Puja de Páscoa

Istanbul (Turkey)

2001-04-22 Easter Puja Talk: You Can't Resurrect Yourself Without Controlling Agnya, Istanbul, Turkey, 49' Download subtitles: EN,PT,TRView subtitles: Add subtitles:
Download video (standard quality): View and download on Vimeo: View on Youku: Transcribe/Translate oTranscribe


Puja de Páscoa, Istambul, Turquia, 22.04.2001

Hoje nós nos reunimos aqui para fazer o Puja de Páscoa. Na história da espiritualidade, é um dos dias mais importantes, quando constatamos que Cristo ressuscitou. É muito significativo e simbólico… que na Sahaja Yoga também, o que nós temos feito é ressuscitar para a vida. Isto deve ser compreendido: a ressurreição é a mensagem para todos nós, para o mundo inteiro. Nós temos de nos ressuscitar. Não havia nenhuma necessidade de Jesus fazer aquilo. Mas ele era um modelo, o modelo de um santo, o modelo de uma alma realizada, o modelo de uma pessoa que veio… dos céus para nos salvar. Assim, essa ressurreição é também… parte integrante de nossas vidas. Isso é tão simbólico, tão simbólico, que nós éramos… em nossa consciência pessoas perdidas. Nós não tínhamos nenhum controle sobre nós mesmos… no que se refere a saber o caminho que nossa mente nos dizia para seguir. Nós não tínhamos nenhum equilíbrio na mente… e no nosso ser físico, nenhum equilíbrio de qualquer tipo na vida, e seguíamos a esmo… qualquer que fosse o caminho que achávamos que era bom.

Não havia nenhuma sabedoria em relação a isso. Na realidade, Jesus era a Encarnação de Shri Ganesha. Foi uma tarefa muito difícil que Ele executou. Ele costumava convencer as pessoas… que eram totalmente ignorantes sobre a espiritualidade, que apenas sabiam sobre dinheiro e nada mais. Ele veio naquela época em que as pessoas não tinham… nenhuma ideia sobre espiritualidade, de forma alguma, de forma alguma. Mas de alguma modo, tudo funcionou de uma maneira tão bela… que as pessoas começaram a compreender… que Ele comunicou que a ressurreição é o ponto importante. Ele sabia que quando a ressurreição acontece, a Kundalini se eleva… e o conecta ao Poder Divino, que é Onipresente. Então você começa a compreender que há uma vida além… da vida que você criou. Há um outro tipo de vida, um tipo de vida mais elevado que o conecta ao Poder Divino. E então este Poder Divino lhes dá a Verdade Absoluta.

Se você crescer cada vez mais, você conhecerá a Verdade Absoluta, porque até agora você não conhece. Então nós temos feito coisas erradas, feito da forma errada, ficando perdidos. Também escutando pessoas que estavam apenas se gabando… e que estavam dizendo que conheciam a Verdade. Mas quando você próprio descobre a Verdade, você é uma pessoa diferente. Sua descoberta é tão inata e tão real… que você descarta tudo que é irreal. Muito facilmente você pode descartar isso… e não acha difícil se livrar disso. Nesta conferência, como vocês sabem, nós temos mais muçulmanos, islâmicos, que têm sido tão desencaminhados no mundo inteiro. Tem sido dito para eles todos os tipos de histórias… e o ódio entre as pessoas ou outras coisas. Esses bhoots islâmicos estão indo de mal a pior… e as pessoas querem acreditar nisso. Especialmente em Meu país, há um problema muito, muito grande… com essa influência islâmica, porque eles não estão em nenhum lugar próximos do Islã… e não tem nada a ver com o Profeta Maomé, mas eles estão pensando… que estão corretos e que o que eles estão fazendo é o correto.

Eles estão tentando difundir a religião muçulmana. De que adianta? Qual é o propósito? Eu não consigo entender. A menos e até que você tenha sua Realização, você é um ser humano inútil, imprestável. Você pode odiar os outros, pode bater nos outros, você pode matar os outros e isso está está acontecento por toda parte. É uma coisa surpreendente que toda essa insensatez esteja acontecendo… em todo lugar do mundo em nome do Profeta Maomé. Então de uma só vez, em um lado você coloca Cristo… em uma outra crucificação, em outro lado, o Profeta Maomé para Sua crucificação. Eles não podem lutar. Eles estão na mesma linha.

Eles estão na mesma compreensão. Como Eles podem lutar… se os discípulos Deles estão lutando de forma tão grave por toda parte, que às vezes isso realmente o influencia, quando você só ouve sobre como as pessoas estão lutando por insensatez. Em Sua vida, Cristo não se casou. Ele não se casou e nunca precisou também. Ele não se casou. E muito jovem, Ele foi crucificado. Essa crucificação mostra que Ele não tinha medo da morte… e Ele sabia que Ele ressuscitaria. Isso Ele teve de fazer através do Agnya Chakra. O Agnya Chakra é, como vocês sabem, é muito constrito. E através dessa constrição, Ele tinha de passar.

