Gudi Padwa Puja

Palam Vihar, Gurgaon (India)

2002-04-13 Gudi Padwa Puja Talk, Gurgaon (Hindi), 14' Download subtitles: EN,PT,TRView subtitles:
Download video (standard quality): Download video (full quality): View and download on Vimeo: View on Youku: Listen on Soundcloud: Transcribe/Translate oTranscribe

2002-04-13 Gudi Padwa Puja Talk, Version 2, Gurgaon (Hindi), 14' Download subtitles: EN,PL,TRView subtitles:
Download video (standard quality): Download video (full quality): View and download on Vimeo: View on Youku: Listen on Soundcloud: Transcribe/Translate oTranscribe

Feedback
Share

Gudi Padwa Puja, Palam Vihar, Gurgaon, Índia, 13.04.2002.

O festival do Gudi Padwa que estamos celebrando hoje… também é celebrado em outras partes da Índia, mesmo no Sul. Em todos os lugares, esse festival é celebrado. O ano do calendário “Samvat” que foi iniciado… e o ano do calendário iniciado pelos Shalivahanas, ambos começam no mesmo dia. Este dia é hoje. Em todo o país, este dia (Ano Novo) é celebrado. Todas as datas importantes do ano são fixadas… nessa base, especialmente os festivais. Nós indianos seguimos o calendário lunar, enquanto os ocidentais seguem o calendário solar. É por isso que as datas dos festivais deles não mudam. Aqui, cada festival é baseado na posição da lua. E é por isso que as datas continuam mudando… e o mesmo festival cai em datas diferentes em anos diferentes.

A razão pela qual nós damos importância à lua… e mantemos todas as nossas datas de acordo com a posição dela, é que a lua tem uma influência sobre os seres humanos. O sol não tem. Junto com a Lua, outros planetas também têm influência sobre nós. É por isso que seguimos o calendário lunar… e fixamos nossos festivais de acordo com isso. Há um festival, entretanto, onde a data é de acordo com a posição do sol. Quando o sol começa… seu movimento do hemisfério sul para o hemisfério norte, essa data é celebrada como um festival (Sankranti). Em nosso país, a ciência da astrologia também é baseada nas posições da lua. Na astrologia também, as posições da lua são levadas em consideração. O primeiro calendário que foi feito aqui, que é chamado de Shalivahana Shaka, é baseado nos movimentos da lua. É por isso que todos os festivais são baseados na posição da lua.

Essas pessoas que não estão cientes do nosso sistema… de datas não serão capazes de entender… por que nossos festivais caem em datas diferentes em anos diferentes. Seja o que for, nós devemos pensar… na razão pela qual nós damos tanta importância à lua. A razão é que nós devemos permanecer vigilantes… sobre os efeitos que a lua tem sobre nós. O maior efeito que a lua tem sobre nós é… porque nosso canal esquerdo é baseado nela. Muito poucas pessoas sabem disso. Esse canal esquerdo do corpo que é reconhecido… e muito aceito em nosso país tem efeitos psicológicos em nós. Os efeitos no canal esquerdo são psicológicos… e não intelectuais, e nós não podemos controlá-los. Quaisquer problemas psicológicos que tenhamos não podem ser controlados. Nós não podemos controlar o efeito da lua em nós. É por isso que a posição da lua é observada… e as datas lunares são observadas.

Por exemplo, se for uma noite sem lua (Amavasya) ou… uma noite de lua cheia (Poornima), então o problema de uma pessoa… que tem epilepsia ou qualquer outro problema psicológico agravará ainda mais. Pode-se ver imediatamente muito claramente… que uma pessoa assim foi afetada pela lua cheia ou pela lua nova. É por isso que nós somos muito sensíveis… em relação à posição da lua e à data do mês lunar. Em nosso país, cálculos detalhados são feitos sobre isso… para saber sobre os horários exatos… e a posição do eclipse e quando ele vai terminar. Tudo isso mostra que em nosso país muito cuidado é tomado… sobre as posições da lua no calendário lunar… e muito foi discutido e escrito sobre isso. Agora nós vivemos nestes tempos modernos, onde as datas… e os festivais são baseados na posição do sol. Mas isso não é correto. Nós devemos observar a posição da lua, qual é a sua posição hoje, qual será amanhã, como isso nos afetará hoje. Este é um assunto muito profundo sobre o qual todos nós devemos saber… e deve ser discutido em nosso país. Então esse dia é comemorado porque é um dia de ano novo… e também porque a lua nova aparece neste dia.

