso, nós temos de saber… que nós não iremos nos curvar a nada… que coloque nossa a atenção em algemas. “A Mãe nos libertou, vamos abrir nossas asas.” “Nós não somos pequeninos pássaros,” “mas agora nos tornamos pássaros…” “e vamos abrir nossas asas e voar no céu de alegria”. Não há nenhuma necessidade para os pássaros voarem. Eles podem se sentar em um lugar, é claro, eles não podem pegar um ônibus, mas eles não precisam. Eles abrem suas asas e voam porque eles gostam disso, como nadar no céu de alegria. Assim, use a beleza desse acontecimento cheio de alegria… para nutrir a si mesmo, para ser feliz, para tornar todo mundo feliz e emancipar este mundo da ignorância. Que Deus abençoe todos vocês.