Para isso, Ele tinha de ser morto. E Ele aceitou isso. Ele aceitou… com todo coração que essa era a provação que Ele tinha de passar. Da mesma maneira, o seu Sahasrara… só pode ser alcançado através do Agnya… e o Agnya tem de estar aberto. Mas para isso, você não tem de ser enforcado, você não tem de ser crucificado, mas você tem de crucificar seu ego. O primeiro ponto é o ego. Nós temos um tamanho ego que você nunca consegue se livrar dele. Nós temos formas sutis de ter egos, por exemplo: “Eu vim deste país, eu devo ter ego”, “eu vim deste tipo de família, eu devo ter ego.” Eles fazem todos os tipos de coisas estúpidas, que são realmente pecaminosas e eles acham… que eles são muito importantes se eles têm ego. Você tem de lutar contra esse ego, senão sua ressurreição não será possível, sua atenção não consegue passar através do Agnya Chakra.

Enquanto eles nos derem identificações satânicas, isso não dará certo. É um acontecimento muito sutil, um acontecimento muito, muito sutil, de modo que você deve observar o seu próprio ego. Depois da Realização, Eu disse: “Conheça a si mesmo.” A primeira coisa que você saberá… é que você tem muito condicionamento e muito ego. Por exemplo na Índia, você encontra pessoas que têm… muito condicionamento de seus assim chamados rituais, muito ritualistas. Tudo é um ritual para eles e eles não conseguem se livrar disso. É tudo condicionamento, mas o ego é a pior parte no ocidente, mais no ocidente, onde Eu não sei o que eles pensam de si mesmos. Nesse ego, eles se perdem. E eles não conseguem ver o que está errado com eles, com sua própria comunidade, com seu próprio povo, que afirmam ser tal e tal coisa importante. Assim, esse ego realmente tem dominado muito.

Até agora na história, muitos países, nações, têm sido realmente torturados e massacrados, por causa do ego de algumas pessoas. Uma vez que eles se derem conta de… como eles têm sido horríveis, como eles têm sido satânicos, como eles têm sido agressivos, eles desistirão disso. Mas eles têm de perceber e para isso, Eu disse: “Você tem de ter sua ressurreição.” Sem a ressurreição, você não saberá de forma alguma, você não ficará consciente do que você tem feito de errado. É muito, muito surpreendente… como as pessoas continuam fazendo coisas erradas, as divulgam e se mostram como egoístas. Quando Eu leio os jornais, Eu digo: “Todos eles são pessoas estúpidas por toda parte.” Totalmente, muito, muito… estúpidas no sentido de que eles não têm nenhuma compreensão… do que eles estão fazendo. Eles estão simplesmente matando pessoas, desfrutando a matança e são tão violentos, é impossível entender que tipo de vida eles vão ter… depois da morte, mesmo antes da morte. Nessa coisa toda, você vê o quadro todo do mundo. Você perceberá que todos esses países que ainda estão lutando… por insensatez são muito, muito pobres, estão tendo momentos muito ruins… e eles estão prestes a serem completamente destruídos.

Mas eles não querem ver por que eles estão sofrendo, por quê, o que está acontecendo, qual é o problema. Nos países onde há riqueza, muita riqueza, eles também se perderam. Eles também precisam da ressurreição. Eles têm de se elevar acima do materialismo… e ver por si mesmos que o que eles estão fazendo é errado. Eles são, na verdade, como trapaceiros. Eles estão enganando a sociedade o tempo todo. Eu acho que toda a economia é baseada na trapaça, pelo modo como eles conseguem enganar as pessoas. E nessa trapaça, você nem mesmo se dá conta de que está fazendo algo… para tornar as pessoas tão inseguras. Assim, esse negócio de dinheiro também é tal que… ele o torna muito ganancioso e você começa… a dar muita importância ao dinheiro. Isto é uma coisa que deve ser compreendida a partir da vida de Cristo: Ele era um homem muito simples, pobre, filho de um carpinteiro.

E para Ele, o dinheiro não era nada além de uma coisa totalmente inútil. Para Ele, o Espírito era tudo. E Ele ficava pregando e falando para as pessoas… que você deve ter o despertar espiritual. Muito importante. Tente entender que há vida além de tudo isso… e então você deve obter os melhores resultados dessa vida, a qual você simplesmente está desperdiçando. Ele era tão inteligente e… a forma como Ele discutiu com todos aqueles grandes padres da igreja… sobre religião e tudo mais. É impressionante como um menininho… podia compreender tão profundamente sobre religião. Ele era um menininho naquela época, sem dúvida, mas Ele era uma pessoa Divina, criado pelo Divino. Ele era Shri Ganesha. Ele é o Aum.