É chamado de Gudi Padwa. Neste dia, eles colocam uma pequena jarra… em uma vara com uma pequena bandeira. A jarra representa a Kundalini. Os reis Shalivahana eram veneradores da Deusa… e é dito que eles costumavam presentear a Deusa com um xale. Eles também foram chamados de Satvahanas no início, porque eles reconheceram os sete chakras (Satvahana significa sete chakras). É por isso que eles foram chamados anteriormente de Satvahana, mas mais tarde mudou para Shalivahana. Mas o símbolo de Shalivahana costumava ser Gudi, significa uma bandeira, e acima dele está uma jarra de uma forma específica, que representava a Kundalini. Eles eram veneradores da Kundalini, eles reconheceram e veneraram a Kundalini. Essa é a razão pela qual eles fizeram isso… desse jeito e todos aqueles que aceitaram isso… também colocam um “Gudi” em suas casas. Pode-se dizer que eles colocam uma bandeira.

Eles, os Shalivahans, queriam dar as boas-vindas a Kundalini neste dia… e é por isso que a Kundalini (como jarra) foi exibida especialmente naquele dia. Mas as pessoas não sabem por que é feito assim. Elas simplesmente continuam fazendo coisas assim. Pelo menos elas deveriam perguntar: “Por que é feito assim?” “O que é essa coisa?” Porque eles eram Satvahanas e aceitaram os sete chakras, eles costumavam venerar e proteger a Kundalini, então eles começaram assim o novo ano deles. Eles celebraram o novo ano deles, no qual havia uma pequena jarra… e abaixo dela uma bandeira, chamada Gudi, foi anexada. Aqui, as pessoas não sabem sobre isso. Mas o ano Samvat e Vikram, ambos começaram a partir deste dia. Pode ser que o ano no qual eles começaram foi diferente, mas a data que ambos começaram foi a mesma, ou seja, a data de hoje. Ambos reconheceram a mesma noite sem lua. Desta forma, este Gudi Padwa é observado por ambos.

Não na noite sem lua, mas no primeiro dia da nova quinzena (Prathama). É por isso que não há lua no céu esta noite… e está completamente escuro. Mas nós devemos saber a razão pela qual isso é celebrado em nosso país… e qual é a sua importância. A menos e até que saibamos sobre nosso país, nós não seremos capazes de ter respeito e amor por ele. Há muitas coisas muito profundas… e importantes sobre o nosso país, mas não sabemos sobre elas. Nós apenas dizemos que é Kali Yuga. Nós apenas ouvimos algumas coisas e começamos a falar sobre isso. Há uma grande história sobre esta Kali Yuga que aconteceu… nos tempos do rei Parikshit. Ninguém sabe sobre isso e ninguém lê sobre isso. Nós continuamos lendo coisas inúteis.

No máximo, às vezes, lemos o Ramayana. Mas qual é a mensagem por trás disso? Quais são as escrituras? Ninguém sabe. Os Sahaja yogis devem saber como nossa civilização evoluiu… e como chegamos a este estado atual. Sem saber tudo isso, desenvolvemos um entendimento como o mundo ocidental, que não tem profundidade e só nos dá ego. É melhor entender de onde… nós adquirimos todas essas coisas dentro de nós e qual é a importância delas. Por que celebramos todos esses festivais? Só porque todo mundo está fazendo isso, então também fazemos o mesmo. Esse tipo de atitude não é correta.

Nós temos de entender o que estamos fazendo. Eu quero que todos os Sahaja Yogis entendam… a significância de tudo isso. Se Eu tivesse tempo, Eu teria escrito tudo isso para vocês. Mas Eu não tenho tempo. Vocês podem ler e saber tudo sobre isso. Há tantos livros sobre isso em hindi na Índia. Ninguém os lê. Todos eles estão disponíveis aqui em Delhi. Eu os comprei em Delhi somente. Então nós devemos saber tudo sobre isso.

Na mitologia, muitas coisas úteis são mencionadas que uma vez entendidas, nos explicam por que nós indianos somos considerados seres humanos superiores. Nos dirão qual é a base da Índia. Não do ponto de vista social, mas culturalmente, nós somos considerados supremos. Em segundo lugar, nós também devemos saber… como devemos estar estabelecidos em nossa religião. O que é religião? Todas essas coisas são mencionadas em profundidade em todos esses livros. Eu quero que todos vocês estudem isso e isso lhes dará uma nova direção. As línguas estrangeiras ou o conhecimento estrangeiro… são todos muito superficiais. Eu comprei muitos livros da livraria Satya Sahitya. É uma boa loja e Eu comprei muitos livros de lá.

Não custa muito. É muito barato. Mas você precisa de tempo para ler tudo isso. Nós continuamos lendo coisas inúteis, assistimos filmes inúteis, lemos notícias inúteis. Nosso estudo deve ser em profundidade e em assuntos que temos tido há eras. Hoje é um dia muito auspicioso. Eu não estava Me sentindo bem, mas Eu pensei nesta ocasião auspiciosa… que Eu devo ter o Puja. Bênçãos eternas a todos vocês.