Ele é o conhecimento, tudo. Apesar disso, ninguém O reconheceu, porque eles não puderam reconhecer a Verdade. Eles não puderam compreender a Verdade. Eles eram tão estúpidos que… eles só podiam adotar algo que fosse falso, que fosse ruim. E por fim, eles O crucificaram. Este é um mundo estranho onde os santos são crucificados… e aos demônios é dada muita importância. Mas agora, o momento chegou… para todas essas pessoas que estão cometendo erros, que estão tentando reprimir os outros, elas serão reprimidas. Todas elas serão expostas. Eu lhes disse que este é o ano da exposição. Todos eles serão expostos se estiverem fazendo todas essas coisas… de agressão e de ganância.

Toda a ganância deles será completamente exposta… e eles serão jogados no inferno. Isso é o que Eu senti para este ano especialmente. Isso tem de acontecer, então a melhor coisa é dedicar-se à sua ressurreição, dedicar-se à sua vida mais elevada… e ver por você mesmo: “O que você está fazendo?” Qual é a coisa mais importante para ter? Dinheiro? Poder? Isso não ajuda ninguém. As pessoas não têm um nome importante com isso. Ninguém se lembra de alguém que é um bêbado. Eles não têm estátuas de pessoas bêbadas.

Então, quem alcança algo mais elevado? Quem alcança um nome importante como Cristo? Aqueles que sacrificaram suas vidas… pela melhoria da humanidade, para ajudar as pessoas. Por que eles fizeram isso? Porque eles amavam os seres humanos; Eles amavam o ser humano. Quando você ama os outros, então você começa a pensar sobre isso: “O que é melhor? O que você pode fazer de melhor para eles?” Agora, há pais que são ignorantes. Eles não sabem o que fazer pelos filhos deles, então eles tentam encantar os filhos com… muitas coisas e comida e isso e aquilo. Mas os filhos, se eles não são criados com amor, eles não terão nenhuma consideração, seja qual for.

Eles se desencaminharão. Mas caso eles saibam que alguém os ama, pelo bem desse amor, eles não se desencaminharão. Eles não farão coisas erradas. Assim, a coisa mais importante sobre Cristo… ou qualquer uma dessas pessoas grandiosas é que eles amaram. Eles amavam as pessoas. Eles amavam todos os seres humanos. Isso é o que nós temos de fazer. Nós amamos a nós mesmos? Somente nossas famílias? Somente nosso país?

Ou amamos o mundo inteiro? Nós vivemos para o mundo inteiro… ou vivemos somente para nossos círculos limitados? Nós devemos descobrir: “Quais são nossas aspirações?” “Quais são nossos desejos? O que nós queremos ter?” Se você realmente está pensando nas outras pessoas… como se elas fossem sua própria família, com amor, isso propicia tanta alegria. Você pode ter qualquer quantidade de joias, pode ter qualquer quantidade de casas, qualquer propriedade, dinheiro, você pode ter qualquer poder, você pode ser o Primeiro Ministro desse país… ou Primeiro Ministro de outro país, mas se você não tem nenhum amor pelos outros, você não pode alegrar-se. Sua alegria só surge através do amor, dessa sua capacidade de amar. Não há nenhuma outra forma com a qual você possa se alegrar. Você pode ter televisão, pode ter música, você pode ter jantares de gala, tudo, mas ainda assim, nada penetra.

Não há nada lá para lhe dar a alegria verdadeira. Isso é o que Cristo nos ensinou, pois Ele tinha amor por todos os seres humanos. e Ele quis prepará-los para a Ressurreição. Ele veio antes da Sahaja Yoga chegar. Se Ele não tivesse feito aquele trabalho, teria sido difícil para Mim alcançar isso. Assim, Ele preparou o palco para a Sahaja Yoga, pois agora o Agnya de vocês está aberto… e através do Agnya, você pode levar a Kundalini para cima… através do Sahasrara e abrir a área óssea da fontanela. Tudo isso que Ele pensou era parte integrante de Seu amor pelas pessoas. E isso é o que Ele fez. E Ele cuidou de muitas pessoas. Ele é uma grande ajuda para nós na Sahaja Yoga.

Sem Ele, Eu não sei… como Eu poderia ter realmente aberto o Agnya Chakra. Porque, como vocês sabem, o bloqueio no Agnya é uma coisa tão horrível. As pessoas continuam fazendo coisas erradas através do Agnya… e elas nunca se sentem mal em relação a isso, nunca acham que fizeram qualquer coisa errada, que elas feriram alguém, que torturaram alguém… ou que fizeram os outros chorarem. Eles continuam com o Agnya deles, mas eles não têm nenhum coração… para sentir o que eles foram capazes de fazer. É somente Cristo que nos mostra: abra seu Agnya, passe através dele. Aqui, eles chamam de terceiro olho. Outro dia, uma mulher veio com uma revista “O Terceiro Olho”… e quando Eu lhe falei o que era aquilo, ela ficou surpresa. Se seu terceiro olho deve ser aberto, isso significa… que Cristo deve ser despertado dentro de você, em seu Agnya. Esse é o terceiro olho. Agora, o que Ele faz?

Ele cria um estado de testemunha dentro de você. Você se torna a testemunha de toda a peça teatral. Você começa a ver toda a peça… e fica impressionado como você fica silencioso, em consciência sem pensamentos… e como você fica observando tudo sem reagir. Isto é que temos de acreditar: Cristo tomou Sua forma em nosso Agnya. O nascimento Dele está lá. A Ressurreição Dele está lá, tudo isso que nós obtivemos já aconteceu. Como um maquinário, todo o ser é feito… e nós temos diferentes chakras e centros. Este é o último centro, o mais difícil, que realmente foi aberto por Jesus Cristo. Ele é Aquele que ousou fazer isso e que o fez tão belamente, de modo que nós também temos agora a capacidade de ver o nosso ego, ver por nós mesmos: “O que estamos fazendo?” “Por que achamos que somos algo excepcional?”

Uma vez que você comece a observar o ego, você ficará surpreso. Seja qual for o trabalho que você faça, seja o que for que você faça, você nunca ficará cansado. Nós ficamos cansados porque o tempo todo o ego fica dizendo: “Oh, você é tão grandioso.” “Você está trabalhando tanto pelos outros.” “Você alcançou tanto”, tudo isso. Então depois o ego continua o tempo todo… ressaltando toda essa gradiosidade falsa sobre nós e ficamos cansados: “Nós somos tão importantes e por que deveríamos trabalhar?” “Por que deveríamos ajudar os outros?” Desse modo, ideias estranhas começam a cair dentro de nossa mente… e o que fazemos é que nos sentimos muito cansados. Lutando contra essas ideias, nos sentimos muito cansados. Agora, toda a nossa situação… é tornada muito mais simples através da vida de Cristo.

Mas observem as nações cristãs. Elas são exatamente o oposto. Elas estão no lado oposto aos ensinamentos de Cristo. Eles são os países mais agressivos. Eles agridem tanto as pessoas… que no mundo inteiro, eles são considerados como algo… muito importante e como se fossem reis ou algo assim. Eu sei disso porque nós estávamos em escravidão na Índia… e fiquei surpresa ao ver aquelas pessoas que vieram do exterior… e se tornaram os mestres. Eles eram os mestres e nos tratavam tão mal, nos faziam realmente escravos. Então a escravidão começou e depois todas essas coisas começaram… na Índia assim como no exterior. Em todo lugar, as pessoas começaram a pensar… que elas eram grandiosos e elas eram cristãs. Elas iam à igreja e o que elas aprenderam da igreja?

Como dominar os outros, como rebaixá-los, como tomar tudo aquilo que pertence… às pessoas mais pobres ou às pessoas menos fortes. É algo que nós mesmos vimos. Assim, isso acontece com essas pessoas que têm esse ego muito, muito poderoso. E elas tentam tomar posse… das coisas que pertencem a outros países. Que direito elas adquiriram de tomar o país de alguém? Eu não consigo entender. Todas essas complicações existem. Nos tempos modernos, eles são os piores. Nunca foi tão ruim como é hoje. Nós tivemos Hitler, tivemos pessoas desse tipo de vez em quando,.

Mas o mundo inteiro estava junto em um lado. Ninguém ficava confuso. Ninguém sabia que você tem de lutar o tempo todo. Agora, talvez por causa dos jornais, Eu não sei por quê, ninguém sabe qual lado é o correto, qual não é correto. É uma tamanha disputa em relação a tudo… e as pessoas não tentam compreender a realidade do problema. E eles estão matando indiscriminadamente todos os tipos de pessoas. É muito surpreendente como, neste mundo, os seres humanos… estão matando uns aos outros muito mais do que os animais. Nós somos piores, piores do que os animais, pois estamos nos matando, nossa própria família, nosso próprio povo. Na Índia também, ficamos surpresos ao ver como… eles estão matando, kashmiris estão mantando kashmiris. Da mesma maneira, em todo lugar que você vai, você descobre… que eles estão lutando entre eles mesmos.

Se você for à África, você ficará surpreso ao ver… como eles estão lutando entre eles mesmos. Agora o principio de lutar surgiu muito forte e… as pessoas acham que lutar é uma parte muito importante dos seres humanos. Qualquer coisa que você diga, imediatamente a luta começará. Agora, olhe para Cristo e Sua vida. Ele não lutou contra ninguém. Ele não discutiu com ninguém… e Ele aceitou, aceitou a morte na cruz. Ele aceitou isso porque Ele sabia que aquilo era para a ressurreição, não somente para a Dele, mas para a ressurreição do mundo inteiro. E isso é o que temos de aprender. Nós temos de ser os modelos de ressurreição. Nós vemos todas essas coisas acontecendo.

Ficamos angustiados também com isso e quando depois da Realização, as pessoas veem que o ambiente em volta está cheio disso, qie o seu próprio povo é assim, eles começam a lutar… por absolutamente nada e eles percebem: “Este é o meu próprio povo que está fazendo essa insensatez.” Você não pode corrigir isso. Você não pode fazer nada. Mas se seu Agnya está desobstruído, se seu ego está acabado, se não há nenhuma dominação de nenhum tipo em sua mente, e também o seu condicionamento está acabado, então você se torna o canal de criar paz. Você é aquele que onde quer que você esteja, você pode criar paz. Isso é algo, uma coisa especial para os Sahaja Yogis saberem, que se você não tem nenhum Agnya, pode parecer que você está sofrendo, mas você não está. Você está fazendo isso pelos outros, pelo ambiente em volta, pelos seus amigos, pelos seus vizinhos, você pode dizer, pelo seus compatriotas, por todos eles. Quando você não tem nenhum bloqueio no Agnya, você se torna uma grande fonte da Força Divina… que pode resolver qualquer coisa. Ela pode mudar, transformar as pessoas. Pode acontecer assim e… e isso aconteceu a muitas pessoas antes, individualmente.

Mas agora, coletivamente, Eu tenho certeza que toda essa raiva, todo esse temperamento de agressão e todos esses desafios… vindos de todas essas pessoas repulsivas podem chegar ao fim. Com as pessoas que não têm nenhum ego, com as pessoas que não ficam justificando suas coisas erradas, com as pessoas que têm uma ideia clara em relação ao o que é a Verdade, elas podem falar, podem não falar, isso não faz nenhuma diferença. Seja o que for que elas sejam, mas elas são um escudo tão grande… contra essas forças agressivas, que estão arruinando a paz do mundo. Assim, Cristo fez isso pela paz, para trazer a paz a esta Terra. É muito importante que haja paz, mas se não há nenhuma paz interior, como você pode ter paz externamente? É muito surpreendente o modo como muitos países… que falam de paz estão engajados nas guerras e lutando. Como podem ter paz desse jeito? Eles não têm nenhuma solução. Eles não compreendem. Eu acho que a única solução é transformá-los na Sahaja Yoga.

Essa é a única solução. Você tem de retirar o ego deles. Você pode ver em muitas pessoas que o ego resiste. Ele está lá e trabalhando. Esse ego é uma coisa muito, muito perigosa que as pessoas têm. Então isso foi aquilo… que foi realmente lidado por Jesus. Ele tentou neutralizar o ego de vocês. Ele tentou retirar os problemas do ego… para torná-los uma personalidade humilde, pacífica. Dizer que uma pessoa humilde e pacífica… está sempre em perigo é uma coisa errada de dizer. Observe-os.

Quando as pessoas são agressivas… e estão tentando dominar, o homem humilde é o vencedor, não aquele que domina. Assim, a coisa principal agora é… tomar cuidado com o seu Sr. Ego, com o modo como ele atua. É muito interessante, muito interessante observar como ele cria um drama, como ele tenta encobrir as coisas, como ele tenta mostrar que você é superior aos outros. Isso deve ser observado. Deve ser observado muito claramente… o que esse Agnya é capaz. É uma coisa muito, muito maliciosa, uma coisa muito prejudicial e a mais embaraçosa também. Essas pessoas egoístas são assim… e no final, elas se tornam pessoas nervosas, muito nervosas e acham que não há limites para elas próprias. Primeiro elas tentam controlar os outros. Mas depois elas precisam ser controladas. Elas são assim, porque ficam o tempo todo tentando controlar os outros… e não sabem como controlar a si mesmas.

Quem é a criança que está chorando tanto? Por que ela está chorando? Deve haver algo errado. Normalmente as crianças permanecem muito quietas em Minha palestra. Agora, esse ego é também como essa criança. Ele não ouve nada, não entende nada. Ele simplesmente continua perturbando tudo. Da mesma maneira, nosso ego também se comporta… sem ter nenhum conhecimento coletivo, sem ter: “Do que você é capaz? O que você está fazendo?” “Quem você está prejudicando?”

Nada, somente uma satisfação, uma satisfação tão cega de que você está fazendo algo… para afirmar sua personalidade. Se você só observar seu ego, você rirá… e desfrutará o palhaço, você verá que coisa ele é. “Ele tem me enganado tanto,” “que coisa horrível era esse ego.” Naquela época, quando Cristo estava lá, as pessoas tinham muito ego. Ninguém falava sobre isso. Ninguém dizia nada. Assim, essa foi a melhor forma pela qual Ele podia nos mostrar… que você pode abrir seu Agnya sacrificando sua vida, não na Sahaja Yoga, não na Sahaja Yoga. Mas de certa forma, na Sahaja Yoga também, se você tem um ego, você deve antes de tudo ficar no estado de testemunha. É o oposto. Se você tem ego, você não consegue ter o estado de testemunha.

Se você não consegue ter o estado de testemunha, você pode ter melhorado seu ego. É uma coisa muito confusa. Agora, vamos supor que você desenvolva um ego muito grande, então você continua justificando-o o tempo todo. Você pensa: “Seja o que for que eu tenha feito, é bom. Afinal,” “isso é muito bom para todo mundo, é bom para mim.” A justificativa pessoal começa. Com isso, você nunca consegue ver… o que você está fazendo a si mesmo, o que você está fazendo aos outros. É algo, é uma insensatez tão cega. Quando esse ego surge dessa maneira, então, quero dizer, nós podemos ter Hitlers, podemos ter todos os tipos de coisas. Eles pegam qualquer pequeno motivo e formam um grupo de pessoas… fazendo esse tipo de coisa, qualquer coisa.

Eles dirão: “Nós somos pessoas espirituais.” “Então temos um grupo e somos espirituais…” “e tudo que fizermos está certo.” Mas quem diz que está certo? Por qual lei isso está certo? E tivemos muitos cultos e coisas assim, em todo lugar, onde as pessoas se juntaram a elas, se mataram, tiveram todos os tipos de problemas. Como isso pode ser espiritual? Na espiritualidade, a coisa mais importante é… que a pessoa se torna muito dócil, muito humilde, muito humilde. Seu coração – humildade é o poder. A humildade da pessoa é aquilo que atua… e é aquilo que glorifica. Não é a agressão.

Vejam, Hitler veio e morreu. Quem o venera? Outros também vieram. Como Mussolini veio e morreu. Quem o venera? Há tantos assim que vieram e foram embora. As pessoas não querem nem mesmo ter a estátua deles, tão ruins eles eram. Assim, aqueles que têm esse ego são realmente pessoas muito estúpidas… no sentido de que fazem tudo errado, achando que é a coisa certa a ser feita. No final, eles são reconhecidos totalmente como… um tipo muito, muito errado de pessoas. As pessoas não querem nem mesmo citar o nome deles.

Assim, o tempo pode provar o que eles são e o que eles estão fazendo. É um trabalho muito, muito calculado do Divino. Você não deve fazer o jogo do ego deles. Tente ver por você mesmo: ” Oh Sr. Ego, então você está aí.” Tente observar. E nesse momento, se você recita o nome de Jesus, o ego irá embora. Apenas recite… o mantra de Jesus e o ego desaparecerá. Um outro lado desse ego horrível é o condicionamento. Isso também tem algo muito, muito, muito sutil. Por exemplo, vamos supor que alguém vá em sua casa… e comece a dizer: “Que tapete sujo!”

“Eu não gosto desta cor, não gosto desta coisa”, sem compreender que está ferindo uma outra pessoa. Ele entra falando assim. E depois você vê como ele tem sido estúpido, porque ninguém gosta de uma pessoa assim que fica falando desse jeito. Mas para ele, é muito importante… que ele corrija porque ele tem um condicionamento… de que um tipo específico de tapete é bom… e um outro tipo não é. Esse condicionamento atua. E ele continua falando insensatez: “Isso não é bom, aquilo não é bom.” Você não consegue desfrutar nada. Você não consegue desfrutar nada. Você vai em qualquer casa e não gosta disso porque há um condicionamento. Você conhece alguma outra coisa que é boa. Não.

Então eles não conseguem desfrutar. Tudo eles decidem com o condicionamento deles. Nada é independente. Não tem nada a ver com a personalidade intrínseca, com o valor intrínseco dessa coisa. É exatamente assim: “Oh, não gosto disso.” Isso não é bom, isso não deveria ser dito por Sahaja Yogis. Nunca use essa palavra. Você pode verificar a partir de Mim. Eu nunca faço isso. Seja o que for, Eu digo: “Está tudo bem.”

Eu nunca critico. Esse negócio de criticismo vem desse condicionamento, porque você tem tido um condicionamento assim. Vamos supor que você é um inglês, você tem condicionamento inglês. Agora, a correção surge. As vacas deles contraíram aquela doença. Como elas contraíram a doença quando vocês são pessoas tão perfeitas? Depois na Europa, os animais contraíram uma doença. Como é que eles contraíram essa doença… quando vocês acham que são as pessoas mais limpas que já viveram? Apenas fique atento, por quê? É tudo condicionamento deles: “Nós sabemos tudo.

Nós somos os melhores no mundo inteiro…” “e temos o direito de governar todo mundo.” Agora, tenham isso. Agora, aqueles que são povos muito ricos, como os EUA e tudo mais, costumavam pensar que não há limites para eles mesmos. Agora, o que aconteceu? De repente, ele se tornou um país onde todo mundo tem de ter pena deles. Por quê? Qual é a razão? Por que isso aconteceu de repente? É sempre a natureza que os corrige… dando o outro lado disso. Qualquer coisa da qual você tente se gabar… ou tente impor seu condicionamento aos outros, você o mantém, então isso surge.

Isso atua de uma forma tão grande que você não consegue imaginar. E depois aquilo não dá certo, então há terremotos, todos os tipos de calamidades aparecem. Havia um grupo de pessoas que eram brancas… próximas ao Rio Mississipi, e elas eram chamadas de “rednecks” (“pescoço vermelho”, “caipira”), porque estava sempre quente, o pescoço delas estava sempre quente, elas eram pessoas tão raivosas, irascíveis. E esses “rednecks” eram conhecidos por serem muito cruéis. Eles matavam pessoas e colocavam a culpa em outras pessoas, nos índios, e os prendiam e os destruíam. Isso continou sem parar. Mas um dia, o Mississipi inundou, inundou muito, ele entrou em todas as casas desses “rednecks”… e Eu os vi fugindo… com todos os seus pertences, que eles não conseguiam carregar também. Alguns deles estavam deixando para trás, alguns deles estavam correndo… e, enquanto corriam, eles também estavam perdendo as coisas. Desse jeito, o caos se estabeleceu com os “rednecks”. E agora, Me contaram que eles estão muito melhores.

Toda essa insensatez que eles tinham de matar todas as pessoas negras… e torturá-las, agora caiu sobre suas cabeças. O Mississipi lhes ensinou uma lição. Assim, como a natureza também não gosta de pessoas condicionadas. O condicionamento está criando um grande problema agora, mesmo agora, em todos os países, como o racismo. Racismo é um condicionamento muito ruim. Se alguém é preto ou branco ou vermelho, o que importa? Deus criou essa pessoa. Eu sempre digo isto nos EUA: se eles removerem todas as pessoas que não são brancas, o que restará? Eles não sabem cantar. Eles não sabem tocar.

Eles não sabem como operar. Todos os médicos indianos e enfermeira indianas irão embora… e o que eles farão? Imaginem, achando que não há limite para eles, eles são grandes racistas. Mesmo agora, eles são, mas gradualmente eles definitivamente melhorarão, porque eles devem reconhecer suas deficiências. Este mundo é um só e você precisa de pessoas de todos os países… para ajudarem uns aos outros. Mas esse condicionamento de pensar que eles mesmos são pessoas importantes, o condicionamento muito ruim, é uma mistura de ego com condicionamento, condicionamento propiciando o ego: “Nós somos os melhores.” Mas Eu estou muito feliz em saber que após a Realização, assim que acontece essa ressurreição, os Sahaja Yogis começam a pensar, a compreender… o que está errado em sua própria comunidade, qual é o erro que eles têm cometido. Eles simplesmente se tornam assim: alertas. E eles começam a falar… que eles são os que estão fazendo esse tipo de insensatez. Imaginem.

É muito surpreendente… o modo como você se torna consciente dos defeitos de seu próprio país. É tão importante esse Agnya. Isto é o que Eu acho que Cristo percebeu: esse Agnya deve ser aberto. A menos e até que o Agnya se abra, as pessoas não podem ir além e é por isso que Ele se crucificou… e depois ressuscitou, porque sem matar o Agnya, você não pode ressuscitar. Todas essas coisas têm dado certo tão bem agora, que o mundo inteiro está vendo vocês como uma vista panorâmica… da completa destruição da insensatez. Eles estão vendo isso muito claramente… e vocês veem agora que essas pessoas que nem mesmo olhavam para nós, que tinham um nariz muito empinado e eram duronas e teimosas… estão todas relaxadas. Elas estão se perguntando por que isso está acontecendo. “De onde obtivemos essa maldição?” Assim, especialmente para os europeus, eles têm de entender a beleza… e o amor e a grandiosidade dos outros seres humanos, e então isso os satisfará muito. Por que há tanto problema agora de recessão?

Como ela surge? A recessão não é nada, é o mesmo Sr. Ego. É o mesmo condicionamento, que era como uma cobra que estava devorando. Agora ela recuou, está saciada. Não precisa mais devorar, está bem saciada. E talvez agora ela esteja em perigo de ter uma indigestão, Eu acho. Assim, essas duas cobras que estavam devorando os seres humanos recuaram. É o melhor momento em que você pode ver o drama, o drama do ego e de seu condicionamento, como essas duas coisas têm devorado os seres humanos. A pessoa deveria sentir-se acanhada. A pessoa deveria se sentir um pouco modesta em relação a isso.

Quando você está cheio de ego, você não vê nada. Ou impondo um condicionamento aos outros, isso é horrível, Eu lhes digo. Eu não consigo entender como eles podem… impor um condicionamento aos outros. Agora, todos vocês gostam, digamos, da música indiana. Mas quando os ingleses estavam nos governando, eles achavam que era um barulho horrível acontecendo. Eles nunca conseguiam entender. Agora eles estão pagando muito para assistir o programa de música. Isso é também um tipo de repulsa, mas… eles também não entendem. Ainda assim eles irão… porque é considerada uma grande moda… ouvir música indiana. Assim, isso é o seu ego também que é tão estúpido… que só Deus sabe quando ele cederá.

Hoje ele dirá: “Esta é a melhor coisa.” Amanhã ele dirá: “Não, não, não, não,” “devemos escolher o outro. Esse é muito melhor.” Nisso, Eu vejo que eles não têm nenhum discernimento. Basicamente as pessoas não têm nenhum discernimento. Aqueles que têm ego são sem discernimento. Eles não conseguem discriminar entre o mal e o bem. E pessoas assim têm sido agora, graças a Deus, têm sido muito punidas. Mas é a vida de Cristo, Seu modelo, que prova que a ressurreição de vocês é tão essencial, que é inata, a menos e até que você a tenha, você está perdido. Quer seja um país, quer seja uma pessoa ou qualquer organização.

Esse ego que você tem pode arruinar, por fim, agora está sendo provado, ele pode tirá-lo completamente da realidade. Essa é a coisa que o cega, que pode – um outro ego pode cegá-lo também. Por exemplo, nós tivemos aqueles padres, tivemos aqueles mullahs… e todas aquelas pessoas. Elas são as que têm… esse poder enorme de desencaminhá-los, porque seu ego não tem nenhum senso de discernimento. Ele nem mesmo pensa assim. E quando eles são especialmente… não muito do lado do ego, mas do lado do condicionamento, é ainda muito pior, muito pior. Porque quando você está condicionado, você começa a acreditar em todos os tipos de insensatez. E você começa a arruinar sua saúde com isso. É uma coisa muito, muito surpreendente como as pessoas entendem… e gostam de coisas que são muito destrutivas. Mas você pode lidar com isso.

Esses são os tempos modernos, onde você pode fazer propaganda, você pode fazer todo tipo de sedução, tudo, e você pode lidar com esse Sr. Ego muito bem, que mima você. Nesse mimo, o ego fica completamente afogado e… ele perde seu controle sobre sua própria personalidade. Desse modo, muitas pessoas se perdem nisso. Agora, Cristo sacrificou Sua vida e depois ressuscitou. Da mesma maneira, todas essas pessoas… que arruinaram suas vidas têm de se elevar… através da ressurreição, não há outra saída, através da Sahaja Yoga. Quando você entender o seu próprio valor, você entenderá tudo. Senão, o que é isso? Você está olhando através de seus olhos… ou através dos olhos de outra pessoa? Você está ouvindo através de seus ouvidos ou através dos ouvidos de outra pessoa? Deve ser os seus próprios, então conheça a si mesmo.

Quando você conhecer a si mesmo, tudo dará certo muito bem. Somente a partir disso, a partir dessa categoria de pessoas… que conhecem a si mesmas, a Sahaja Yoga pode ser construída, não através de pessoas que não conhecem a si mesmas. É um assunto muito, muito longo. Eu poderia continuar nesses dois assuntos, mas a coisa principal é que nós temos de ser gratos a Cristo… por introduzir essa ressurreição, de modo que nós obtemos o nosso discernimento. O discernimento divino, nós o obteremos. É uma grande luta, um grande caminho que Ele criou, nós podermos passar através dessa provação muito facilmente, que matará nosso ego e nosso condicionamento. Eu estou feliz, os Sahaja Yogis perceberão isso, e respeite isso dentro de você mesmo. de modo que você está vendo seu ego e superego… tão claramente e você pode estar acima disso. Que Deus abençoe todos vocês.